O super-juiz “saloio” e sem dinheiro em nome de amigos diz que é escutado

José Sena Goulão / Lusa

O juiz Carlos Alexandre

Chamam-lhe o “super-juiz”, mas Carlos Alexandre diz que é apenas o “saloio de Mação”, um “bicho-do-mato” que não tira férias há 10 anos por ter contas para pagar e não ter dinheiro “em nome de amigos”. Revelações feitas numa entrevista à SIC, na qual assume sentir que é alvo de escutas.

“Sinto-me escutado no meu dia-a-dia, sob várias formas”, disse o juiz Carlos Alexandre, que carrega o peso de ter ordenado a prisão preventiva de José Sócrates.

“Por vezes há pessoas que não conseguem estabelecer contacto comigo. O telefone vai abaixo para voice mail quando eu estou em sítios onde há carga máxima e onde há comunicações”, salienta o “super-juiz” em grande entrevista à SIC.

O juiz do Tribunal Central de Instrução Criminal (TIC) diz porém que estas escutas não o preocupam.

“Falo abertamente sobre o que tenho de falar, com as pessoas em causa e não tenho segredos“, sublinha.

Na entrevista, Carlos Alexandre abordou ainda o assalto que sofreu, há cerca de sete anos, quando lhe deixaram uma arma em cima da fotografia do filho, para notar que não tem medo.

“Se tivesse medo não me levantava da cama”, aponta ainda. “Aceito o meu destino. Tenho família, mas enquanto o assunto for comigo não me preocupo”.

“O saloio do Mação”

Recusando a alcunha de “super-juiz”, um conceito que diz que provoca “alguma animosidade na classe” contra si, Carlos Alexandre realça que tem poucos amigos entre os magistrados e que deve ter “muito poucos” inimigos.

“Sou o saloio do Mação, com créditos hipotecários que tem de trabalhar para os pagar, que não tem dinheiros em nome de amigos, não tem contas bancárias em nome de amigos e até desse ponto de vista que não tem amigos”, sustenta o juiz, notando que não tira férias há dez anos.

Como não tem “fortuna pessoal”, nem “fortuna herdada”, Carlos Alexandre refere que está obrigado ao “trabalho honrado e sério”.

ZAP

PARTILHAR

20 COMENTÁRIOS

    • Infelizmente só temos 1 saloio. É pena não termos mais saloios como este, pois já tínhamos atrás das grades muita gente que nos roubou. Depois o povo tem que pagar os roubos dessa gentalha com o dinheiro dos impostos e assim tapar os buracos. A gentalha fica com o produto dos roubos, leva uma vida cheia de invejáveis mordomias e nada lhe acontece. Por último aparece sempre o ZÉ, muitas vezes passando necessidades, mas que é obrigado a tapar os buracos com os impostos que tanto o asfixiam. CADEIA PARA A CAMBADA AINDA É POUCO. TRABALHOS FORÇADOS. Finalmente, todos os bens que, até à terceira geração, não fosse comprovada a origem, reverteriam a favos do Estado.

  1. Mostrou ser um homem sério e honesto e que tem-nos no sítio ao contrário da maior parte que apenas não quer chatices.Força sr. Juíz ponha esses pulhas e corruptos na cadeia pois prejudicam o país e os portugueses.Houvesse muitos como ele e este país estava mais limpo e decente.

  2. Felizmente sou saloio e com muita honra. Porque há saloios que nem o sabem ser, tal como o sr. sócrates. Percebe-se muito bem o que este Senhor transmite. Parabéns meu caro Senhor Carlos Alexandre, falta muitos Carlos, Jorge, Maria, Adelina e outros milhões que reclamam mais justiça. Obrigado, simplesmente, OBRIGADO.

  3. Para ser Juíz, é preciso te-los no SITIO ou então não vale pena ser Juíz, pode ser um simples Advogado. Parabéns Sr.CARLOS ALEXANDRE tem o meu VOTO, ponha abaixo todos os ladrões, corruptos, vigaristas e parasitas deste país.

  4. Creio que pela primeira vez, corrigam-me se estiver enganado, mas os comentários que se encontram publicados mercem da minha parte uma admiravel satisfação. Por uma razão muito simples, a elevação da escrita sem qualquer atentado e com absoluta razão no seus conteúdos. Parabéns a todos os intervenientes.

  5. O super juiz diz não ter contas bancárias, nem dinheiro em contas de amigos. Eu não acredito!! E você acredita??? O homem tem o cofre lá em casa e estará a abarrotar!!!

  6. Até 15 de Setembro o inquérito ao caso Socrates tem de estar concluído.

    – Disse que se sente “escutado”
    – Disse que foi assaltado e lhe deixaram uma arma em cima da foto do filho
    – Disse que é o saloio de Mação, tem créditos que está a pagar, que vive do trabalho honrado,
    – Cita a teoria moral de Kant ( que, genericamente diz, “não faças ao outros o que não gostarias que te fizessem a ti”, sem clarificar contudo se se deve ou não perdoar.
    – Disse que os cortes no seu salário começaram em 2011 ( governo de Socrates).
    – Disse que não tem fortuna, nem heranças
    – Disse que não tem dinheiros em nome de amigos, nem dinheiros em contas de amigos

    Conclusão, a humilde interpretação que faço, porventura errada, é que o Sr. Dr. Juiz Carlos Alexandre procura nesta entrevista, em que escolheu o momento temporalmente conveniente, três coisas:

    1- Fez, e bem, a desmontagem duma certa imagem de “endeusamento” que pairava à sua volta, fruto dos complexos e dificeis processos que teve e tem em mãos, procurando transmitir a ideia de que é um cidadão como qualquer um de nós, com virtudes, defeitos e falibilidade. Aprofundou sábiamente, os laços empáticos com o povo, com os propósitos que o futuro dirá.
    2- Segundo o próprio referiu, tem 2/3 de decisões correctas, confirmadas por Tribunais superiores, o que significa 1/3 de decisões porventura discutiveis.
    3- Assume que a sua quebra de rendimentos começou no período de governação de Sócrates.

    Portanto, em suma, a “parada” está cada vez mais alta. Veremos o que se segue nesta novela.

  7. Só não chora quem não tem coração. Não me digam que o homem ganha pouco mais que o salário mínimo! Quem é que acredita, que quem está no lugar que está, aos anos que está, tem que fazer uma vida repleta de sacrifícios? Não brinquem com a pobreza.
    O mês de setembro está a chegar ao fim, e parece-me que o “tapete” lhe está a fugir debaixo dos pés…

  8. Parem de lamber as botas ao super juiz.. se não tem dinheiro não o gaste.. porque aufere mais de 40 mil euros anuais.. há quem viva com 5 mil por ano.. deixe se de tretas quando tem um subsidio de habitação superior ao ordenado mínimo nacional fora as ajudas de custo.. se não vai de férias o estado PAGA-LHE O VENCIMENTO EM DOBRO (cerca de 7 mil euros).. portanto essa conversa é da treta.. credibilidade deixa muito a desejar, quando fez obras na sua casa em Oeiras SEM LICENÇA e pagou 500 euros de multa á autarquia.. a moral só serve para quem enfia a carapuça.. do processo mediático que gere, nem me pronuncio, porque é só baseado em noticias do pasquim do CM, porque PROVAS é BOLA! ZERO!.. AS VEZES MAIS VALIA ESTAR CALADO!

    • Gostava de ver as provas de tudo o que disse, papeis e não conjeturas. Recibos de vencimento, recibos que provem que as férias lhe foram pagas, porque é tudo muito bonito, atira-se para o ar com estas declarações mas provar… Eu sou funcionária da administração local (equiparada à função pública) e a minha amiga e cabeleireira também pensava que sempre que os funcionários públicos gozam pontes com os feriados lhes pagam o ordenado normalmente. Era bom era, os funcionários públicos relativamente aos privados só têm uma vantagem, a de poder gozar as pontes quando querem, porque esses dias são descontados dos dias de férias a que têm direito durante esse ano e recebem como qualquer outro o que é de lei receber durante as férias, ou seja, o subsídio de alimentação.

      • Não creio que se possam fazer comparações entre a sua situação profissional e a de um Juiz.
        Todos sabemos, porque é publico, que os Juizes gozam de um estatuto à parte, o que aliás, faz todo o sentido, visto a imparcialidade política que devem ( ou pelo menos deveriam) ter e a que estão obrigados.
        Um Juiz goza de um estatuto e de um conjunto de benefícios, alguns deles absolutamente incompreensíveis, que outros não têm. Diria mesmo que, em pleno sec. XXI, um Juiz, ainda é visto por muitos como que um Deus ora, não é assim. Um Juiz é um ser humano como qualquer outro, com as suas virtudes e defeitos e, dentro destes, a margem de erro também é contemplável.
        Concordo, porém, que um Juiz deva ser bem pago, dada a responsabilidade, o risco e a impossibilidade de exercerem outro tipo de funções, que lhes poderiam trazer mais rendimentos, a que estão obrigados.

  9. Um Homem com “cojones”.
    Devia investigar os incêndios em Portugal que todos os anos devem dar lucro a muita gente e porventura a gente da alta pois todos os anos é sempre mais do mesmo. Curioso ouve-se dizer que foram presos todos os anos x gajos a pegar fogo mas no fim nenhum é preso com grandes penas ou são sempre inimputáveis e tolinhos e postos outra vez ao fresco, será que é apurado nas investigações que há peixe graúdo e outros interesses e para ali? Fogo posto deveria ser considerado terrorismo e condenados como tal.
    Comigo eram pendurados no helicóptero por um cabo de aço e ficavam a assar por cima do fogo com as tv a filmar em directo a ver se não acabavam logo os fogos.

  10. O amigo Marcolino tirou-me quase as palavras da boca em relação aos incendiários! Também eu e com a revolta que sinto sobre o assunto dois incêndios faria o mesmo barbecue pois os tolinhos dos portugueses vão acreditando que há fogos que acontecem por acidente ou causas naturais! Se assim fosse todas as selvas do planeta já não existiriam! Quanto ao Sr. Juiz, fez-me lembrar o criminoso Cavaco Silva que também se lamentou por ser pobre!… É extraordinário como este senhor juiz não prende os políticos corruptos de cor laranja cujas provas foram previamente destruídas ou abafadas no tempo! E porque ainda não conseguiu condenar legalmente o incómodo Sócrates? Afinal só era preciso afastá-lo e queimá-lo da vida política! Isso conseguiu! Parabéns. (Sempre me enraiveceu a esperteza saloia e vinda da “laranja mecânica” ainda mais!…) Não acordem não…

  11. O Sr. Juiz não sabe que ser honesto é crime ? Os comentadores às entrevistas do Sr. Juiz foram bastante explícitos nos dias seguintes : ” … entrevista de teor ” salazarento” … ” ou “… causou-me arrepios tanta honestidade do Sr. Juiz … ” etc etc
    Esta foi a tónica predominante dos ” paineleiros televisivos ” .
    Continuem assim … o povo está calado e observa este ” fartar de vilanagem ” … o final vai ser muito giro !!!

RESPONDER

Novo método permite eliminar a bioincrustação marinha eficazmente

Um projeto inovador demonstrou como os revestimentos de superfície eletricamente carregados podem eliminar a bioincrustação marinha ou o crescimento de organismos marinhos, melhorando a operação e manutenção de embarcações navais. A bioincrustação marinha é um fenómeno …

Aglomerado de safiras estrela encontrado no Sri Lanka pode ser o maior do mundo

Um aglomerado de safiras estrela do mundo foi encontrado num quintal no Sri Lanka. A pedra é azul, pesa 510 quilos e estima-se que valha cerca de 84 milhões de euros. A pedra foi encontrada …

Médico sírio acusado na Alemanha de crimes contra a humanidade

Um médico sírio foi acusado na Alemanha de crimes contra a humanidade por supostamente torturar e matar pessoas em hospitais militares no seu país de origem, informaram os promotores na quarta-feira. O Ministério Público Federal de …

Justiça climática. Vamos todos sofrer com as alterações climáticas, mas não de forma igual

A recente onda de calor na América do Norte é mais um exemplo de que apesar de ser um problema global, as alterações climáticas não vão afectar todos igualmente e podem exacerbar injustiças sociais e …

Os exemplos que Portugal deve seguir (e evitar) nas últimas etapas da pandemia

No plano apresentado pela equipa de Raquel Duarte comparam-se as estratégias opostas adotadas por Israel e Reino Unido, com a segunda a merecer nota negativa por parte dos investigadores. Os dados foram lançados na reunião que …

Jogos da Taça da Liga de sábado adiados para domingo para poderem ter público

O presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) anunciou, esta quinta-feira, que os jogos da Taça da Liga agendados para sábado vão ser adiados para domingo, para que possam ter público nas bancadas. "A Liga, …

Dinamarca enfrenta acção legal por querer repatriar refugiados sírios

O governo dinamarquês quer repatriar sírios naturais de Damasco depois de um relatório mostrar que há zonas da Síria onde a segurança melhorou. A decisão está a ser criticada por activistas e o caso pode …

Pela primeira vez, foi observada luz por detrás de um buraco negro

Um estudo divulgado esta quarta-feira revelou a primeira observação direta da luz por detrás de um buraco negro, através da deteção de pequenos sinais luminosos de raios-X, confirmando a Teoria da Relatividade Geral, de Einstein. Segundo …

Cheias atingem campos no Bangladesh. Pelo menos seis refugiados Rohingya mortos

Pelo menos seis refugiados Rohingya morreram após as cheias inundarem os campos de refugiados em Bangladesh nos últimos dias, destruindo os abrigos de bambu e plástico e deixando pelo menos 5.000 desabrigados, informou o Alto-comissariado …

Defesa de Salgado alega diagnóstico preliminar de Alzheimer do ex-banqueiro

A defesa do antigo presidente do BES, que está a ser julgado por três crimes de abuso de confiança no âmbito da Operação Marquês, pediu ao tribunal uma perícia médica devido ao seu diagnóstico preliminar …