Depois de uma crise política, Sputnik V envolta em mistério na Eslováquia

O acordo secreto para a compra da Sputnik V fez o Governo de Igor Matovic cair. Agora, e um mês depois de terem chegado ao país, as primeiras 200 mil doses da vacina continuam num armazém e sem autorização de administração.

A crise política na Eslováquia eclodiu há três semanas, quando foi revelada a existência de um acordo secreto entre Bratislava e Moscovo para a compra de 2 milhões de doses da vacina russa Sputnik V.

A crise levou à demissão de seis ministros, à saída do primeiro-ministro, Igor Matovic, e a uma remodelação do Governo de coligação composto por quatro partidos populistas de direita.

Agora, avança o Público, surgiu um verdadeiro mistério: a imprensa eslovaca reportou que testes feitos às vacinas recebidas em Bratislava concluíram que estas têm uma composição diferente da dos estudos clínicos revistos pela The Lancet.

O instituto eslovaco de controlo farmacológico alegou que, com base na informação disponível, não tem condições de retirar conclusões definitivas quanto à eficácia e segurança da vacina russa.

“No dia 30 de março, esta agência enviou um relatório oficial ao ministério da Saúde, informando não poder chegar a uma conclusão sobre os benefícios e riscos da vacina Sputnik V (…), por causa da quantidade de dados que não foram submetidos pelo produtor, de inconsistências nos formulários das doses e da impossibilidade de uma análise comparativa dos lotes usados em vários estudos e países”, confirmou a agência reguladora.

As notícias apontavam para a deteção de uma “fórmula” diferente daquela que foi oficialmente registada para a realização dos ensaios clínicos da Sputnik V, mas o instituto farmacológico não se pronunciou especificamente sobre este assunto.

O regulador europeu já iniciou uma “análise contínua” da Sputnik V para determinar se cumpre os requisitos da UE em matéria de eficácia, segurança e qualidade.

O Ministério da Saúde do país vai aguardar a conclusão do processo de avaliação do regulador nacional antes de avançar com a administração das primeiras doses da vacina russa.

As autoridades russas ainda não reagiram, mas, na conta oficial da Sputnik V no Twitter, consta um desmentido de que as doses enviadas para o país sejam diferentes.

As notícias “baseadas em fontes anónimas” de que as doses da vacina enviadas para a Eslováquia são diferentes da Sputnik V dos testes clínicos “são falsas“, lê-se na publicação.

Liliana Malainho Liliana Malainho, ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Nada de surpreendente, quando estamos a falar de um pais como a Rússia, com o historial conhecido de censura e falta de transparência.

RESPONDER

O "aeroporto do amanhã" está abandonado no meio de um pântano dos Estados Unidos

Era para ser o "aeroporto do amanhã", um centro intercontinental para aviões supersónicos com seis pistas e conexões ferroviárias de alta velocidade para as cidades vizinhas. Hoje, é pouco mais do que uma pista no …

Facebook remove (acidentalmente) página oficial de Ville de Bitche, uma remota cidade francesa

O Facebook apagou a página de Ville de Bitche, uma remota cidade francesa. O município passou um mês a apelar à rede social para repor a página. "Recebemos uma mensagem no Facebook e também percebemos que …

NASA escolheu SpaceX de Elon Musk para a próxima missão tripulada à Lua

Elon Musk fecha contrato de 2,9 mil milhões de dólares para levar o Homem novamente à Lua. O contrato é a mais importante vitória da SpaceX e reforça a posição da empresa como parceira …

Benfica 1-2 Gil Vicente | Galo canta e silencia águia na Luz

STOP. O Gil Vicente visitou na tarde deste sábado o Benfica e saiu do palco da Luz com os três pontos na bagagem e a “cantar de galo”, ao vencer por 2-1, num duelo relativo …

"Longa vida à monarquia." Realeza britânica tende a viver mais três décadas do que a população geral

As diferenças na longevidade de alguns membros da família real em comparação com a população em geral são extremamente grandes, mas não incomuns. O príncipe Filipe, marido da rainha Isabel II e o consorte mais antigo …

Abominável (e falso) Homem das Neves. Líder russo usou Yeti para atrair turistas para a Sibéria

Um dos líderes regionais mais antigos de Vladimir Putin confessou ter encenado avistamentos falsos de Yetis numa tentativa de encorajar o turismo na Sibéria. Aman Tuleev, um dos líderes regionais de longa data do Presidente russo …

Irão já está a enriquecer urânio a 60%

O Irão avisou e já está a cumprir. Menos de uma semana depois de ter acusado Israel de um ataque contra a sua principal central nuclear, o país diz estar a enriquecer urânio com uma …

Salvini vai a julgamento em Itália por bloqueio de migrantes em navio

Matteo Salvini, líder do partido de extrema-direita italiano Liga, vai ser julgado por acusações de sequestro pela sua decisão de impedir o desembarque de 147 migrantes resgatados no Mediterrâneo pela Open Arms, em agosto de …

Maldivas ponderam oferecer vacinas aos turistas

As Maldivas estão a ponderar dar aos turistas a vacina contra covid-19 quando chegarem para férias, de modo a incentivar o turismo. As Maldivas estão prontas para enfrentar a concorrência acessa assim que o turismo reabrir …

SOS Racismo diz que SEF atentava contra direitos dos imigrantes e aplaude extinção

O Governo decidiu extinguir o SEF e substituí-lo pelo novo Serviço de Estrangeiros e Asilo, com diferentes moldes de funcionamento. A associação SOS Racismo congratulou-se este sábado com a extinção do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras …