Bloco sai vencedor das negociações do Orçamento. É o partido que mais sobe

Mário Cruz / Lusa

A coordenadora do Bloco de Esquerda (BE), Catarina Martins

Num mês marcado pelo agravamento da crise pandémica e pela negociação do Orçamento do Estado para 2021, o Bloco de Esquerda foi o partido que mais subiu nas intenções de voto.

O Bloco de Esquerda foi o partido que mais subiu nas intenções de voto no mês de outubro, numa altura em que os partidos negociaram o Orçamento do Estado para 2021, revela uma sondagem da Intercampus para o Jornal de Negócios e o Correio da Manhã.

Os bloquistas dão continuidade uma subida que já vem a ser consumada desde agosto, numa altura em que tinham 8,5% das intenções de voto. Em setembro, esse valor aumentou para 9,9%. Agora, o partido liderado por Catarina Martins está com 11%.

Na frente, não há particularmente grandes surpresas. O PS é líder com 37,5%, subindo apenas uma décima, enquanto o PSD subiu cinco décimas, para 24,8%. A distância entre os dois partidos é agora de quase 13 pontos percentuais.

Embora lidere as intenções de voto, o PS tem vindo a registar uma descida, já que em junho chegou a ter 40%. Em contrapartida, os sociais-democratas regressam aos valores registados em agosto, depois de uma queda registada em setembro.

Quem também sai a perder das negociações do Orçamento do Estado para 2021 é a CDU, que perde oito décimas, atingindo 4,3% das intenções de voto.

O Chega, de André Ventura, subiu ligeiramente, mas ainda não recuperou os valores de agosto, quando atingiu os 7,9%. Este mês de outubro, está com 7,7% das intenções de voto, mais três décimas relativamente aos 7,4% do mês passado.

Por sua vez, PAN e CDS partilham o sexto e sétimo lugares, ambos com 4,1% das intenções de voto. Se o partido ambientalista conseguiu manter os valores, os democratas-cristãos perderam duas décimas.

Por último, embora a Iniciativa Liberal tenha ganho três décimas em comparação com o mês passado, chegando aos 2,4%, ocupa o último lugar das intenções de voto.

A ministra da Saúde continua a ser a governante preferida dos portugueses. Marta Temido é a melhor ministra para 20,9% dos entrevistados. A ministra da Cultura, Graça Fonseca, tem o pior registo, sendo vista como a pior governante por 14,1%.

ZAP //

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Sempre pensei que em 46 anos de ”suposta democracia” o povo ia aprender alguma coisa não,continua burro e a acreditar no pai Natal.Que belo futuro espera cá o buraco.

  2. Ainda o orçamento não foi aprovado e já o berloque está a ganhar. Faço tanto caso destas sondagens com da água que choveu há 100 anos. E fazem logo a festa, deitam os foguetes e ainda vão apanhar a canas!!

  3. Õ João, quem paga para o privado é sempre o público! Ou tem dúvidas? Olhe os hospitais privados que sobrevivem quase todos à conta do mau funcionamento do SNS! Olhe os patrões das grandes empresas portuguesas, quase todas a descontarem em paraísos fiscais, como a Holanda, e a entrarem em lay off em Portugal! Olhe a carta dos bastonários a atacarem a ministra da saúde porque ela não se deixa levar e defende a causa pública e, provavelmente, avançará para a requisição de médicos se a tanto as circunstâncias o obrigarem, o que não agrada aos privados porque entendem que o SNS é que tem que pagar a factura por inteiro. Hà muito boa gente a dispensar o Estado mas a depender cada vez mais dele!

    • E quem é paga os salários aos funcionários públicos? E onde é que o Estado vai buscar o dinheiro para investir e para criar infraestruturas?
      Olhe… tenha juízo.

RESPONDER

Parque de esculturas subaquático vai ser inaugurado em Miami

Miami vai servir de casa para um novo parque de esculturas subaquático como nunca viu. O ReefLine é projetado para servir como um recife artificial e vai estar disponível a receber visitantes em dezembro de …

Da "política do filho único" a incentivos à natalidade: como a China tem mudado a sua estratégia populacional

A China está a planear incluir novas medidas para estimular a taxa de natalidade do país e lidar com o rápido envelhecimento da população. A estratégia passa pelo “plano de cinco anos” que deverá estar …

Vacinação será “grande prioridade” de presidência portuguesa da UE

O primeiro-ministro português, António Costa, referiu hoje que a vacinação contra a covid-19 deverá ser uma das “grandes prioridades” da presidência portuguesa do Conselho da União Europeia (UE), após um encontro com o presidente do …

No Cambodja, os aldeões usam "espantalhos mágicos" para afastar a covid-19

Os aldeões do Cambodja têm evitado a pandemia de covid-19 sem máscaras nem distanciamento social, mas sim com "espantalhos mágicos" que espantam o vírus mortal. Os dois espantalhos de Ek Chan, um aldeão de 64 anos, …

O Arecibo desabou. É o fim de uma era à procura de vida extraterrestre

O Observatório de Arecibo, em Porto Rico, morreu. Três semanas depois de um dos principais cabos de sustentação da sua cúpula ter desabado, danificado irremediavelmente o radiotelescópio, o icónico caçador de vida extraterrestre antecipou-se à …

O maior elevador panorâmico do mundo tem vista para os cenários de Avatar

Com o recente lançamento de fotografias subaquáticas dos bastidores do Avatar 2 e a notícia de que Avatar 3 está quase a terminar as filmagens, não há melhor momento para revisitar o parque nacional que …

Pandemia tirou comida da mesa, mas deu asas a startup que transforma plástico do mar em máscaras

A startup portuguesa Skizo transformou a pandemia numa oportunidade de crescimento. Quando faltava comida nalgumas mesas, a empresa de produção de sapatilhas e bolsas passou a fazer máscaras a partir de plástico retirado dos oceanos …

Na Irlanda, o Pai Natal é considerado um "trabalhador essencial"

A Irlanda fez esta semana um anúncio especialmente dedicado às crianças, afirmando que o Pai Natal é considerado um trabalhador essencial no país e, por isso, não terá as suas deslocações restringidas no período natalício. …

Mais 2400 novos casos. Portugal ultrapassa os 300 mil desde o início da pandemia

Portugal ultrapassou hoje a barreira dos 300 mil casos de covid-19 desde o início da pandemia no país, em março, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). Portugal registou mais 2.401 novos casos, tendo passado a contabilizar …

Medidas para o Natal conhecidas no sábado. Passagem de ano com todas as restrições

O primeiro-ministro, António Costa, adiantou hoje que no sábado anunciará as medidas para o Natal “com as melhores condições possíveis”, mas avisou desde já que “a passagem do ano vai ter todas as restrições”. “O Governo …