Socialistas espanhóis apresentam moção de censura contra Rajoy

O PSOE apresentou, esta sexta-feira, no Congresso, uma moção de censura contra o presidente do Governo espanhol, 24 horas depois da sentença no “caso Gürtel”.

Um tribunal espanhol aplicou, esta quinta-feira, penas elevadas a uma série de políticos e empresários envolvidos num esquema de corrupção, a que se chamou “caso Gürtel”, que ajudou a financiar o Partido Popular (PP), no poder.

O próprio partido do primeiro-ministro foi multado em 245 mil euros por ter beneficiado do esquema ilegal que se baseava em conceder contratos públicos a empresas em troca de dinheiro.

O registo da moção de censura do PSOE, levada em mão pela porta-voz do partido, Margarita Robles, ocorreu antes de o secretário-geral, Pedro Sánchez, informar a direção nacional do partido, que está reunida neste momento na sede, em Madrid.

Sanchez reuniu-se na quinta-feira com parte da liderança do partido para analisar a possibilidade de apresentar a moção, que foi entregue esta manhã na Câmara Baixa.

A moção havia sido exigida pelo líder do Podemos, Pablo Iglesias, que já havia adiantado que a apoiaria. O líder do partido de esquerda denunciou que a decisão do “caso Gürtel” é a prova de que há “um partido delinquente” no comando do Governo, o que não se pode permitir em nenhuma democracia.

Ciudadanos apoia moção de censura “instrumental”

Com o apoio do Podemos, todos os olhos estão agora voltados para o partido Ciudadanos. O seu presidente, Albert Rivera, tinha anunciado que o partido ia avaliar o que fazer no resto da Legislatura e a sua relação com o Governo depois da sentença do “caso Gürtel”, que colocou o Executivo e o país numa situação “tão grave”.

“Há um antes e um depois” após a decisão do tribunal, disse. “Isto muda tudo”, afirmou Rivera, quando se pronunciou sobre a sentença do caso.

Segundo o Observador, a moção de censura poderá ser aprovada porque o Ciudadanos abriu a porta à possibilidade de votar a favor caso Rajoy não convoque eleições antecipadas.

“Ou o senhor Rajoy convoca eleições, ou convoca o Congresso dos Deputados através de uma moção de censura”, declarou o porta-voz José Manuel Villegas. “O senhor Rajoy não pode continuar a esconder-se”.

Para os ‘naranjas’, qualquer moção de censura só valerá se for “instrumental”, ou seja, se defender apenas a convocação de eleições e não de outros temas. Ainda não é certo se o partido vai apoiar a versão do PSOE ou se vai apresentar a sua própria moção.

O que é o “caso Gürtel”?

Rajoy, chamado a prestar declarações ao tribunal no âmbito do “caso Gürtel”, em julho de 2017, declarou que não estava a par dos casos de corrupção quando estes tiveram lugar, a partir de 1999, e que ele próprio decidiu, em 2004, cortar as relações que havia entre o PP e Francisco Correa, cujas empresas forneciam serviços a esse partido.

Este empresário, que é considerado o “cérebro” do “caso Gurtel”, foi condenado a mais de 52 anos de prisão e Luis Barcenas, um ex-tesoureiro do PP, a 33 anos de prisão e ao pagamento de uma multa de quatro milhões de euros.

Durante o julgamento, Correa explicou um esquema em que entregava “envelopes” com dinheiro a funcionários públicos e responsáveis políticos eleitos pelo PP, para ajudarem certas empresas “amigas” a ganharem contratos de direito público.

O chefe do Governo central nunca foi envolvido diretamente no caso, mas os seus cargos de responsabilidade no PP têm levado os opositores a acusá-lo de ter “fechado os olhos” a este esquema.

Este e outros escândalos de corrupção que envolvem membros do PP contribuíram para que o partido perdesse, em dezembro de 2015, a maioria absoluta que tinha no Parlamento espanhol.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Dança afro-beat inspirada nos saltos de Ronaldo já chegou a Paris

Uma música humorística 'afro-beat', publicada nas redes sociais e inspirada nos saltos de Cristiano Ronaldo quando marca golos, está a ser replicada na internet com dezenas de coreografias filmadas, muitas das quais em França. "Quand Cristiano …

Portuguesa Critical Software e BMW juntam-se para produzir "o carro do futuro"

A BMW escolheu a portuguesa Critical Software para construir "o carro do futuro". As duas empresas unem-se agora numa joint venture que terá sede no Porto. A companhia tecnológica portuguesa Critical Software anunciou, esta segunda-feira, a …

As criptomoedas podem vir a sobrecarregar a Internet, alerta BIS

O Banco de Pagamentos Internacionais (BIS) lançou, este domingo, um novo alerta: as criptomoedas podem "rebentar" com a Internet. O Banco de Pagamentos Internacionais - ou BIS, na sigla em inglês - lançou, este domingo, um …

Rui Patrício assina com o Wolverhampton por quatro anos

O guarda-redes português Rui Patrício, que rescindiu com o Sporting alegando justa causa, assinou contrato com o Wolverhampton válido por quatro épocas, anunciou hoje o clube da liga inglesa de futebol. O guarda-redes internacional português Rui …

Juízes querem condenados a cumprir mais cedo pena de prisão

Os juízes defendem que a pena de prisão deveria começar a ser cumprida logo que fosse confirmada por um tribunal de segunda instância, ainda antes da decisão transitar em julgado, mesmo que continuem a recorrer. A …

Médica reformada acusada de matar centenas de pacientes com doses fatais de analgésicos

Uma médica de clínica geral, agora aposentada, será a responsável pela morte de centenas de pacientes. A médica é acusada de prescrever doses fatais de analgésicos opiáceos a idosos no Reino Unido, nos anos 90. Jane …

Custo de vida para jovens estrangeiros em Lisboa ultrapassa mil euros

Um jovem estrangeiro precisa de 1032 euros para se instalar em Lisboa, sendo Lisboa a 57.ª cidade mais cara de uma lista de 80 cidades do mundo. Roménia é a cidade mais barata, de acordo …

Marcelo voltou a Pedrógão para limpar lágrimas (e Costa nem foi convidado)

Marcelo Rebelo de Sousa foi a figura central da homenagem às vítimas do incêndio de Pedrógão Grande, limpando lágrimas e distribuindo abraços, enquanto António Costa nem foi convidado. O primeiro-ministro admitiu que não foi convidado para …

Mihajlovic apontado ao Sporting para substituir Jesus

A imprensa desportiva apontou o técnico sérvio Sinisa Mihajlovic como o novo treinador do Sporting, substituindo o lugar deixado por Jorge Jesus. O antigo selecionador da Sérvia chegou a Lisboa esta segunda-feira, remetendo esclarecimentos para …

Falta de obstetras afeta assistência a partos de risco

O número de especialistas de ginecologia e obstetrícia é cada vez mais crítico no Serviço Nacional de Saúde, devido à falta de contratação de profissionais. O défice de especialistas de ginecologia e obstetrícia no Serviço Nacional …