Depois de sobreviver ao cancro, Sarah cruzou o Canal da Mancha a nado 4 vezes sem parar

Uma mulher norte-americana tornou-se a primeira pessoa a cruzar a nado o Canal da Mancha, entre o Reino Unido e França, quatro vezes sem parar. E dedicou a vitória a todos que, como ela, são sobreviventes do cancro.

Sarah Thomas, 37 anos, começou este desafio nas primeiras horas do último domingo e terminou-o 54 horas e 10 minutos depois. Nadadora de ultramaratonas em águas abertas – que completou um tratamento de cancro de mama há um ano – dedicou a travessia épica a “todos os sobreviventes (da doença) que há por aí”.

Até à data, houve quatro nadadores que cruzaram o Canal três vezes sem parar. Assim, Sarah foi a primeira a conseguir fazer quatro voltas.

Em 2018, Sarah foi submetida a um tratamento para combater um cancro da mama agressivo, que lhe foi diagnosticado em 2017. Foi também nessa altura que a equipa médica lhe disse para não abandonar de todo a natação, uma vez que seria a sua forma de lidar com a doença.

Em declarações à BBC, pouco depois de chegar à praia, Sarah não estava em si: “Não consigo acreditar que fiz isto. A verdade é que estou um pouco tonta”, acrescentou, antes do desabafo: “estou muito cansada, acho que vou passar o dia a dormir.”

And a couple drone shots from somewhere in Channel during her first return to England. Sarah Thomas Elaine Kornbau HowleyI got some great shots, and a really good drone horror story, to boot 😉

Publicado por Jon Washer em Segunda-feira, 16 de setembro de 2019

Segundo a previsão inicial, o percurso seria de cerca de 128 quilómetros, mas, por causa das correntes, Sarah acabou por nadar quase 209 quilómetros. “É uma vitória, ela testou os limites da resistência”, sublinhou Kevin Murphy, observador oficial da travessia, antes de acrescentar, “foi incrível, absolutamente inspirador. No final, ficamos muito emocionados”, conta Kevin Murphy, observador oficial da travessia.

Ao sair da água em Dover, cidade portuária no sudeste da Inglaterra, Sarah teve ainda oportunidade de comemorar a sua entrada para o livro dos recordes com champanhe e chocolate.

Foi em 2007 que Sarah completou a sua primeira travessia em águas abertas. Cinco anos depois, em 2012, cruzou o Canal da Mancha pela primeira vez, e repetiu o feito em 2016.

No sábado à noite, na véspera do início da travessia, a mulher admitiu, num post no Facebook, que estava “assustada” com o desafio. “Estou à espera desta travessia há mais de dois anos e lutei muito para chegar aqui”, antes de rematar: “Se estou a 100%? Não. Mas sou o melhor que posso ser agora, depois de tudo o que passei, com mais explosão e garra do que nunca.”

  ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Combate à corrupção e ao branqueamento recebe apenas "migalha" da bazuca

Dos 266,9 milhões de euros do PRR que serão investidos pelo Governo na área da Justiça, apenas 0,37% é destinado à PGR e ao DCIAP. O Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) prevê um investimento de …

Auditoria às sondagens das autárquicas. Não houve erro, mas "mecanismos" que mudaram opiniões

A auditoria interna realizada pela Intercampus às sondagens pré-eleitorais das últimas eleições autárquicas, que foram muito criticadas, não detetou erros. Assim, o que pode explicar as divergências são "mecanismos" que fazem mudar a opinião das …

Partidos alertam que demora no leilão do 5G está a atrasar a rede de alta velocidade em Portugal

O leilão para a quinta geração de comunicações móveis (5G) dura há quase 200 dias e está a atrasar a implementação da rede de alta velocidade em Portugal. Neste sentido, os partidos, tanto à esquerda como …

Rainha Isabel II está "bem-disposta" depois de passar noite no hospital e já voltou a Windsor

A visita ao hospital de Isabel II foi preventiva e nada teve a ver com a covid-19, confirmou a família real. A monarca vai continuar a descansar nos próximos dias. Depois de ter passado uma noite …

Caso Gabby Petito. Restos mortais encontrados pertencem ao namorado da jovem

As autoridades norte-americanas confirmaram que os restos mortais encontrados na quarta-feira são de Brian Laundrie. Identificação foi feita através de registos dentários. “No dia 21 de outubro de 2021, uma comparação de registos dentários confirmou que …

Rui Rio, líder do Partido Social Democrata (PSD)

Rui Rio apresenta hoje recandidatura à liderança no Porto

Depois de semanas a manter o tabu sobre a sua recandidatura, Rio decidiu mesmo avançar contra Paulo Rangel. O eurodeputado já saudou a decisão. O presidente do PSD, Rui Rio, apresenta hoje publicamente a sua recandidatura …

Trabalho não declarado passa a ser crime com pena de prisão até 3 anos

O Governo aprovou uma proposta de alteração à legislação laboral que prevê a criminalização do trabalho totalmente não declarado, com pena de prisão até três anos ou multa até 360 dias. Esta medida de combate ao …

"Não é o arguido que decide ter Alzheimer." Advogado de Salgado critica recusa em suspender o processo

Depois de o juiz que está a julgar o ex-presidente do Banco Espírito Santo (BES), no âmbito da Operação Marquês, ter recusado suspender o julgamento, Francisco Proença de Carvalho critica a decisão. O julgamento continua …

Poiares Maduro diz que crise política será “responsabilidade” de Costa - e deixa duras críticas a Rio

Miguel Poiares Maduro considera que geringonça criou uma bipolarização no país. O ex-ministro de Pedro Passos Coelho responsabiliza o primeiro-ministro caso haja uma crise política em Portugal. Numa entrevista ao Diário de Notícias, o jurista refere …

Abdul Fatawu Issahaku, futebolista ganês de 17 anos.

Sporting contrata pérola africana que esteve perto de assinar pelo Liverpool

O Sporting terá assegurado a contratação de Abdul Fatawu Issahaku, jovem promessa de 17 anos que estava a ser seguido pelo Liverpool. No Gana, fala-se que Abdul Fatawu Issahaku, extremo ganês de 17 anos que foi …