Incêndios na Sibéria foram extintos. Área ardida equivale a 753.000 campos de futebol

(H) Russian Federation Service Aviation Forest Protection / EPA

Incêndios na Sibéria

A aviação russa extinguiu nos últimos quatro dias incêndios florestais numa área de 753.000 hectares na Sibéria, anunciou em Moscovo o Ministério da Defesa.

“Em quatro dias de atividade nas regiões de Krasnoyarsk e Irkutsk, a aviação do Ministério da Defesa da Rússia conseguiu apagar incêndios florestais de 753.000 hectares (7.530 quilómetros quadrados), assinalou em comunicado.

De acordo com este ministério, nas últimas 24 horas foram extintos 56 focos de incêndio e 303.000 hectares de floresta e bosques em chamas.

Neste domunho, acrescenta a nota, aviões de transporte militar Il-76 realizaram um total de 24 missões, lançando 1.008 toneladas de água nas zonas florestais afetadas pelos fogos. Em paralelo, helicópteros de transporte Mi-8 efetuaram 37 voos e despejaram mais 6.500 toneladas de água.

Na quarta-feira, o Presidente da Rússia, Vladimir Putin, ordenou que o Ministério da Defesa se juntasse aos esforços de extinção dos incêndios florestais que atingem várias regiões da Sibéria. “Centenas de povoações estão afetadas pelo fumo, as pessoas pedem ajuda e nenhuma consideração de caráter económico deve influir na prestação dessa ajuda”, afirmou o vice-ministro das Situações de Emergência, Alexandr Chuprian, que chegou este domingo à região de Irkutsk para coordenar a extinção dos incêndios.

De acordo com o Serviço Federal de Proteção Florestal Aéreo, a superfície afetada pelos fogos florestais atinge os três milhões de hectares (cerca de 30.000 quilómetros quadrados)”, semelhante à de países como a Bélgica ou Arménia.

Devido à gravidade dos incêndios, foram declaradas em estado de emergência quatro entidades da Federação da Rússia, as regiões de Krasnoyarsk e Irkutsk, e as repúblicas de Yakutia e Buriatia No combate ao fogo juntou-se hoje a organização xamânica Tenqueri com a realização de um ritual, um ‘taylagan’, para “pedir aos deuses o fim dos incêndios.

No ritual, que decorreu na ilha Olkhon do lago Baikal, “participaram cerca de 50 xamãs da Mongólia, Polónia, Alemanha e, naturalmente, da Buriatia”, disse um porta-voz da Tenqueri citado pela agência oficial russa Ria-Novosti.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

ADN herdado dos neandertais pode aumentar o risco de covid-19

Uma nova investigação concluiu que um segmento de ADN herdado dos neandertais presente em alguns humanos pode aumentar o risco de covid-19. De acordo com o estudo levado a cabo por cientistas da Alemanha e …

Ricardo Salgado vai ser acusado de liderar organização criminosa dentro do BES

O Ministério Público (MP) prepara-se para acusar Ricardo Salgado de liderar uma associação criminosa enquanto esteve à frente do Grupo Espírito Santo (GES), avança o jornal Público este sábado. De acordo com o matutino, esta …

FC Pingzau: O clube que sonha com a Champions e que também pode ser seu por 500 euros

Deter parte de um clube com aspirações à Liga dos Campeões é possível e já pode fazê-lo por apenas 500 euros.O FC Pingzau é o clube austríaco detido por adeptos com o objetivo de chegar …

Uma pitada de poeira de rocha pode ajudar a evitar alterações climáticas catastróficas

O uso de poeira de rocha na agricultura traz não só vantagens para a colheita, mas também para o ambiente. Esta técnica permite uma remoção eficiente do dióxido de carbono. Espalhar poeira de rocha nos terrenos …

ANA avança com plano de "saídas voluntárias"

A ANA, gestora dos aeroportos nacionais, vai avançar com "um plano de saídas voluntárias", no âmbito do redimensionamento das equipas. A ANA - Aeroportos de Portugal, gestora dos aeroportos nacionais, vai avançar com “um plano de …

Cientistas detetaram estranhos objetos astronómicos circulares (e não fazem ideia do que são)

Recorrendo a telescópios, uma equipa de astrofísicos detetou quatro estranhos objetos astronómicos. Foram encontrados nos comprimentos de onda de rádio e são circulares e mais brilhantes do que as suas bordas. Estes estranhos e inesperados …

Especialista alerta sobre possíveis vírus extraterrestres que podem chegar à Terra em futuras missões

O cientista e antigo colaborador da NASA Scott Hubbard alertou para a possível chegada de vírus extraterrestres à Terra em futuras missões espaciais, notando que o interesse pela exploração do Espaço tem aumentado. O antigo …

Covid-19. A morada e a cor da pele são um fator de risco no Brasil

Enquanto que na Europa a idade é um fator de risco da covid-19, no Brasil, o sítio onde moram e a cor da sua pele definem essa fronteira entre os que têm maior ou menor …

Lagos dos Estados Unidos estão a ficar cobertos de verde. Nem os mais remotos escapam

Vários lagos montanhosos dos Estados Unidos estão a tornar-se verdes devido ao crescimento de algas que prosperam por causa das alterações climáticas, concluiu um estudo conduzido por cientistas da Universidade do Colorado. De acordo com a …

No Algarve, metade dos casos de infeção resultaram de transmissão social

Um estudo apresentado na última reunião do Infarmed, em Lisboa, veio estabelecer uma relação entre a propagação do vírus no Algarve e o fator social. De acordo com o estudo, apresentado na última reunião do Infarmed, …