Setúbal vs Sporting | Edinho gela leão nos descontos

Balde de água fria para os “leões” na sua deslocação a Setúbal.

O Sporting mandou no jogo do princípio ao fim no Estádio do Bonfim, marcou, criou (e perdeu) oportunidades de golo, mas adormeceu na lentidão e falta de qualidade do jogo e deixou-se empatar já nos descontos, numa grande penalidade convertida por Edinho, quando já ninguém esperava por outro desfecho a não ser a vitória sportinguista.

O Jogo explicado em Números

  • Arranque de jogo algo frio, como a noite em Setúbal. Sporting com 80% de posse, mas apenas um remates nos primeiros dez minutos, enquadrado, da autoria de Gelson Martins.
  • A pressão leonina foi-se intensificando, perante um Vitória sem grandes ideias e capacidade para colocar muitos homens na frente. Os visitantes registavam cinco remates aos 20 minutos, apenas um com boa direcção, e 76% de posse de bola, adivinhando-se o golo a qualquer momento.
  • E esse tento surgiria aos 31 minutos. Gelson Martins serviu Bruno Fernandes que, na passada, rematou para o fundo da baliza de Cristiano. Um golo que surgiu ao sexto remate leonino, segundo enquadrado, numa altura em que a formação de Jorge jesus era senhora do encontro, com 73% de posse.
  • A contrariar o domínio e superioridade do Sporting apenas se destacava, por volta dos 40 minutos, o lateral-direito Arnold, que nesta fase registava um rating de 6.2, fruto essencialmente de seis desarmes.
  • Vantagem totalmente justificada do Sporting ao descanso. Os “leões” dominaram por completo a partida, com 72% de posse de bola, sete remates, dois enquadrados, uma ocasião flagrante e um golo marcado.
  • Isto perante um Vitória que só rematou duas vezes (sem boa direcção) e não foi além dos 59% de eficácia de passe nestes primeiros 45 minutos.
  • O melhor nesta altura era Gelson Martins, com um GoalPoint Rating de 6.4. O extremo tentou o golo, em dois remates, um enquadrado, mas brilhou na assistência para o tento de Bruno Fernandes.
  • Mais do mesmo no arranque da segunda parte. “Leão” dominador e mais perigoso, com os dois únicos remates nos primeiros 15 minutos após o reatamento (embora desenquadrados) e um Vitória com apenas 29% de posse e uma percentagem de passe a rondar os 60%.
  • A inoperância dos da casa era total, ao ponto de arrastar o próprio Sporting para uma segunda parte menos conseguida e mais atabalhoada. Ainda assim, só os “leões” tinham rematado (3) após o descanso, quando o jogo atingia os 70 minutos, mas sempre disparos desenquadrados. E até a posse de bola começava a cair (66%).
  • Aos 73 minutos, finalmente o Vitória enquadrou o seu primeiro remate no jogo, por João Amaral, mas Sebastián Coates impediu o empate para os sadinos. Grande oportunidade de golo.
  • Muitas bolas na área do Vitória colocadas pelo Sporting por volta dos 80 minutos, mais concretamente 31, contra 16 na área contrária. E nesta altura, o “leão” era dono de todos os cantos da partida, sete – mais um sintoma da inoperância sadina.
  • Num dos últimos lances do jogo, Bruno Fernandes passou por todos na grande área e acertou no poste esquerdo da baliza de Cristiano. Mas o jogo não estava fechado, apenas adormecido. E nesse adormecimento, o Vitória apanhou o Sporting em contra-pé, já nos descontos. Edinho isolou-se e o árbitro assinalou falta de Mathieu sobre o atacante na grande área. Na conversão do penálti, Edinho não falhou e fez o 1-1.

O Homem do Jogo

Bruno Fernandes foi o melhor em campo no Estádio do Bonfim. O Sporting esteve sempre em cima do V. Setúbal, à procura de ampliar a vantagem conseguida através de um tento do médio português, e ele próprio teve nos pés o 2-0, mas a bola foi ao ferro.

Bruno terminou com um GoalPoint Rating de 7.4, não só pelo tento que apontou, em dois remates, mas também pelos dois passes para finalização e pela ajuda que deu na defesa, com quatro desarmes realizados e seis recuperações de posse.

https://twitter.com/_Goalpoint/status/954436608304013312

Jogadores em foco

  • Gelson Martins 6.8 – O extremo foi o melhor nos primeiros 45 minutos, e até melhorou o seu rating. Porém, a exibição de Bruno Fernandes atirou Gelson para segundo. No final registou uma assistência em dois passes para finalização, tentou oito vezes o drible, cinco com sucesso e fez três desarmes.
  • Nuno Pinto 6.6 – Aquele que tem sido o melhor jogador dos sadinos esta temporada foi, também, o melhor ante o Sporting. O lateral-esquerdo esteve especialmente bem a defender, com 11 recuperações de posse e 15 acções defensivas.
  • Arnold 6.5 – Desde o início que o lateral-direito estava a ser um dos melhores dos da casa, e confirmou-o até final. Ao intervalo já registava impressionantes seis desarmes, e terminou com sete, um deles ganho na grande área, para além de cinco alívios.
  • Marcos Acuña 6.4 – O argentino esteve muito certo ao longo da partida, tendo realizado quatro remates, o máximo do encontro, embora nenhum enquadrado. Para a história ficam também dois passes para finalização, cinco tentativas de drible (uma com sucesso) e 14 vezes a bola colocada na área contrária.
  • Mathieu 4.4 – O central francês nem estava a comprometer, pois o Vitória não o tinha obrigado a grande trabalho. Porém, cometeu a grande penalidade que definiu o empate final, pelo que soma o pior rating leonino.

Resumo

PARTILHAR

RESPONDER

Chicago tem a maior praga de ratos dos Estados Unidos (pelo 6.º ano consecutivo)

Chicago, a cidade mais populosa do estado do Illinois, é, pelo sexto ano consecutivo, aquela que tem a maior praga de ratos dos Estados Unidos. Uma empresa de controlo de pragas garante receber mais chamadas …

Presidente da Samsung morre aos 78 anos

O presidente da Samsung Electronics, Lee Kun-hee, morreu este domingo aos 78 anos, disse o grupo sul-coreano em comunicado. Lee, que transformou o grupo num gigante global das telecomunicações, estava acamado desde um ataque cardíaco em …

Chuva de críticas à F1 em Portimão. Organização promete expulsar quem não cumprir distanciamento

Fotografias das bancadas da Fórmula 1 em Portimão começaram a correr este sábado nas redes sociais, gerando alguma polémica e descansando uma série de críticas, uma vez que as bancadas pareciam ter mais público do …

Ordem dos Médicos alerta para “grave sobrecarga” nas urgências pela Linha SNS 24

A Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos (SRCOM) alertou que a atuação da Linha SNS 24, no âmbito da covid-19, causa uma “grave sobrecarga” nas urgências, pelo que defende alterações na referenciação dos …

"Votei num tipo chamado Trump". Presidente dos EUA votou antecipadamente na Florida

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, votou este sábado antecipadamente em West Palm Beach, na Florida, para as eleições presidenciais, juntando-se aos quase 55 milhões de americanos que também já o fizeram. Donald Trump …

Chegou o camião autónomo que não precisa de motorista para se deslocar

No ano passado foi lançado o T-pod, um protótipo de um camião elétrico autónomo e sem cabine. Agora, o seu fabricante, a empresa sueca Einride, revelou a última geração do veículo, que vai passar a …

"O medo não é a vacina". Centenas de pessoas contestam medidas do Governo em Lisboa

Centenas de pessoas contestaram este sábado as medidas impostas pelo Governo para mitigar os efeitos da pandemia de covid-19, com gritos pela “liberdade” e pela “verdade”, numa manifestação realizada na praça do Rossio, em Lisboa. A …

Os humanos estão a pôr em causa a alimentação dos animais predadores

Os animais predadores que vivem perto de humanos estão a obter metade dos alimentos supostos e isso pode ser muito prejudicial, referem investigadores americanos. De acordo com um novo estudo publicado no jornal Proceedings of the …

Plataformas de streaming passam a ter de pagar 1% do seu lucro ao Estado

As plataformas de streaming passam a pagar uma taxa, após a proposta de lei ser aprovada esta sexta-feira, na Assembleia da República. Serviços como a Netflix, a HBO Portugal ou a Disney +, passam a …

Porto 1-0 Gil Vicente | Dupla Shoya-Evanilson embala “dragão”

Difícil, mas justo. O FC Porto recebeu o Gil Vicente numa noite chuvosa no Dragão, dominou claramente até aos 75 minutos – altura em que Zaidu foi expulso – e venceu por 1-0. Um resultado …