Senador republicano arrasa Trump: “é medíocre” e “beija o traseiro a ditadores”

Ben Sasse, senador do Partido Republicano, acusou Donald Trump de estar a entregar o poder político ao Partido Democrata para as próximas décadas, por causa da “repulsa” que o seu comportamento provoca no eleitorado mais jovem.

O senador republicano Ben Sasse criticou duramente o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, acusando-o de ser um líder “medíocre” e prevendo a sua derrota nas eleições presidenciais de 3 de novembro.

“Há muitos assuntos sérios sobre os quais não concordamos”, disse o senador eleito pelo Estado de Nebrasca, quando questionado sobre as suas relações com o Presidente, durante uma videoconferência com os seus constituintes.

“Ele não é apenas medíocre como republicano. Ele é medíocre como americano“, disse Sasse, numa referência violenta contra Trump, apesar de pertencerem ao mesmo partido.

Sasse disse que lhe parece “muito provável” uma derrota do candidato republicano no próximo dia 3 de novembro, numas eleições que ele prevê poderem vir a ser “um banho de sangue” para o seu partido, admitindo que possa perder a maioria no Senado que atualmente detém.

Ben Sasse criticou ainda a forma como Trump “beija o traseiro a ditadores“, referindo-se às relações estabelecidas com o Presidente chinês, Xi Jinping, e “a forma como ignora os uigures, que estão literalmente em campos de concentração em Xinjiang”, referindo-se às perseguições do Partido Comunista Chinês à minoria muçulmana naquela região chinesa.

“Ele não levantou um dedo em nome do povo de Hong Kong”, disse Bem Sasse, explicando que, com Trump, “os Estados Unidos regularmente traem os seus aliados”.

Na política interna, o senador condenou a forma como o Presidente do seu partido “trata as mulheres e deita dinheiro fora“, acrescentando que Trump “faz troça dos evangélicos, nas costas deles” e prefere “namorar com os supremacistas brancos”.

Ben Sasse, que é um senador republicano da fação religiosa e conservadora do partido, também critica a forma como o Presidente tem gerido a pandemia de covid-19, dizendo que Trump recusou-se a levar a sério a crise sanitária “por tempo demais”.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Quem são os 91 portugueses nos Jogos Olímpicos (e as 4 medalhas que vão conquistar)

Participação portuguesa em Tóquio arranca neste sábado. Serão 91 atletas espalhados por 17 modalidades. Associated Press fez previsão para todas as especialidades presentes nos Jogos Olímpicos. Portugal teve 17 atletas na cerimónia de abertura dos Jogos …

Encontrada "impressão digital" do megatsunami provocado pelo asteróide que matou os dinossauros

Cientistas encontraram uma "impressão digital" no centro do Luisiana, nos Estados Unidos, do megatsunami provocado pelo asteróide que levou à extinção dos dinossauros. A devastação causada pelo asteróide que exterminou os dinossauros há 66 milhões de …

De que forma é o universo? Astrofísicos acreditam que pode ser um donut 3D gigante

Um novo estudo pode vir mudar a percepção de que o universo é infinito. Será que o universo é infinito? Qual será a forma do cosmos? Já há séculos que estas perguntas andam nas mentes dos …

"Checkmate". Rússia apresenta o seu novo jacto de combate revolucionário

O novo jacto é a aposta do governo russo para as exportações e pode vir a ditar o fim da supremacia (aérea e no mercado) do F-35 norte-americano. A Rússia apresentou o protótipo do novo jacto …

"É demasiado tarde". As palavras dos médicos aos doentes com covid-19 que recusaram a vacina

Estados Unidos da América contam com 48.49% da população totalmente vacinada, apesar de o processo ter estagnado nas últimas semanas. Os números de novas infeções crescem, assim como as mortes face ao crescimento galopante da …

"Pingdemic". Há uma nova "pandemia" a causar escassez de comida e combustível no Reino Unido

As medidas de distanciamento social no Reino Unido caíram e, como consequência, centenas de milhares de pessoas estão a ser notificadas para cumprir isolamento. A partir desta segunda-feira o uso de máscara e outras medidas de …

O lago mais improvável de Roma é um refúgio urbano (que impulsiona o ativismo ambiental)

O lago mais improvável de Roma, que nem sequer devia existir, motivou uma luta pela proteção ambiental do local. No anos 90, num local de construção a apenas alguns quilómetros a leste do Coliseu de Roma, …

Afeganistão. EUA lançam ataques aéreos enquanto Talibãs exigem a renúncia do Presidente

Os Estados Unidos (EUA) entraram num confronto pela cidade de Kandahar, realizando ataques aéreos em apoio às forças afegãs, enquanto os Talibãs apelam ao Presidente Ashraf Ghani para renunciar. O porta-voz do Pentágono, John Kirby, avançou …

A primeira casa impressa em 3D no Canadá é inspirada na sequência de Fibonacci

Depois de ter inspirado inúmeros edifícios, a sequência de Fibonacci serviu de musa à empresa de impressão em 3D Twente Additive Manufacturing (TAM), que criou a primeira casa impressa em 3D do Canadá. A Fibonacci House é …

Marcha do Orgulho de Budapeste será um protesto contra as leis anti-LGBTQI, diz organização

A marcha do Orgulho em Budapeste, que ocorrerá no sábado, será "uma celebração, mas também um protesto", disseram os organizadores, enquanto a comunidade LGBTQI húngara se prepara para desafiar a escalada da campanha anti-homossexual do …