//

O segredo de Einstein para a felicidade foi vendido por 1,3 milhões de euros

2

(dr)

Albert Einstein, Prémio Nobel da Física em 1921

Uma nota escrita pelo prestigiado cientista, vencedor do Nobel da Física em 1921, sobre o segredo para atingir a felicidade foi arrecadada por 1,33 milhões de euros num leilão em Israel.

Segundo o The Guardian, a mensagem foi escrita por Albert Einstein em 1922, no Imperial Hotel de Tóquio, no Japão, para agradecer a um estafeta. Na nota, escrita no papel do hotel, o prestigiado cientista descreveu a sua teoria da felicidade.

“Uma vida calma e humilde trará mais felicidade do que a busca do sucesso ligada a constante agitação”, escreveu em alemão.

Agora, a mesma mensagem foi leiloada em Israel por 1,33 milhões de euros, um valor bem superior ao que os responsáveis pelo evento estavam a contar.

“Foi um recorde de todos os tempos para um leilão de um documento em Israel”, afirma o porta-voz Meni Chadad, acrescentando que o comprador é europeu mas preferiu manter o anonimato.

Também foi leiloada uma segunda mensagem, escrita pelo físico na mesma altura, que dizia simplesmente: “Onde há vontade, há um caminho”. Foi vendida por 204 mil euros.

De acordo com o jornal britânico, as duas mensagens foram escritas quando Einstein se encontrava no Japão a fazer uma digressão, pouco depois de saber que tinha recebido o Nobel da Física.

O estafeta japonês foi até ao hotel para entregar uma mensagem ao cientista e, como se terá recusado a receber gorjeta ou então porque o alemão não tinha moedas, Einstein decidiu escrever-lhe duas mensagens para que não fosse embora de ‘mãos a abanar’, contou o responsável pela venda, que será parente do estafeta.

“Talvez se tiveres sorte essas notas poderão valer muito mais do que uma simples gorjeta”, terá dito ainda o físico alemão.

Einstein trabalhou na Universidade Hebraica de Jerusalém. Quando morreu, em 1955, deixou a esta instituição os seus arquivos, tornando-a na proprietária da maior e mais extensa coleção dos seus documentos.

  ZAP //

2 Comments

  1. Ainda me ria se um dia provassem que a Teoria da Relatividade está errada. Realmente, há gente que não tem que fazer ao dinheiro…

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE