Sánchez choca advogados, procuradores e juízes ao insinuar que o MP age sob instrução do Executivo

Esta quarta-feira, Pedro Sánchez concordou que o Governo controla o Ministério Público, cometendo um deslize que lhe saiu caro. Na origem da declaração do primeiro-ministro está o delicado caso da Catalunha.

A campanha eleitoral espanhola foi esta quarta-feira marcada por um deslize do primeiro-ministro, Pedro Sánchez, que concordou que o Governo controla o Ministério Público que, por sua vez, pediu a extradição do independentista catalão fugido Carles Puigdemont.

Os separatistas catalães, entre eles o presidente do governo regional, Quim Torra, denunciaram imediatamente a falta de independência dos magistrados e a falta de separação de poderes em Espanha, considerando que se trata da continuação “do escândalo permanente em que vive instalado o Estado herdeiro do franquismo”.

O primeiro-ministro do PSOE (Partido Socialista Operário Espanhol) sublinhou em entrevista a uma rádio esta manhã que o Governo espanhol estava a envidar todos os esforços para responsabilizar Puigdemont perante a justiça e salientou que foi o Ministério Público que solicitou a ativação do mandado de captura europeu.

Como prova de que o executivo está a fazer tudo para trazer Puigdemont para Espanha para ser julgado, lançou uma pergunta retórica: “De quem depende a magistratura?” O jornalista respondeu “depende do Governo” e Sánchez concordou.

A meio da tarde, Pedro Sánchez tentou corrigir o deslize inicial, assegurando que a magistratura do Estado conta “com todo o apoio do Governo” na defesa das leis e do interesse geral.

Entretanto as associações de magistrados já tinham manifestado o seu “profundo mal-estar” pelas palavras de Sánchez, deixando claro o que o Ministério Público “não recebe ordens” do Governo.

A quatro dias das eleições legislativas de domingo, o presidente do PP (Partido Popular, direita), o maior partido da oposição, Pablo Casado, apoiou o que considerou ser a “indignação lógica” dos magistrados. Por seu lado, o líder do Cidadãos (direita liberal), Albert Rivera, acusou o candidato socialista de “deitar por terra” o trabalho independente de juízes e magistrados, assegurando que ele nunca lhes irá dizer “como têm de atuar”.

O secretário-geral do Unidas Podemos (extrema-esquerda), Pablo Iglesias, criticou Sánchez por ter prometido trazer para Espanha o ex-presidente do governo regional da Catalunha comprometendo a “separação de poderes” políticos e judiciais, que vigora na União Europeia. “Como é que ele quer fazer isso? Num helicóptero, com forças especiais?”, perguntou o líder do Podemos, apelando a que o PSOE apresente medidas económicas e sociais, em vez de “encorajar o medo”.

O Tribunal Supremo espanhol voltou a emitir em 14 de outubro último um mandado europeu de detenção contra Carles Puigdemont, fugido na Bélgica desde finais de outubro de 2017, depois da tentativa de independência da Catalunha.

A Justiça tomou essa decisão depois de o Supremo ter decretado condenado 12 políticos catalães envolvidos na tentativa de autodeterminação.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Este xuxalheiro espanhol está todo roto. O povo espanhol que escorrace este oportunista sem nível, que foi protagonista da maior derrota do PSOE espanhol, com 7% de votos.

RESPONDER

Peter 2.0. Cientista com doença terminal quer transformar-se no ciborgue mais avançado de sempre

Peter Scott-Morgan, cientista britânico do ramo da robótica, está em fase terminal da doença do neurónio motor, uma doença degenerativa. Mas ele não quer visto como o homem que morreu daquela doença, mas sim tornar-se …

Estados Unidos vão transformar aeronaves obsoletas em "aviões arsenal"

Os Estados Unidos preparam-se para transformar algumas das suas maiores e mais obsoletas aeronaves em "aviões arsenal", que funcionarão como plataformas repletas de armas, revelaram fontes do Governo norte-americano. Foi em 2016 que esta ideia veio …

Imperador japonês paga 25 milhões de dólares por ritual secreto para dormir com deusa

Este ritual de sucessão do Imperador Naruhito aconteceu na quinta-feira e envolve dormir com uma deusa do Sol. O templo é construído para o efeito e é destruído depois. O ritual japonês altamente secreto conhecido como …

Para entrar nesta praia italiana, vai ser preciso pagar (e nem todos podem entrar)

Aos pés de uma antiga aldeia de pescadores, La Pelosa é uma atração turística muito célebre. Por isso, a autarquia decidiu tomar medidas para a proteger. A famosa praia tem sido uma vítima da erosão natural …

Laurent Simons será o mais novo licenciado do mundo. Tem 9 anos

O belga Laurent Simons tem apenas 9 anos e estás prestes a bater um recorde: em dezembro, deverá tornar-se o mais novo licenciado do mundo. O "menino prodígio", tal como é apontado pelos média internacionais, ingressou …

Preços dos passes Navegante ficam iguais em 2020

Os preços dos passes Navegante vão manter-se iguais em 2020, no âmbito da estratégia de “promoção da utilização dos transportes públicos coletivos”, anunciou esta sexta-feira a Área Metropolitana de Lisboa (AML). “A Área Metropolitana de Lisboa …

Os burros-táxi de Espanha vão ter horários de trabalho, estábulos novos e deixar de carregar turistas de 80 quilos

Os burros táxis são uma atração turística de Mijas, província de Málaga, no sul de Espanha. Agora foram definidas novas regras que têm em conta os direitos e o bem-estar dos animais. O serviço funciona como …

Vai ser preciso "ser-se rico" para visitar a famosa Ilha de Komodo

Em breve, os turistas que queiram visitar a Ilha de Komodo, o famoso lar de mais de 5.000 dragões de Komodo, terão de ser ricos. O aviso é do Governo local indonésio, que chegou mesmo …

Sócrates saúda saída da prisão de Lula. "Sei que estás em festa, pá"

O antigo primeiro-ministro José Sócrates, acusado de corrupção, considerou que a saída da prisão de Lula da Silva representou uma "reentrada no mundo" do ex-chefe de Estado brasileiro, acontecimento em relação ao qual o PS, …

Ministra da Justiça visitou mãe que abandonou bebé no lixo

A mãe que abandonou o bebé no caixote do lixo em Lisboa está bem de saúde e a receber apoio psicológico, constatou a ministra da Justiça, que esta sexta-feira visitou a jovem na cadeia de …