Salgado deu presente de 2 milhões ao primo (e insistiu para que este aceitasse)

Miguel A. Lopes / Lusa

O ex-presidente do BES, Ricardo Salgado

Ricardo Salgado deu ao primo José Manuel Espírito Santo um presente de dois milhões de euros. A oferta ocorreu em maio de 2014, em plena crise do GES, e Salgado terá ameaçado “chatear-se” com o primo se este não aceitasse.

Em maior de 2014, o antigo presidente do BES, Ricardo Salgado, terá dado ao primo José Manuel Espírito Santo um presente de dois milhões de euros.

O relato da oferta do presente de dois milhões conta no acórdão do Tribunal da Relação de Lisboa, de janeiro de 2018, relativo ao recurso de José Manuel Espírito Santo contra o arresto dos seus imóveis, no âmbito do processo de investigação ao Universo GES.

Este presente aconteceu numa altura em que o Grupo Espírito Santo (GES) estava já em plena crise financeira, avança o Correio da Manhã.

“O dr. Ricardo Salgado um dia chamou o oponente José Manuel Espírito Santo, já no final, com as coisas muito mal, e disse ‘vou-te dar dois milhões de euros’, em maio de 2014, tendo este respondido que não pode aceitar esses dois milhões de euros”, pode ler-se no acórdão.

Depois de o primo ter dito que não pdoeria aceitar o presente, Salgado terá ripostado, “dizendo que o oponente ia aceitar”. Assim, pediu o número de uma conta bancária para fazer a transferência dos dois milhões de euros, “tendo o oponente dito que não ia dizer nenhuma”.

Segundo o acórdão, citado pelo CM, Ricardo Salgado “insistiu para lhe dizer qual era a conta, sob pena de se chatearem“.

José Manuel Espírito Santo acabou por aceitar o presente do então líder do BES e do GES. O dinheiro terá sido canalizado para a Raimul, empresa do ramo familiar de José Manuel Espírito Santo, e terá sido utilizado para participar no aumento de capital da Espírito Santo International (ESI).

O primo de Ricardo Salgado admite que os dois milhões chegaram à Raimul, mas diz desconhecer a origem do dinheiro. O Ministério Público considera, “no mínimo, ingénuo” que José Manuel Espírito Santo desconheça a origem da quantia, tendo em conta o estado financeiro em que todo o grupo GES se encontrava naquela altura.

José Manuel Espírito Santo podia, tendo em conta a data em que tudo aconteceu, “questionar-se e saber de onde é que poderia vir aquele dinheiro”, sustenta o MP.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Foi até dar o berro, este com a idade que tem e como começou tinha por dever ter mais juízo, possivelmente foram efeitos da liberdade!.

  2. Mais um que anda solto, quanto mais se rouba mais tempo tens para viver em liberdade para continuares a fazer os tais “negócios” porque não tenhamos dúvidas que o negócio continua está-lhes na massa do sangue, outro zé ninguém já estava dentro e há muito tempo, mas como foi o “grande gestor” dos dinheiros da populaça, está-se bem.
    O Sobrinho do BESAngola já foi preso? Claro que não, anda a investir na SAD do Sporting CP assim, tem 29,9 desta SAD, como o Ricciardi que cobre, segundo dizem, os buracos de tesouraria e da compra de jogadores do referido clube, como foi o caso do jogador Wendell.

RESPONDER

Portugal vai comprar cerca de 38 milhões de vacinas, "muito mais" do que as necessárias

Em entrevista à agência Lusa, Marta Temido anunciou que Portugal vai comprar cerca de 38 milhões de vacinas contra a covid-19. Portugal vai comprar cerca de 38 milhões de vacinas contra a covid-19, “muito mais” do …

Governo ainda está a tempo de "reverter" venda de barragens da EDP

A coordenadora do Bloco de Esquerda disse este domingo que o Governo ainda está tempo de reverter o negócio das venda de seis transmontanas, que terá permitido à EDP poupar 110 milhões em imposto de …

Cientistas encontraram abelha australiana que não era vista há 98 anos

Uma espécie de abelha nativa das florestas tropicais do leste da Austrália foi encontrada pela primeira vez em 98 anos. De acordo com o site IFLScience, trata-se da espécie Pharohylaeus lactiferus, abelha nativa do leste da …

Marcelo destaca papel de profissionais de UCI. Costa agradece à Madeira e FPF

O Presidente da República destacou e agradeceu o papel dos profissionais de saúde que estão nos cuidados intensivos, pelo seu papel no combate à pandemia, que considerou uma "saga nacional". "Eu queria, em primeiro lugar, louvar …

Entre farpas a Biden e Fauci, Trump admitiu concorrer à Casa Branca em 2024 (e vencer pela "terceira vez")

No primeiro discurso desde que saiu da Casa Branca, o antigo presidente Donald Trump deu a entender que vai concorrer novamente em 2024 e disse que Joe Biden "perdeu a Casa Branca". O ex-presidente dos Estados …

Cientistas estão a criar um "gémeo digital" da Terra (para prever o futuro)

Uma equipa de cientistas europeus começaram a trabalhar num plano ambicioso para prever o futuro das alterações climáticas: reconstruir uma versão virtual de toda a Terra para representar diferentes cenários. O planeta virtual faz parte de …

Asteróide passará a grande velocidade pela Terra em março. É o maior (e o mais veloz) de 2021

Um asteróide com um diâmetro de até 1,7 quilómetros passará pela Terra a grande velocidade no próximo mês de março, de acordo com dados publicados recentemente pelo Laboratório de Propulsão a Jato da NASA. Apesar de …

Bactérias benéficas do leite materno mudam ao longo do tempo

De acordo com um novo estudo, a mistura de bactérias benéficas transmitidas pelo leite materno muda significativamente com o tempo. Este pode atuar como uma injeção de reforço diário para a imunidade e metabolismo infantil. Os …

Quando um tigre vale mais morto do que vivo: A sórdida realidade das quintas de procriação

Em alguns países asiáticos, quintas de procriação de tigres exploram até ao tutano o valor económico do animal, submetendo-o a condições de vida degradantes. Tigres já foram puderam ser encontrados em grande parte da Ásia, do …

Ana Estrada Ugarte. Em decisão histórica, Peru abre as portas à eutanásia

Numa decisão histórica esta quinta-feira, o 11.º Tribunal Constitucional do Superior Tribunal de Justiça de Lima, no Peru, ordenou ao Ministério da Saúde do país que respeitasse a vontade de Ana Estrada Ugarte de acabar …