Rússia mostra como vai ser “Snowflake”, a nova Estação Internacional do Ártico

A Rússia está a olhar para além do petróleo ao construir a “Estação Floco de Neve”, uma estação de investigação climática de ponta na região de Yamal-Nenets, na Sibéria.

O Snowflake será uma instalação totalmente autónoma durante todo o ano, sem gasóleo, alimentada por fontes de energia renováveis e combustível de hidrogénio, de acordo com a apresentação do projeto.

“É vista como uma nova plataforma única para a cooperação internacional entre engenheiros, investigadores, cientistas e estudantes que trabalham em soluções ousadas que constituem uma base para a vida e o trabalho no Ártico”. Será também “um veículo para apoiar investigações conjuntas sobre mudança climática, ecologia e poluição ambiental, incluindo a dos oceanos”.

Atualmente, o distrito autónomo de Yamal-Nenets produz cerca de 80% do gás natural da Rússia, além de volumes substanciais de petróleo. Nos próximos três anos, a produção industrial regional deverá aumentar em mais de 30%.

Ainda assim, é aqui que a estação de investigação Snowflake será construída. A estação estará localizada na tundra fora da capital regional Salekhard. Com o apoio das autoridades regionais e federais, a estação será uma mudança bem-vinda para um país com uma das piores políticas de mudança climática, além de uma crescente preocupação do público.

A instalação de 2.000 metros quadrados poderá abrigar um número significativo de investigadores de todo o mundo. Um total de nove edifícios interligados em forma de cúpula proporcionará uma vida confortável, laboratórios e instalações de investigação para cientistas.

“O edifício principal do Snowflake será uma cúpula de vista panorâmica, conectada a vários outros módulos. Dois deles abrigam laboratórios e outros dois oferecem acomodações, com cerca de 30 quartos individuais para investigadores e visitantes se sentirem confortáveis. Outros módulos abrigam uma cozinha, uma sala de jantar, uma biblioteca e áreas de lazer, incluindo ginásio e sauna. Três cúpulas mais separadas formarão um complexo de hidrogénio para a produção e armazenamento de gás comprimido ”.

A estação estará operacional durante todo o ano e será totalmente abastecido com hidrogénio, disse Nikolay Kudryavtsev, reitor do Instituto Técnico-Físico de Moscovo, em comunicado.

O projeto é apoiado pelo Conselho do Ártico e estará pronto no ano de 2022, durante a presidência da Rússia no clube do Ártico. Está projetado para custar entre 10 a 12 milhões de euros.

“Investigadores, engenheiros, estudantes e jovens podem vir para visitas de trabalho e testes durante todo o ano e demonstrar a tecnologia que já se está a tornar parte das nossas vidas”, disse.

A estação é apoiada pelo Instituto Físico-Técnico, com apoio do Ministério da Educação e Ciência, Ministério dos Negócios Estrangeiros e Ministério do Extremo Oriente e do Ártico, bem como pelo governador do distrito autónomo de Yamal-Nenets.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Comer muitas refeições takeaway pode aumentar a probabilidade de morte

Comer demasiadas vezes refeições takeaway pode afetar negativamente a saúde das pessoas. Isto porque, muitas vezes, a comida em causa é fast food. A pandemia de covid-19 veio intensificar a adoração das pessoas pelas refeições takeaway. …

Fezes de morcego ajudam a decifrar o passado da humanidade

Uma equipa de investigadores australianos usou fezes de morcego para ajudar a entender uma parte do passado dos nossos ancestrais. Para perceber melhor como é que artefactos antigos são alterados pelo sedimento em que estão enterrados …

"É como fogo". Dezenas de pessoas morreram na República Dominicana após ingestão de álcool ilegal

Depois de dezenas de pessoas morreram por intoxicação nas últimas semanas, as autoridades da República Dominicana acabaram por fechar várias lojas de bebidas alcoólicas. As lojas de bebidas clandestinas situavam-se sobretudo na capital, Santo Domingo, mas …

Eis AlphaDog, a resposta da China para o cão-robô norte-americano Spot

A empresa de tecnologia Weilan, sediada em Nanjing, na China, desenvolveu o AlphaDog, um cão-robô que usa sensores e inteligência artificial (IA) para realizar uma série de aplicações, incluindo entrega de encomendas e orientação para …

E se a vacina contra a covid-19 se chamasse Trumpcine? O "sir" sugeriu e Donald Trump gostou

No fim de semana passado, durante um encontro do Comité Nacional Republicano, o ex-Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse que alguém sugeriu que as vacinas disponíveis contra a covid-19 deveriam receber o seu nome. …

O custo da paz mundial é bastante inferior ao custo da guerra

Um recente relatório do Instituto de Economia e Paz (IEP) conclui que o custo dos países com a violência é bem superior ao custo com a paz mundial. O Instituto de Economia e Paz estima que, …

Malta vai pagar aos turistas que visitarem a ilha durante o verão

Numa altura em que pandemia não tem dado tréguas ao setor do turismo, Malta anunciou um conjunto de medidas com o objetivo de encorajar os viajantes a visitarem o país e a ficarem hospedados nos …

Pentágono confirma que filmagens de OVNI em forma de pirâmide são autênticas

Uma nova série de imagens e vídeos de OVNIs (Objetos Voadores Não Identificados) filmados pela Marinha dos Estados Unidos foi agora confirmada como autêntica pelo Pentágono. Enquanto muitas pessoas geralmente se referem a avistamentos misteriosos …

Irão vai aumentar produção de urânio enriquecido em resposta ao “terrorismo nuclear” de Israel

O Irão justificou esta quarta-feira a decisão de enriquecer urânio a 60% como resposta ao “terrorismo nuclear” e à “maldade” israelita, referindo-se ao alegado ataque contra a central de Natanz, no domingo. “A decisão de enriquecer …

Possibilidade de ser reinfetado baixa 84% para quem já teve covid-19

Um novo estudo indica que a infeção prévia por SARS-CoV-2 protege a maioria dos indivíduos contra a reinfecção durante uma média de sete meses As probabilidades de reinfeção não descem até zero, mas um novo estudo, …