Rui Rio considera que formação é “vital” na política

Rodrigo Antunes / Lusa

Para a política ser mais do que “andar em eleições uns contra os outros” , há um ingrediente essencial: a formação, considera Rui Rio.

Rui Rio, líder do PSD, defendeu que é “vital” uma maior aposta na formação pelos partidos para que a política seja mais do que andar “em eleições uns contra os outros”, vertente que considerou “apenas um mal necessário”.

Numa intervenção gravada em vídeo para a 4.ª Academia de Formação Política para Mulheres do PSD, que decorre este sábado, Rio voltou a recordar que, há quase trinta anos, num grupo de trabalho de reforma da lei do financiamento dos partidos, se bateu, sem sucesso, para que existissem verbas consignadas à formação política, que os partidos só receberiam se a fizessem.

“Se isso tivesse acontecido há 25 anos, um jovem que na altura tivesse feito muito mais formação, hoje teria 50 anos, tínhamos formado gerações de políticos, e hoje a forma como as pessoas entrariam para os partidos já tinha mais a ver com as suas ideias e menos com contar uns votos, arranjar umas fichas e umas quotas para ganhar isto e aquilo, que é uma lógica completamente perversa da atividade política e partidária”, disse.

O líder social-democrata afirmou que, por esta razão, procura dar sempre “um grande apoio” aos que apostam na formação política no quadro da vida partidária e reforçam a sua qualidade.

“Estar na política não é para andar aqui – em minha opinião, isso é apenas um mal necessário – em eleições uns contra os outros. É porque me interesso por um dado tema, quero saber mais sobre esse tema e quero dar um contributo ao país nesse tema, dentro do partido em que me sinto melhor”, defendeu, dizendo esperar que “um dia” o país perceba a importância da formação política.

Rio saudou em particular as MSD (Mulheres Social-Democratas, uma estrutura informal do partido presidida pela deputada Lina Lopes) pela quarta edição desta academia e reconheceu que continua a existir “um grande défice” de participação das mulheres na vida pública e na vida política.

“É importante reforçar essa participação e a melhor forma é reforçar de uma forma natural, que é o que estamos a fazer”, disse, admitindo, contudo, que em “algumas circunstâncias” tal pode ser feito através de uma imposição da lei, através de quotas obrigatórias, que vigoram para as listas de candidatos à Assembleia da República, Parlamento Europeu e órgãos eletivos locais.

A iniciativa foi organizada pelas MSD e pelo PSD em parceria com o Instituto Francisco Sá Carneiro e a Fundação Konrad Adenauer e, devido às restrições sanitárias impostas pela pandemia de covid-19, terá apenas um dia e a formação será feita num formato híbrido, com um número reduzido de participantes presenciais, e as restantes a assistir em plataformas online.

A formação contará, ao longo do dia, com intervenções de dirigentes do PSD como Joaquim Sarmento (presidente do Conselho Estratégico Nacional, CEN), o secretário-geral José Silvano ou o líder parlamentar Adão Silva, mas também com a do antigo deputado e atual membro do Conselho Consultivo do CEN José Pacheco Pereira, que falará sobre “A Importância da comunicação nos desafios da liderança política”.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

"Lupin". Livros originais regressam aos mais vendidos com série na Netflix

Novo fenómeno da Netflix, a série francesa Lupin estreou a bater recordes no ecrã… e não só. Com o sucesso da adaptação moderna da história clássica do ladrão Arsène Lupin, os livros originais voltaram aos …

Escavações revelam canibalismo azteca durante invasão espanhola

Centenas de invasores espanhóis capturados na localidade azteca de Tecoaque em 1520 terão sido sacrificados e devorados pelos indígenas, motivando um posterior massacre ordenado pelo "conquistador" Hernan Cortés. Um estudo publicado pelo Instituto Nacional de Antropologia …

A carrinha NV350 da Nissan inaugura uma nova forma de teletrabalho

O teletrabalho pode tornar-se menos aborrecido graças à Nissan. A fabricante japonesa apresentou a sua carrinha NV350 através do YouTube, na semana passada. A empresa destacou a principal caraterística deste veículo: pode ser formatado para …

Hospitais estão no limite. Modelos computacionais podem ajudar a manter as portas abertas

Modelos computacionais podem ser aplicados para ajudar a fazer uma melhor gestão das camas disponíveis para o internamento de doentes infetados com o novo coronavírus. A covid-19 está a causar pressão nos serviços de saúde em …

Guardas diabólicas. Mulheres comuns pertenceram à SS (e torturaram outras em campo de concentração)

Prosseguir, torturar e matar judeus não foi uma ação impulsionada apenas por homens. Na altura da Segunda Guerra Mundial foram muitas as mulheres que se juntaram à SS para fiscalizar e realizar tarefas nos campos …

Sp. Braga 2-1 Benfica | Braga bate Benfica no jogo aéreo e volta à final da Taça da Liga

O Sporting de Braga venceu esta quarta-feira o Benfica por 2-1, com dois golos de cabeça, e vai defender o título na Taça da Liga em futebol na final de sábado, frente ao Sporting, em …

EUA. Com medo da covid-19, homem esconde-se em aeroporto durante três meses

Com receio de ir para casa devido à covid-19, um homem de 36 anos ficou durante três meses no Aeroporto Internacional O'Hare, em Chicago, nos Estados Unidos (EUA), sem ser descoberto. De acordo com um artigo …

Congeladores em vez de assentos. Empresa remodela avião para transportar vacinas contra a covid-19

O transporte de vacinas contra a covid-19 acabou de se tornar mais fácil graças a uma empresa aeronáutica italiana que remodelou uma avião para o efeito. A empresa italiana Tecnam normalmente fabrica peças de aeronaves para fabricantes, além …

Netanyahu tem a seringa com que foi vacinado contra a covid-19 exposta no seu escritório

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, guardou a seringa com que foi vacinado contra a covid-19. O objeto está agora exposto no seu escritório no interior de uma caixa de vidro com uma base em …

Presidente da Câmara de Pedrógão Grande acusado de 11 crimes

O presidente da Câmara de Pedrógão Grande foi acusado de 11 crimes na sequência dos incêndios de junho de 2017, sete de homicídio por negligência e quatro de ofensa à integridade física por negligência. Numa informação …