Rui Pinto terá hackeado mais de 10 mil ficheiros e documentos em segredo de Estado da PLMJ

Mário Cruz / EPA/Lusa

Rui Pinto no arranque do julgamento do chamado caso “Football Leaks” que envolve o Fundo de Investimentos Doyen.

O criador do site Football Leaks, Rui Pinto, terá tido acesso a aproximadamente 3.000 pastas no alegado ataque informático à sociedade de advogados PLMJ, no final de 2018, segundo o antigo diretor informático do escritório de advocacia.

Ouvido como testemunha na 33.ª sessão do julgamento, no Tribunal Central Criminal de Lisboa, após um interregno de quase dois meses e meio devido à pandemia de covid-19, Ricardo Negrão destacou o “impacto” da intrusão nos sistemas da PLMJ e assumiu que a investigação conduzida não conseguiu aferir a extensão completa dos dados que possam ter sido alegadamente consultados pelo arguido.

“Detetámos que tinham sido acedidas de forma indevida várias caixas de correio. Talvez umas 25, inclusive a minha. Tinha sido identificado um conjunto vasto de computadores. Não conseguimos ter a certeza do que foi retirado das cerca de 3.000 pastas, mas houve um conjunto de 120 ficheiros que foram acedidos. [As pastas] teriam mais de 10.000 ficheiros, mas não tenho o número presente”, disse.



Entre os 120 ficheiros comprovadamente visualizados, Ricardo Negrão revelou que estariam documentos em segredo de estado, aludindo ao caso do antigo espião Jorge Silva Carvalho. Todavia, explicou que as perícias realizadas não permitiram atribuir a autoria dos acessos a uma pessoa em concreto. “A única coisa que conseguimos apurar é que foram usadas as credenciais do [técnico] externo. Associá-las a uma pessoa? Não conseguimos”, admitiu.

“Angola propostas”, “Angola vários”, “Angola Clientes Vários” e “Angola faturação” são os nomes de alguns ficheiros a que Rui Pinto teve acesso, escreve o Observador.

Na inquirição conduzida pela procuradora do Ministério Público, Marta Viegas, o ex-diretor informático da PLMJ confirmou que a ‘porta de entrada’ no sistema foi através de “um e-mail de ‘phishing’” enviado para a advogada Paula Martinho da Silva, que o remeteu então para o apoio informático, onde o técnico externo Luís Fernandes acabaria por inserir as suas credenciais de acesso que permitiram a intrusão.

A sessão prossegue da parte da tarde, com a continuação da audição de Ricardo Negrão.

No dia 22 de abril, começarão a ser ouvidas as 45 testemunhas arroladas por Rui Pinto. Ana Gomes pode vir a ser a primeira a ser ouvida, juntamente com o diretor nacional da PJ, Luís Neves, Miguel Poiares Maduro, Francisco Louçã, o jornalista e ativista angolano Rafael Marques ou Edward Snowden, entre outros.

Rui Pinto, de 32 anos, responde por um total de 90 crimes: 68 de acesso indevido, 14 de violação de correspondência, seis de acesso ilegítimo, visando entidades como o Sporting, a Doyen, a sociedade de advogados PLMJ, a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) e a Procuradoria-Geral da República (PGR), e ainda por sabotagem informática à SAD do Sporting e por extorsão, na forma tentada. Este último crime diz respeito à Doyen e foi o que levou também à pronúncia do advogado Aníbal Pinto.

O criador do Football Leaks encontra-se em liberdade desde 07 de agosto, “devido à sua colaboração” com a Polícia Judiciária (PJ) e ao seu “sentido crítico”, mas está, por questões de segurança, inserido no programa de proteção de testemunhas em local não revelado e sob proteção policial.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Israel testa laser aéreo para abater drones

Israel indicou esta segunda-feira ter utilizado um laser aéreo para abater drones [aparelhos aéreos não tripulados] numa série de testes, “um avanço tecnológico” para fortalecer o sistema de defesa. Este novo sistema de laser, instalado a …

Governo britânico aprova mais de 60 mil espetadores. OMS preocupada com relaxamento nas restrições

A Organização Mundial da Saúde (OMS) expressou esta terça-feira a sua preocupação com o afrouxamento das restrições verificadas em alguns dos países anfitriões do Euro2020 de futebol, pedindo rápidas reações após verificar surtos de covid-19 …

Cabrita admite apuramento de responsabilidades para elementos do Movimento Zero

O ministro da Administração Interna admitiu esta terça-feira que estão a ser apuradas responsabilidades em relação ao comportamento de alguns elementos das forças de segurança na manifestação do Movimento Zero realizada na segunda-feira em Lisboa. “Estou …

Merkel critica governo português por abrir portas a britânicos (e usa Portugal como exemplo da descoordenação na UE)

A chanceler alemã, Angela Merkel, criticou esta terça-feira a falta de regras comuns na União Europeia (UE) relativamente às viagens, dando como exemplo a situação de aumento dos contágios em Portugal, que a seu ver …

Covid-19. Sequelas em pessoas que eram saudáveis levaram ao transplante pulmonar

O cirurgião cardiotorácico José Fragata alertou esta terça-feira para as sequelas da covid-19 que já se começam a sentir nos pulmões de alguns doentes que ficaram semelhantes aos portadores de fibrose quística e a exigir …

PRR. Nome de Vítor Caldeira na mesa para presidir à Comissão de Auditoria e Controlo

O inspetor-geral de Finanças vai presidir à Comissão de Auditoria e Controlo (CAC) que acompanhará a implementação do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) e que deverá, também, integrar o ex-presidente do Tribunal de Contas …

Altice Portugal avança "nas próximas semanas" com despedimento coletivo

A Altice Portugal confirmou esta terça-feira à Lusa que vai dar início, "nas próximas semanas", a um processo de rescisões de contratos de trabalho através de despedimento coletivo, no âmbito do Plano Integrado de Reorganização, …

BE e PAN criticam "falta de liberdade de expressão" no Porto

As deputadas do Bloco de Esquerda e do PAN na Assembleia Municipal do Porto criticaram a “falta de liberdade de expressão” na cidade, depois de dois grafitis terem sido “apagados pelos serviços da autarquia”. “Soubemos que …

Marcelo pede aos jovens que facilitem vacinação em "corrida contrarrelógio"

O Presidente da República fez esta terça-feira um apelo aos jovens para que não deixem de se vacinar e adequem a habitual mobilidade no período do verão para facilitar um processo de vacinação em "corrida …

“Nenhum país está preparado para um evento da magnitude de Pedrógão Grande", diz Comissão Técnica Independente

O engenheiro António Salgueiro, da Comissão Técnica Independente (CTI) que avaliou os incêndios na Região Centro em junho de 2017, afirmou esta terça-feira que nenhum país está preparado para a magnitude do fogo de Pedrógão …