Roupas de nanotubos de carbono podem ser usadas como bateria

Engenheiros da Universidade de Cincinnati, nos EUA, em parceria com a Base Aérea de Wright-Patterson, estão a desenvolver uma roupa que pode ser usada como bateria, sendo assim capaz de carregar outros dispositivos elétricos.  

O tecido das roupas é feito a partir de nanotubos de carbono, que são materiais com excelentes propriedades de condução térmica resistência ao calor.

O Nanoworld Laboratories da Universidade de Cincinnati tem um acordo de pesquisa com o laboratório da Base Aérea Wright-Patterson. Graças às tecnologias de ponta da Força Aérea americana, os cientistas são capazes de criar materiais inteligentes para aprimorar as aplicações de tecnologia militar.

E, no centro destas aplicações, estão os nanotubos de carbono. De acordo com os cientistas, no futuro, será possível substituir o cobre dos carros e dos aviões, de forma a diminui o peso dos veículos e melhorar a eficiência do combustível.

Os nanotubos de carbono poderão também ser utilizados para filtrar as nossas águas e para nos dar mais informação sobre as nossas vidas e corpos, através de sensores biométricos. Além disso, estes materiais devem também substituir o poliéster e outras fibras sintéticas.

Os nanotubos de carbono são os objetos mais negros encontrados na Terra, absorvendo cerca de 99,9% de toda a luz visível.

Roupas “carregadoras” de energia

O laboratório da universidade Cincinnati orienta trabalhos científicos de 30 estudantes universitários. Uma das pesquisas, publicada na revista Materials Research no dia 20 de junho, estudou as formas de melhorar a resistência à tração da fibra de nanotubos de carbono.

De forma a “cultivar” os fios de nanotubo, os cientistas utilizam uma câmara de vácuo e um processo chamado de deposição química em fase vapor. Qualquer fonte com carbono pode ser utilizada para criar os nanotubos, do álcool até ao metano. Cada “semente” de carbono pode também ser manipulada para ter o tamanho desejado.

As pequenas folhas de carbono resultantes tornam-se num fio que se parece com uma sede produzida por uma aranha. “É exatamente como um tecido”, disse Vesselin Shanov, um dos diretores do laboratório.

“Podemos usá-los em aplicações que vão desde os sensores para rastrear metais pesados na água até dispositivos de armazenamento de energia, incluindo super-condensadores e baterias”, explicou o investigador.

Para os militares, estas aplicações poderiam significar o fim das baterias pesadas necessárias para o grande número de eletrónicos que compõem o seu equipamento, incluindo luzes, visão noturna e dispositivos de comunicação.

“Um terço do peso que os soldados carregam são baterias utilizadas para alimentar todos os seus equipamentos”, disse Mark Haase, um dos estudantes envolvidos na pesquisa. “Então, mesmo que nos possamos livrar de apenas um pouco deste peso, será uma grande vantagem para os soldados no campo”.

Por agora, os cientista querem verificar que os nanotubos de carbono não são tóxicos. Estudos anteriores apontaram que, em grande exposições, os nanotubos podiam causar danos nos pulmões semelhantes aos causados pelo amianto. Além disso, os custos de produção de produtos a partir de nanotubos são ainda muito elevados.

“Estamos a trabalhar com clientes que se preocupam mais com desempenho do que com custo. Mas, uma vez que aperfeiçoarmos a síntese, a escala aumentará consideravelmente e os custos devem também cair”, explicou Haase.

Só quando as máquinas têxteis de grande escala forem capazes de gerar quilómetros de fios de nanotubo de carbono, é que será possível perceber se o material se pode espalhar para outras aplicações.

ZAP // HypeScience

PARTILHAR

RESPONDER

"Queremos justiça", exigem famílias de vítimas do ataque em Cabul. CIA alertou para a presença de civis

A família das 10 vítimas mortais do ataque com drone dos EUA a um veículo em Cabul exigem que os operadores sejam julgados em tribunal. A CIA terá alertado para a presença de civis segundos …

Rio abre o jogo sobre o futuro do PSD. Não se recandidata se fizer "igual, pior ou muito pouquinho melhor"

Líder social-democrata deu a conhecer o que é, para o próprio, um bom resultado nas próximas autárquicas, recusou-se a falar sobre as movimentações internas no PSD, expôs o papel do partido na votação do OE …

Corpo encontrado em parque natural será de Gabby Petito

Este domingo foi encontrado um corpo no parque nacional de Wyoming, nos Estados Unidos, que corresponde ao da jovem Gabrielle Petito, que se encontrava desaparecida, anunciou a polícia federal norte-americana (FBI). "No início do dia de …

Nuno Espírito Santo admite que "muita coisa correu mal", mas não escapa às críticas

O Tottenham saiu derrotado por 3-0 do embate com o Chelsea. Nuno Espírito Santo reconheceu os problemas na equipa, que foi duramente criticada por Roy Keane. O Chelsea manteve-se no comboio dos líderes da Liga inglesa, …

Críticas às novas tabelas da ADSE em várias áreas da Saúde

A nova tabela da ADSE, que entrou em vigor a 01 de setembro, tem enfrentado críticas de vários setores da Saúde, desde dentistas a nutricionistas, principalmente pelos valores atribuídos a alguns atos, exclusões e restrições. A …

Cuba é o primeiro país a vacinar crianças a partir dos dois anos

Depois de um drástico aumento de casos e mortes em crianças, a estratégia de vacinação em Cuba mudou. Com o objetivo de ter mais de 90% dos 11 milhões de habitantes imunizados até Dezembro, as autoridades …

Penálti que deu vitória ao Sporting devia ter sido repetido

Um penálti convertido por Pedro Porro deu a vitória, este domingo, ao Sporting. Especialistas entendem que a grande penalidade devia ter sido repetida. O Sporting CP conquistou uma vitória sofrida, este domingo, após derrotar o Estoril …

Marques Mendes: Governo vai abrir discotecas e acabar com limite à lotação no comércio e restaurantes

Marques Mendes considera também que a task force para a vacinação deve ser extinta em Outubro e que em Dezembro deve ser decidida uma terceira dose para os cidadãos acima de 65 anos. No seu habitual …

OE2022: Governo negocia englobamento obrigatório de rendimentos no IRS

O englobamento obrigatório de rendimentos no IRS é uma medida que está incluída no programa do Governo e é um dos temas de grande interesse no núcleo comunista. O assunto está a ser negociado no …

Falcao marcou mas o protagonista foi o árbitro: "Já nem sei quem viu amarelo"

Falhas na comunicação com os outros árbitros e confusão numa suposta expulsão, após 13 cartões amarelos: um jogo que Cordero Vega não vai esquecer. Radamel Falcao estreou-se neste sábado pelo Rayo Vallecano e já terá reunido …