Rio diz ser “desejável” que PSD Madeira e Açores excluam Chega de coligações

ppdpsd / Flickr

O presidente do PSD, Rui Rio

Em Portugal Continental, o PSD não aceita coligações com o Chega para as próximas autárquicas, sublinhou Rui Rio, que deseja que o mesmo princípio seja seguido nas Regiões Autónoma.

Esta terça-feira, Rui Rio reiterou que em Portugal Continental o PSD não aceita coligações com o Chega para as próximas eleições autárquicas e afirmou desejar que o mesmo princípio seja seguido nas Regiões Autónomas.

“O que estou em condições de garantir o que sempre garanti. O PSD fez um acordo de coligação com o CDS – não é em todo o lado, mas onde localmente o quiserem fazer – [e] esse acordo em determinados concelhos, se houver interesse disso, se as concelhias o quiserem propor, [pode incluir] o PPM, o Partido da Terra, o Nós Cidadãos, etc., nós aceitamos. Com o Chega não“, disse o líder social-democrata.

Rio respondia a questões dos jornalistas no Porto, à margem de uma conferência de imprensa sobre medidas para travar a pandemia da covid-19, tendo referido que “o problema que se coloca” nos Açores e Madeira tem a ver com a tutela.

“Não temos tutela nas Regiões Autónomas. Aquilo que é desejável é que nas Regiões Autónomas façam o mesmo que fazemos no Continente e fazer o mesmo é não fazer coligações com o Chega”, frisou.

Sobre Suzana Garcia, o presidente do PSD disse que se a candidata não tivesse o perfil para a corrida à Câmara Amadora não teria sido aprovada, esclarecendo que os crivos mudam conforme os cargos e concelhos em causa.

“Se não fosse o perfil certo para Amadora, seguramente não teríamos aprovado”, disse depois de questionado sobre se o PSD tem dois pesos e duas medidas nas escolhas dos candidatos, isto depois do coordenador autárquico do PSD, José Silvano, ter argumentado que Suzana Garcia “não se candidata à Assembleia da República para legislar”.

“O que ele disse foi que o crivo que se faz para uma candidatura a uma autarquia não é exatamente o mesmo crivo que se faz para uma candidatura à Assembleia da República. E não estou a falar da pessoa em concreto, estou a falar das regras“, justificou Rui Rio.

O presidente do PSD acrescentou que o crivo que faz para uma candidatura a um concelho “não é rigorosamente igual ao crivo para uma candidatura de um concelho de perfil diferente”, somando ao exemplo o crivo para candidaturas a cargos diferentes.

“O perfil que se requer para candidato à Câmara do Porto não é exatamente igual ao que se possa requerer à câmara de Lousada, Baião ou Matosinhos. O perfil para um autarca ou para a Assembleia da República é diferente“, acrescentou.

A 7 de abril, na apresentação de mais 53 candidatos autárquicos, a escolha para a Amadora da advogada e ex-comentadora televisiva dominou a conferência de imprensa.

Na altura, o coordenador autárquico do PSD, José Silvano, referido que Suzana Garcia é a “candidata mais indicada para ganhar” a Câmara Municipal de Amadora e que as suas posições públicas não põem em causa os valores sociais-democratas.

“A posição da Suzana Garcia – que não se candidata à Assembleia da República para legislar, mas para a Câmara da Amadora – é uma posição que, no entender do PSD e que ela própria explica, não é de castração química, mas uma terapia medicamentosa de controlo da libido e apenas para reincidentes pedófilos”, disse o coordenador autárquico.

As eleições autárquicas têm de ser marcadas pelo Governo para o período entre 22 de setembro e 14 de outubro.

Em Portugal há 308 municípios (278 no continente, 19 nos Açores e 11 na Madeira), e 3.092 juntas de freguesia (2.882 no continente, 156 nos Açores e 54 na Madeira).

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Carta misteriosa escrita por passageira do Titanic está a intrigar os peritos

Uma equipa de investigadores está a tentar desvendar um mistério que envolve uma carta que terá sido escrita por uma jovem a bordo do Titanic na véspera do naufrágio. Uma família encontrou a carta numa garrafa …

Violência na Colômbia preocupa comunidade internacional

Várias cidades colombianas continuam a ser palco de violentas manifestações contra o Governo do país, mas são reprimidas com força pela polícia e por militares. As manifestações começaram em forma de protesto contra uma reforma tributária …

Veterana de Bletchley Park tem um novo código da 2.ª Guerra para decifrar (mas precisa de ajuda)

Um casal que encontrou mensagens codificadas da II Guerra Mundial sob o assoalho está tentar decifrá-las com a ajuda do seu vizinho, um decifrador de códigos de Bletchley Park. John e Val Campbell encontraram um esconderijo …

"Caixas mistério" com animais de estimação geram indignação na China

Uma nova moda conhecida como "caixa mistério" ganhou popularidade na China. O método consiste em fazer uma encomenda através da internet e é enviada, pelo correio, uma caixa com um animal de estimação. Estas encomendas estão …

Arquivos da polícia do Estado Islâmico revelam como era a vida sob o califado

Arquivos da polícia do Estado Islâmico, conhecida como shurta, revelam como era a vida sob o califado. Os polícias eram tão bem pagos que não podiam ser subornados. Não é sempre que os regimes mirram …

Barco português detido por ancorar ilegalmente em águas da Malásia

Um navio mercante registado em Portugal está retido na Malásia por ter alegadamente ancorado em águas territoriais do país sem autorização, avançou esta sexta-feira a Guarda Costeira malaia. Num comunicado, Nurul Hizam Zakaria, diretor da agência …

”Eficácia e qualidade”. OMS aprova vacina chinesa da Sinopharm

A Organização Mundial da Saúde (OMS) aprovou, esta sexta-feira, o uso de emergência da vacina chinesa contra a covid-19 da Sinopharm. Trata-se da primeira vacina desenvolvida pela China a ser aprovada pela organização, lembra a agência …

Sem estado de emergência não pode haver confinamento de pessoas saudáveis

O constitucionalista Jorge Reis Novais defendeu hoje que sem estado de emergência que suspenda a garantia do artigo 27.º da Constituição não pode haver confinamento de pessoas saudáveis, até uma eventual revisão constitucional. Por outro lado, …

"Neuro-direitos". O Chile quer proteger os seus cidadãos do controlo da mente

O Chile quer tornar-se o primeiro país a proteger as pessoas do controlo da mente, à medida que a capacidade de mexer com cérebros se aproxima cada vez mais da realidade. O senador Guido Girardi está …

Emprego, formação e pobreza. Cimeira Social marca "o mais ambicioso compromisso" da UE

A Cimeira Social arrancou, nesta sexta-feira, no Porto, com a presença de 24 dos 27 chefes de Estado e de Governo da UE, num evento que pretende definir a agenda social da Europa para a …