Rihanna lança coleção de moda com calçado português

Liam Mendes / Wikimedia

Rihanna (foto: Liam Mendes / Wikmedia)

Rihanna (foto: Liam Mendes / Wikmedia)

O calçado de estilo “agressivo, mas requintado” da linha de moda assinada pela cantora Rihanna, cuja coleção de inverno será lançada mundialmente a 07 de novembro, é fabricado em Santa Maria da Feira e Oliveira de Azeméis.

Segundo fontes do setor, na base dessa linha exclusiva estão os desenhos criados pela própria artista em colaboração com a marca de confeção River Island, que, por sua vez, compra à britânica Shoeboos o calçado assegurado pela sua sucursal de Arrifana, no concelho de Santa Maria da Feira.

“São os nossos gabinetes que asseguram o desenvolvimento técnico dos sapatos e botas da linha exclusiva da Rihanna”, revela à Lusa João Vultos Sequeira, da Shoeboos portuguesa. “Determinamos que componentes são os mais adequados a cada peça – solas, peles, saltos – e depois entregamos a produção às fábricas mais aptas a construírem esse produto final”.

No caso dos sapatos e botas desenhados pela cantora da ilha Barbados, radicada nos Estados Unidos, a parte física da produção cabe assim a duas empresas de Oliveira de Azeméis: os modelos clássicos e casual são produzidos pela S. O. & Marques, instalada em Loureiro, e os de ‘design’ mais delicado, como os ‘stilletos’, são entregues à A.S. Indústria de Calçado, de S. Roque.

“O resultado global é um calçado de estilo agressivo, mas requintado”, descreve João Vultos Sequeira. “É um estilo que, por um lado, combina com a imagem arrojada da própria Rihanna e que, por outro, tem o requinte próprio das matérias-primas de grande qualidade”.

Para o porta-voz da Shoeboos, a escolha de fabricantes portugueses para produção do calçado desenhado pela cantora já seis vezes premiada com um Grammy é assim “motivo de reconhecimento pelo trabalho de qualidade realizado por empresas nacionais que, na maioria das vezes, têm que manter-se no animato devido a contratos de confidencialidade rigorosos”.

“É muito mais difícil gerir esse sigilo e tudo o que está envolvido neste tipo de contratos do que fabricar efetivamente o calçado”, admite João Vultos Sequeira.

Na imprensa estrangeira, a coleção de Inverno criada por Rihanna para a River Island, já em pré-venda mundial, é anunciada como um conjunto de “80 peças num misto de luxo desportivo urbano e vestidos sofisticados”, com abundância de “brilhos, padrões escoceses, saias coleantes e calçado alto com tiras”.

Entre as 39 peças já disponíveis em pré-venda, incluem-se dois sapatos de salto alto a preços finais entre 60 e 65 libras, o que equivale a cerca de 70 a 76 euros.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Nona Sinfonia de Beethoven revela novos detalhes sobre o cérebro humano

A Nona Sinfonia de Ludwig van Beethoven, 250 anos após a sua criação, ajudou a demonstrar a existência de células conceituais no cérebro. Quase 200 anos depois da morte de Beethoven, a maior obra do músico …

Governo vai suspender devolução dos manuais escolares

O ministro da Educação informou hoje que o Governo vai suspender a devolução de manuais escolares, em curso desde 26 de junho, cumprindo a decisão do parlamento, que aprovou uma proposta nesse sentido. O plenário da …

Cuba prestes a abrir portas ao turismo (exceto aos cubano-americanos)

Depois de fechar as suas fronteiras para os turistas no final de março por causa da pandemia da covid-19, Cuba prepara-se agora para reabrir várias das suas baías ao turismo - mas há algumas exceções. …

Cidade do México enterrou os rios para prevenir doenças, mas a covid-19 resiste e prospera

Na tentativa de evitar a disseminação de doenças como a malária e a cólera, a Cidade do México enterrou os seus rios. Agora, como consequência, criou inadvertidamente as condições necessárias para a covid-19 prosperar. A Cidade …

Descoberto sistema de túneis da I Guerra onde estarão enterrados dezenas de soldados

A Agência do Património da Bélgica anunciou esta semana a descoberta de um sistema de túneis alemão da I Guerra Mundial, onde estarão, muito provavelmente, dezenas de soldados enterrados. Em comunicado, citado pela Russia Today, …

Cinco funcionários da Tesla dizem ter sido despedidos por terem ficado em casa durante a pandemia

Cinco funcionários da produtora automóvel Tesla dizem ter sido despedidos por terem ficado em casa durante a pandemia, avança o The Washington Post. De acordo com o jornal norte-americano, foram cinco os colaboradores dispensados da …

"Qual o lugar mais seguro?". Costa compara infetados no Reino Unido e Algarve

O primeiro-ministro apresentou hoje uma tabela que mostra o Reino Unido muito acima do Algarve em número de infetados com covid-19 por cem mil habitantes e pergunta qual o lugar mais seguro para umas férias …

Azul anuncia venda de 6% da TAP ao Estado por 10 milhões de euros

A companhia aérea brasileira Azul, de David Neeleman, anunciou hoje a venda de 6% da TAP, no âmbito do acordo anunciado esta quinta-feira entre o Estado e os acionistas privados, que “garante a continuação” da …

NASA cria dispositivo que o avisa para não tocar no rosto (e pode ser reproduzido em casa)

A pensar na pandemia, a NASA desenvolveu o PULSE, um colar vibratório que nos alerta se formos tocar no rosto com as nossas mãos. A pandemia de covid-19 alastrou pelo mundo e, enquanto não chega um …

Há mais 11 mortes e 374 novos casos de infecção (300 são na Grande Lisboa)

Portugal regista hoje mais 11 mortos devido à doença covid-19 do que na quinta-feira e mais 374 infectados, dos quais 300 na Região de Lisboa e Vale do Tejo, segundo o boletim da Direcção-Geral da …