Renda acessível pode pôr casas a 650 euros em Lisboa e 500 no Porto

Numa altura em que o mercado imobiliário está ao rubro, com os preços em máximos, as rendas estão em níveis cada vez mais incomportáveis para a maioria das famílias que poderão encontrar neste programa uma solução de habitação a valores acessíveis.

As rendas acessíveis definidas pelo Governo estão prestes a tornar-se uma realidade. Considerando a base que será utilizada para definir os valores de arrendamento, poderão entrar no mercado casas a 400 euros, 500 euros no Porto ou 650 em Lisboa.

Ainda faltam conhecer todos os detalhes que vão ser considerados na definição dos valores a que as casas vão entrar no mercado de arrendamento acessível, nomeadamente fatores como a área ou a tipologia dos alojamentos.

Para já, o Decreto-lei que cria o Programa de Arrendamento Acessível dá uma pista: o valor terá por base a mediana de preços de arrendamento divulgada pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), apesar das críticas dos proprietários à falta de adesão à realidade destes números.

De acordo com os cálculos do Eco, e tendo em conta que o valor mediano de arrendamento era de 4,80 euros por metro quadrado a nível nacional, e que a área média era entre 80 a 99 metros quadrado, a renda seria de 475,20 euros (para 99 metros quadrado). Com o desconto de 20%, este valor poderá cair para os 380,16 euros mensais. É uma poupança de 95 euros.

O problema das rendas elevadas é maior nas grandes cidades, especialmente em Lisboa e no Porto. No caso da capital onde as casas têm, em média, 70 metros quadrados e uma renda custa 812 euros mensais, as famílias poderão passar a pagar, em média, um valor de 649,60 euros, uma redução de mais de 150 euros.

Este valor poderá aumentar consoante as freguesias em que o imóvel está localizado. Santa Clara deverá ser a mais barata, com o valor do arrendamento a acessível a poder cair para 465,36 euros, enquanto Santo António continuará a exigir um esforço financeiro expressivo. Tendo em conta os valores de arrendamento atuais, a renda acessível poderá baixar para 789 euros.

No Porto, atualmente, arrendar uma casa com cerca de 80 metros quadrados custa, em média, 628 euros mas, com as rendas acessíveis, os descontos podem ser superiores a cem euros, recuando o valor médio ao abrigo deste programa para os 502 euros.

Campanhã continuará a ser a zona mais barata para viver, com uma casa arrendada a poder passar a ter uma renda acessível de 396 euros por mês, enquanto a União das freguesias de Aldoar, Foz do Douro e Nevogilde será a mais cara, com rendas a exigirem um pagamento mensal de 567,04 euros ao senhorio.

Para além do limite de 80% do Valor de Referência do Preço de Renda (VRPR), outro dos critérios definidos em Diário da República é que o valor da renda acessível se situe num intervalo entre os 15 a 35% do Rendimento Médio Mensal (RMM) do agregado – que as despesas não superem 35% do rendimento.

A nível nacional, tendo em conta que o rendimento médio líquido de um trabalhador estava nos 1.052,33 euros no final do ano passado, este arrendatário poderá suportar uma renda média 368,32 euros por uma casa com 99 metros quadrados, o que fica aquém do valor das rendas acessíveis estimadas a nível nacional (380 euros). No caso de um casal, os 35% limitam a renda a 736,63 euros.

Em Lisboa, o rendimento médio de 1.229,67 euros apenas consegue arrendar uma casa com um valor de 430,38 euros, aquém do valor médio de cerca de 650 euros das rendas acessíveis em Lisboa. Só um casal conseguirá cumprir este critério, com o rendimento a aumentar para quase 2.500 euros, o teto da renda será de 860 euros.

No Porto, considerando que um trabalhador recebe 982,33 euros por mês, o valor máximo da renda que poderá ser suportada pelos arrendatários é de 343,83 euros, numa casa de 80 metros quadrados. Já um casal pode arrendar um imóvel até 687,63 euros.

ZAP //

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. O governo enterrou o país na especulação imobiliária, nos lobbies imobiliários e na corrupção imobiliária. E agora vem falar em rendas acessíveis? Lol lol lol

  2. Gostava de saber de onde vem a média de “…rendimento médio líquido de um trabalhador estava nos 1.052,33 euros no final do ano passado…”

  3. Nunca entendo onde vão buscar estes ordenados médios. Num país onde uma grande maioria da população ainda ganha o ordenado minímo e em geral os ordenados são abaixo dos 1000 euros, não entendo como fazem estes calculos.

    • Fácil… pega-se numa empresa com 1 patrão e 9 funcionários, em que o patrão recebe 5.500€ e cada funcionário recebe 500€. em média são 1.000€ por pessoa. é por isso que as médias enganam muito.

  4. Há 5 anos pagava de renda 450, no Alto de Campolide em Lisboa. Ao fim do contrato o dono pediu a casa. Encontrei outra menor por 600, no Rato. Um ano depois subiu para 650. Ao fim de dois anos disse que teria que aumentar para 1000 ou que eu teria que sair. Já farto de ganhar 1000 e pagar 650 de renda e ter que arrendar o quarto a turistas para sobreviver, dei foi uma banana ao proprietário e outra para Portugal. Para mim chegou! Por essas e outras que debandei-me para a Holanda. Ganho cá em Amsterdão 4 vezes mais e pago renda mais barata que estaria agora a pagar em Lisboa: 755€ já incluídos despesas de luz, água, gás e aquecimento e consigo suportar sozinho com o que ganho. Nada mais de arrendar quarto ao dia a turistas porcos e bebados ingleses. Portugal??? Só nas férias e olhe lá!!!

    • Ó Amadeu… deixa-te ficar pela Holanda que aí é que estás bem. E o país também não parece sentir muito a tua falta. É bom para todos. Até para os porcos dos ingleses que assim têm uma casa inteira para ficar. É o resultado perfeito para todos!

      • És burro mesmo, ou então tens um tacho que o papa montou. O que está mal dito em cima? Achas que é comportável o que se está a passar com as rendas em Portugal? E com os nossos salários? Não deves ter saído muitas vezes de Portugal

RESPONDER

Reformaram-se 1.649 professores este ano. É o valor mais alto desde 2013

Este ano, reformaram-se mais 1.649 professores em Portugal continental. É o valor mais alto dos últimos sete anos. De acordo com o Correio da Manhã, entre janeiro e dezembro deste ano, aposentaram-se 1.649 professores em Portugal …

Já foram assassinadas 30 mulheres este ano, metade por violência doméstica

O Observatório das Mulheres Assassinadas (OMA) contabilizou 30 mulheres assassinadas entre 1 de janeiro e o dia 15 de novembro, 16 das quais em contexto de relações de intimidade, um valor abaixo das 21 registadas …

Netanyahu terá visitado Arábia Saudita (e reunido com Mike Pompeo e o príncipe herdeiro em segredo)

O primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, terá viajado no domingo em segredo à Arábia Saudita para se encontrar com o príncipe herdeiro saudita Mohammed bin Salman, divulgaram esta segunda-feira vários meios de comunicação de Israel. De acordo …

Arguidos no processo da queda da árvore na Madeira vão a julgamento

O Tribunal da Comarca da Madeira decidiu, esta segunda-feira, após a fase de instrução, levar a julgamento os dois arguidos no caso da queda da árvore no Funchal que, em agosto de 2017, provocou a …

Ausência de máscara na via pública dá multa a pelo menos 7 pessoas por dia

Entre 28 de outubro e 16 de novembro, a GNR e a PSP aplicaram 825 coimas por incumprimento relativo ao uso de máscara, sendo que mais de 130 foram por falta dela na via pública. De …

França cria "crime de ecocídio" para punir danos graves ao ambiente

A ministra da Transição Ecológica, Barbara Pompili, e o ministro da Justiça de França, Eric Dupont-Moretti, anunciaram a criação do "crime de ecocídio", que visa prevenir e punir os danos graves ao ambiente. Ao Journal du Dimanche, explicaram …

BCE reitera que retoma económica só em 2022 (e "enfraquecida")

Para Philip Lane, economista-chefe do Banco Central Europeu, a vacina traz uma perspetiva para o final do próximo ano e para 2022, mas não para os próximos seis meses. O economista-chefe do Banco Central Europeu (BCE), …

Ventura notificado para apresentar defesa em processo por discriminação

A Comissão para a Igualdade e contra a Discriminação Racial (CICDR) notificou André Ventura para apresentar a sua defesa na sequência de alegadas declarações de carácter discriminatório em relação à etnia cigana no Facebook. A comissão …

UNICEF prepara maior operação da história para administrar dois mil milhões de vacinas

A UNICEF anunciou hoje que está a analisar a logística de transporte de cerca de dois mil milhões de vacinas contra a covid-19 para 92 países e que esta será a maior operação internacional da …

China deteta surtos em três cidades e impõe bloqueios e milhões de testes

As autoridades chinesas estão a testar milhões de pessoas, a impor bloqueios e a fechar escolas depois de vários casos do novo coronavírus transmitidos localmente terem sido diagnosticados nos últimos dias, em três cidades. À medida …