Renault (também) suspeita de fraude nas emissões

A Renault está a ser investigada por alegada fraude nos testes de emissões, semelhante à usada pela Volkswagen para esconder emissões excessivas de gases poluentes.

A AFP noticiou que a polícia francesa terá estado na quinta-feira passada em fábricas da marca francesa e apreendido computadores de gestores da empresa.

Segundo a agência de notícias, os contornos em que decorreram as buscas levam a crer que se trata de um processo relacionado com a investigação alargada ao setor automóvel iniciada após o escândalo da Volkswagen, que rebentou em setembro.

De acordo com um documento publicado pelo sindicato CGT na fábrica de Lardy, em França, vários agentes da Direção Geral da Concorrência, do Consumo e da Repressão de Fraudes (DGCCRF), divisão do Ministério da Economia francês, estiveram nas instalações.

As autoridades estariam a investigar várias instalações responsáveis pela certificação e engenharia de motores para avaliar suspeitas relacionadas com os testes emissões e a certificação dos motores.

“Estamos todos surpreendidos”, referiu Franck Daoût, dirigente do sindicato em declarações citadas pela rádio Europe 1.

O escândalo rebentou nos Estados Unidos durante o ano passado, quando as autoridades revelaram que os carros a gasóleo da Volkswagen estavam equipados com software capaz de esconder o valor real das emissões.

A Renault informou, entretanto, que será publicado um comunicado “em breve”.

No final de setembro, o Renault Mégane, um dos modelos mais vendidos da marca, foi identificado como um dos automóveis com desvio de 40% entre os testes de emissões e a condução real, de acordo com o relatório “Mind the Gap”, publicado anualmente pela Transport & Environment, entidade que trabalha diretamente com a Comissão Europeia.

“O escândalo da Volkswagen é só a ponta do iceberg e o que está escondido é um abuso generalizado das fabricantes automóveis”, afirmou Greg Archer, da T&E.

Os investidores da Renault estão a reagir com pessimismo às notícias e as ações da empresa já afundaram mais de 20% na bolsa de Paris, para os 69,28 euros.

Quando rebentou o escândalo da Volkswagen, o governo francês pediu uma investigação “em toda a Europa”. O ministro das Finanças, Michel Sapin, disse na altura que, de modo a “tranquilizar” o público, é “necessário” levar a cabo verificações nos carros fabricados por outras empresas europeias.

ZAP

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Inspeção da IGAS admite "responsabilidade deontológica" de médicos em Reguengos

A inspeção ordenada pelo Ministério da Saúde ao surto de covid-19 no lar de Reguengos de Monsaraz admite "responsabilidade deontológica" dos médicos que recusaram visitar a instituição no seguimento de instruções da Ordem dos Médicos …

Desconfinar creches e 1.º ciclo em março é possível, mas com "botão de pânico"

O epidemiologista Manuel Carmo Gomes considera que é possível a partir de meados deste mês abrir creches e primeiro ciclo. Contudo, tem de se estar "sempre pronto para parar". O plano de descofinamento será anunciado pelo …

UEFA suspende árbitro do PSG-Basaksehir (mas afasta conduta racista)

Sebastian Coltescu foi suspenso pela UEFA até ao final da atual temporada, devido a "comportamento impróprio" no jogo entre o PSG e o Basaksehir, mas o  organismo afastou qualquer ação racista do romeno. "Foi decidido suspender …

O maior lagarto do mundo tem uma peculiar história de reprodução

O dragão de Komodo (Varanus komodoensis), o maior lagarto à face da Terra, tem uma estranha história de reprodução, de acordo com uma nova investigação científica levada a cabo pela Universidade Nacional da Austrália. De …

Portal Goal aponta Diego Costa ao Benfica (e até avança valores)

O portal desportivo Goal apontou esta segunda-feira Diego Costa, ex Atlético de Madrid e atualmente sem clube, ao Benfica. De acordo com a mesma fonte, o clube da Luz oferece ao jogador um salário de …

Um mandato com "vários mandatos" dentro. A segunda dinastia de Marcelo começa hoje

Esta terça-feira, Marcelo Rebelo de Sousa toma posse para um segundo mandato como Presidente da República. Por volta das 10h30, na Assembleia da República, Marcelo Rebelo de Sousa vai voltar a pousar a mão direita na …

Groundforce em risco de insolvência. Governo ainda sem soluções

O Governo ainda não tem soluções para resolver o problema dos trabalhadores da Groundforce, indicou o ministro das Infraestruturas e da Habitação numa reunião, esta segunda-feira, com os representantes dos colaboradores. "O ministro informou-nos que não …

Peritos propõem plano para desconfinar lentamente ao longo de um mês e meio

Esta segunda-feira, na reunião no Infarmed, os especialistas apresentaram a sua proposta de plano de desconfinamento. A decisão final do Governo só será conhecida na quinta-feira. De acordo com o Expresso, a proposta de plano de …

Parlamento Europeu levanta imunidade a Carles Puigdemont

O Parlamento Europeu levantou, esta terça-feira, a imunidade parlamentar de que gozavam três eurodeputados independentistas da Catalunha, entre eles o antigo presidente da região, fugidos da justiça espanhola após a tentativa de independência de 2017. O …

Sem zaragatoas, basta gritar. Empreendedor cria teste inovador para detetar covid-19

O empreendedor holandês Peter van Wees criou um teste que pode ser o método mais rápido e fácil de detetar covid-19. Basta gritar ou cantar. Peter van Wees criou um teste para detetar a covid-19 que …