Rei Alberto II da Bélgica enfrenta multa diária de 5.000 euros em disputa de paternidade

O rei Alberto II, que abdicou do trono belga há seis anos, será multado em cinco mil euros por cada dia em que se recusar a passar pelo teste de ADN para refutar as declarações de que teve uma filha durante um caso extraconjugal nos anos 60.

O tribunal ordenou a multa depois de rejeitas as tentativas de Alberto II de adiar a oferta de uma amostra de saliva, na última reviravolta de uma reivindicação de paternidade de longa data de uma artista de 50 anos, Delphine Boël.

Boël tem estado a lutar nos tribunais há seis anos para obter provas de que Alberto, de 84 anos, é o seu pai biológico. Se a artista for capaz de provar a paternidade, poderia ficar com o nome Delphine Van België e, por decreto real, o título de princesa. Boël também teria direito a um oitavo da propriedade de Albert, metade da qual é reservada para os seus filhos.

A alegação de Boël recebeu um impulso no outono passado, quando o tribunal de Bruxelas decidiu que Jacques Boël, herdeiro de uma das mais ricas dinastias industriais da Bélgica, não era o seu pai biológico – o que aumenta a confiança dos advogados da artista – e instruiu um especialista do hospital Erasmus a realizar testes genéticos para comparar o seu ADN com o de Alberto II.

Os advogados de Alberto argumentaram que não deveria dar uma amostra até que uma apelação contra essa decisão fosse ouvida num tribunal superior. Na quinta-feira, um juiz disse que o processo não deve ser adiado, embora os resultados do teste não sejam ouvidos até que o tribunal de última instância da Bélgica tome uma decisão sobre a legalidade da decisão original.

Marc Uyttendaele, um dos advogados de Boël, disse estar satisfeito com a decisão. “Discutimos aqui com o objetivo de obter evidências para a continuação do teste”, disse, citado pelo The Guardian. “Portanto, concordamos plenamente que os resultados do ADN não serão revelados antes que o tribunal tenha dado a decisão”. As multas representariam um enorme dano na fortuna de Alberto II. O monarca vive de uma alocação do Estado de 961 mil euros.

No dia em que Albert deixou o cargo em 2013, alegando problemas de saúde, a mãe de Boël, baronesa Sybille de Selys Longchamps, falou publicamente pela primeira vez sobre o alegado caso com o rei numa entrevista na televisão. “Achava que não poderia ter filhos porque tinha tido uma infeção”, disse sobre o relacionamento, que se alega entre 1966 e 1984. “Não tomamos nenhuma precaução”.

“Foi um período lindo. Delphine era uma criança amorosa. Alberto não era a figura paterna, mas era muito gentil com ela”, continuou. Albert admitiu mais tarde que ele e a sua esposa tinham passado por uma crise conjugal nos anos 70, mas o rei nunca admitiu ter tido um filho fora do casamento.

Esta não é a primeira vez que a justiça analisa casos de possível paternidade fora do casamento em famílias reais europeias. Em 2015, a justiça espanhola analisou um processo de paternidade contra o rei Juan Carlos, apresentado por uma mulher que dizia ser sua filha. O caso acabou por ser arquivado, após recurso de Juan Carlos.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

O armazenamento de energia "sem massa" está a chegar

Uma equipa de cientistas da Chalmers University of Technology, na Suécia, produziu uma bateria estrutural com um desempenho dez vezes melhor do que todas as versões anteriores. A descoberta abre caminho ao armazenamento de energia …

Ataque terrorista a cidade na Nigéria atinge organizações humanitárias e instalações da ONU

Jihadistas alegadamente ligados ao Estado Islâmico atacaram este sábado as instalações de várias organizações humanitárias e das Nações Unidas na cidade nigeriana de Damasak, e ainda estão no local, afirmaram fontes das organizações não-governamentais (ONG). O …

Os humanos foram "superpredadores" durante dois milhões de anos

Uma nova investigação revelou que os humanos foram um predador de ponta durante cerca de dois milhões de anos. Só a extinção da megafauna e o declínio das fontes de alimentos de origem animal no …

Paços de Ferreira 0-5 Benfica | Seferovic “parte tudo” na Capital do Móvel

Na noite deste sábado, o Benfica somou o sétimo triunfo consecutivo no campeonato, ao golear o Paços de Ferreira por 5-0, num embate relativo à 26.ª jornada do campeonato. A equipa de Jorge Jesus, que acabou …

Após terramotos e deslizamentos, a "cidade moribunda" de Itália ainda resiste no topo de uma montanha

Chamar-se a si mesmo de "Cidade Moribunda" pode não parecer a melhor forma de atrair turistas, mas Civita, em Itália, aprendeu a viver com o facto de estar a morrer. Há vários séculos, a cidade …

"Alexa, estou com calor." Já é possível controlar o ar condicionado de um Lamborghini apenas com a voz

A Amazon está a dar um grande passo na indústria automóvel ao integrar a Alexa no Huracán EVO da Lamborghini, não apenas para fazer perguntas, mas dando ao assistente virtual a capacidade de controlar as …

Nova tecnologia pode enviar luz solar para o subsolo

Investigadores da Universidade Tecnológica de Nanyang, na Singapura, inventaram um novo dispositivo que pode ajudar o país a iluminar a sua crescente infraestrutura subterrânea. A Singapura é um dos países que tem apostado cada vez mais …

Livro lança "caça ao tesouro" a urna de ouro oferecida por Inglaterra a França antes da Entente Cordiale

Um novo enigma literário está prestes a chegar às estantes de livros com uma recompensa incomum. Pistas em "The Golden Treasure of the Entente Cordiale" podem levar leitores no Reino Unido e França a um …

Para evitar casos de burnout, LinkedIn deu uma semana de férias aos quase 16 mil funcionários

O LinkedIn decidiu dar uma semana de férias (remunerada), que começou esta segunda-feira, a todos os seus funcionários espalhados pelo mundo. O objetivo? Desconectar, recarregar baterias e prevenir casos de burnout.  "Queríamos ter a certeza de …

Pequenos nadadores-robô curam-se a si próprios (e em movimento)

Uma equipa de investigadores da American Chemical Society desenvolveu pequenos robôs nadadores que conseguem curar-se a si mesmos magneticamente. O tecido vivo pode curar-se autonomamente de muitos ferimentos, mas fornecer habilidades semelhantes a sistemas artificiais, como …