/

Registaram-se mais 260 mortes e 5540 novos casos. Números estão a descer

4

Guillaume Horcajuelo / EPA

Foram reportados 260 mortes e 5540 novos casos de covid nas últimas 24 horas, segundo os dados atualizados do boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS) desta terça-feira (2 de fevereiro).

Há menos 94 doentes com covid-19 hospitalizados. Dos 6775 que estão internados, 852 estão em unidades de cuidados intensivos – menos 13 do que ontem.

Há ainda registadas 17 572 pessoas recuperadas da doença.

Neste momento há 166 888 casos ativos, menos 12 292 em 24 horas. O número de mortos também tem vindo a cair o que começa a mostrar uma tendência de estabilização no país.

Lisboa e Vale do Tejo continua a ser a região mais penalizada. A região norte é a segunda com maior número de novos casos.

Este é o terceiro dia consecutivo de recuo nos óbitos em 24 horas, que ainda assim se mantêm pelo 15.º dia seguido acima dos 200. Contudo, os 260 mortos desta terça-feira são o valor mais baixo dos últimos oito dias.

Quanto ao número de novos casos, é o mais baixo dos últimos 28 dias – mesmo beneficiando do habitual efeito do fim de semana, que ainda produz efeitos à terça-feira, o valor é muito inferior ao das três últimas terças-feiras (10.765, 10.455 e 7259).

Ajuda a Portugal

Esta terça-feira, a Comissão Europeia fez saber que está “pronta para ajudar” Portugal na crise sanitária criada pela pandemia de covid-19, podendo nomeadamente suportar os custos do destacamento de equipas médicas ou da transferência de pacientes, caso o país solicite tal assistência.

“O nosso Centro de Coordenação de Resposta a Emergências acompanha de perto a situação crítica relacionada com a pandemia de covid-19 em Portugal e está pronto a ajudar caso [o país] necessite de assistência”, escreveu hoje o comissário europeu para Gestão de Crises, Janez Lenarcic, numa publicação na rede social Twitter.

A Alemanha e a Áustria já se ofereceram, de forma bilateral, a ajudar Portugal devido ao elevado número de novas infeções e à saturação do sistema de saúde, nomeadamente nos cuidados intensivos.

No caso da Alemanha, uma equipa de assistência médica com 26 membros das Forças Armadas alemãs chegará a Portugal já esta quarta-feira, como anunciou o Governo alemão em comunicado enviado a Lusa, fornecendo também camas hospitalares e equipamentos médicos.

Por sua vez, a Áustria já se disponibilizou para tratar pacientes graves nos seus hospitais.

  Ana Moura, ZAP //

4 Comments

  1. “Foram reportadas 260 mortes e 5540 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas.” (CORREÇÃO.)

    Foram 5540 casos, e não 5549. Atenção!

  2. Anda aqui vigarice. Estas diminuições bruscas são suspeitas. Parece que a Graça Freitas sabe quando é que o vírus desaparecerá. Meteu-lhe um chip no cu.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.