Reformas na função pública subiram para 43% (e um quinto são professores)

Manuel de Almeida / Lusa

Mais de 6.500 trabalhadores das administrações públicas aposentaram-se na primeira metade deste ano, o que representa um crescimento de 43% face ao mesmo período de 2019. A maioria das saídas deriva de áreas como a educação, setor muito marcado pelo envelhecimento dos professores.

As estatísticas da Direção-Geral da Administração e do Emprego Público, divulgadas ontem, indicam que houve 17 806 saídas das administrações públicas desde o início do ano, das quais 6.504 foram para a reforma. No entanto, no primeiro semestre de 2019 só houve 4563 novos aposentados, o que representa aumento em 2020.

A maioria das aposentações foram no setor do Estado e, em particular, na área da educação. 1.308 profissionais desta área seguiram para a reforma, um quinto do total dos aposentados. O setor empresarial do Estado regista também 821 saídas para a aposentação e a Administração Interna outras 640. A saúde também foi das áreas mais penalizadas, uma vez que reformaram-se 404 trabalhadores.

A aceleração das aposentações no Estado acontece depois de terem sido retomadas progressões, e também reconhecido tempo de serviço que estava congelado em várias carreiras especiais, diz o DN.

Segundo o DN, apesar do aumento das saídas para aposentação, a função pública conseguiu na primeira metade deste ano voltar a superar os 700 mil profissionais, algo que não se verificava desde há oito anos.

De acordo com os dados da DGAEP, as contratações da saúde devido à pandemia, a integração da EMEF- Empresa de Manutenção de Equipamento Ferroviário na CP, a vinculação de precários no IEFP, assim como a finalização de concursos para novos inspetores do Trabalho, fizeram com que o emprego público crescesse em 0,9% no primeiro semestre.

Assim sendo, o emprego público abrange agora 705.212 pessoas, mais 6.576 do que no final do último ano. Desde 2012 que o número de trabalhadores das administrações públicas não estava a este nível, revela o DN.

Os novos dados também dão conta da evolução das remunerações dos funcionários públicos. Alterações como a valorização em 0,3% da generalidade de remunerações, aumentos em 10 euros nos salários mais baixos, ou o aumento do subsídio de refeição, fizeram com que o salário público médio crescesse em junho 2,9%, em comparação com o mesmo período do ano passado. Estando agora nos 1782,80 euros.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Pessoas de 60 e tal anos a dar aulas a miúdos! Quando eu era miúdo havia uma coisa chamada fosso de gerações. Agora, nas escolas, o fosso transformou-se numa outra coisa do tamanho do Grand Canyon.

RESPONDER

Costa diz que estado de emergência é "prematuro" e põe de lado o recolhimento obrigatório

Numa altura em que o número de infetados não pára de subir em Portugal, o Governo prefere manter a situação de calamidade para dar resposta à pandemia, o que permite tomar medidas como o confinamento …

22-0: a soma de dois jogos, no mesmo dia

Com claro destaque para o que aconteceu nos Países Baixos: 13-0, vitória do Ajax. Recorde no campeonato holandês, cinco golos de um jogador, um guarda-redes a querer marcar uma grande penalidade... O que aconteceu no sábado, …

Aminoácido produzido no cérebro pode prevenir ataques epiléticos

Uma equipa de investigadores da Faculdade de Medicina da Universidade da Florida descobriu que um aminoácido produzido pelo cérebro pode desempenhar um papel crucial na prevenção de um tipo de ataque epilético. As crises epiléticas do …

Ir à escola, viajar e assistir a espetáculos. As exceções à proibição de circulação entre concelhos

No final do último Conselho de Ministros, na semana passada, o Governo anunciou a proibição de circulação entre concelhos entre as 0h de 30 de outubro e as 6h de 3 de novembro, englobando o …

País Basco em confinamento, Bélgica quer transferir doentes para os Países Baixos e França "perdeu o controlo"

Numa altura em que a Europa volta a ser epicentro da pandemia de covid-19, o País Basco decretou o confinamento da população e França considera impor a mesma medida. Com falta de camas, Bélgica pediu …

"Dia histórico". Senado confirma nomeação de Amy Coney Barrett para o Supremo Tribunal dos EUA

O Senado norte-americano confirmou segunda-feira à noite a juíza Amy Coney Barrett para o Supremo Tribunal dos Estados Unidos, o que representa uma vitória política para o Presidente Donald Trump a poucos dias das eleições …

Os olhos das corujas podem ter uma "lente" que melhora a visão noturna

As corujas capturam as suas presas durante a noite. Uma nova investigação sugere que há algo de especial na forma como as moléculas de ADN nos olhos das corujas estão acondicionadas, uma característica que lhes …

Os extraterrestres podem estar a observar-nos à distância (em mais de 1.000 estrelas diferentes)

Da mesma forma que nós, da Terra, já detetámos vários milhares de planetas ao redor de outras estrelas, uma hipotética civilização alienígena poderia ter detetado a nossa presença. Mas de que posições no Espaço isso seria …

Afinal, o buraco negro mais próximo da Terra pode não ser um buraco negro

Um objeto identificado no início deste ano como o buraco negro mais próximo da Terra pode, afinal, não o ser. Depois de reanalisar os dados, diferentes equipas de cientistas concluíram que o sistema HR 6819 …

Rara cobra de duas cabeças e dois cérebros independentes encontrada na Florida

Uma rara cobra com duas cabeças e dois cérebros independentes foi resgatada no estado norte-americano da Florida por uma equipa de especialistas do organização Florida Fish and Wildlife Conservation Commission. Na rede social Facebook, a organização, …