Centros de saúde da Grande Lisboa criam rede contra mutilação genital feminina

Esta quarta-feira, o Governo lança o projeto “Práticas Saudáveis – Fim à mutilação genital feminina”, cujo objetivo é sensibilizar a população e formar os profissionais.

“Práticas Saudáveis – Fim à mutilação genital feminina” vai ser apresentado esta quarta-feira de manhã pela secretária de Estado da Cidadania e Igualdade, Rosa Monteiro, e a sua congénere da Saúde, Raquel Duarte.

De acordo com o jornal Público, estima-se que, em Portugal, 6576 mulheres com 15 ou mais anos tenham sido vítimas de mutilação genital, e que 1830 meninas com menos de 15 anos já tenham sido submetidas à prática ou estejam em risco de o ser.

Apesar de vários projetos, apoios a associações de base comunitária e formação especializada a profissionais, os contactos entre diferentes instituições ainda não estão devidamente formalizados.

É neste contexto que surge este projeto-piloto na região de Lisboa e Vale do Tejo, cujo objetivo é criar uma rede de prevenção e acompanhamento de casos de mutilação genital feminina “com epicentro nas questões da saúde”, descreve Rosa Monteiro.

Segundo o matutino, em foco estão cinco agrupamentos de saúde que englobam os concelhos com estimativas mais elevadas de mutilação genital feminina entre a população. Entre eles estão Alcochete, Almada, Amadora, Barreiro, Loures, Moita, Montijo, Odivelas, Seixal e Sintra.

Desta forma, estas unidades são chamadas a integrar a temática da MGF nos planos locais de saúde, na intervenção a nível de saúde escolar e a nível do contacto com outras entidades nos municípios.

Além disso, o protocolo prevê também a “capacitação de profissionais de diversos setores-chave”, como a saúde, educação, justiça, forças de segurança e segurança social.

Rosa Monteiro frisa que este não é apenas um problema de saúde, mas sim “uma questão de direitos humanos, de violência contra as mulheres“.

É por este motivo que estão previstas iniciativas de modo a serem criadas pontes com a comunidade – tanto através de organizações não-governamentais lideranças religiosas como através de atividades que envolvam os projetos do programa Escolhas.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Fernando Pimenta conquista medalha de prata em K1 1000

O canoísta português conquistou, esta quarta-feira, a medalha de prata na prova de K1 1000 dos II Jogos Europeus, elevando para 10 o número de pódios de Portugal em Minsk, igualando Baku 2015. Na central pista …

Cientista revela por que os mosquitos só picam algumas pessoas

O cientista Joop van Loon revelou o motivo pelo qual os mosquitos costumam picar mais algumas pessoas do que outras. De acordo com o especialista, são os compostos químicos presentes na pele dos humanos que …

ESA prepara-se para intercetar pela primeira vez um cometa puro

A Agência Espacial Europeia (ESA) desenvolveu um projeto que visa intercetar um cometa puro - um corpo celeste que nunca passou pelo Sistema Solar -, quando este se aproximar da órbita da Terra em meados …

Astrónomos encontraram uma nova (e surpreendente) cratera em Marte

Marte não se "magoa" facilmente mas, quando acontece, o resultado pode ser quase comparado a uma obra de arte. Uma cratera, descoberta em abril pela sonda Mars Reconnaissance Orbiter (MRO), é a prova disso. Notável não só …

Elon Musk alerta: Civilização pode colapsar daqui a 30 anos

De acordo com Elon Musk, uma "bomba populacional" vai surgir nas próximas décadas, quando uma população mundial cada vez mais idosa chocar com a queda das taxas de natalidade em todo o mundo. Esta não é …

O mundo árabe está menos religioso. Mas continua homofóbico

Há cada vez mais árabes que dizem não ter religião. Esta é a principal conclusão de uma grande sondagem feita a mais de 25 mil cidadãos de países árabes pelo centro de pesquisa Arab Network …

Tina morreu durante 27 minutos e foi ressuscitada 8 vezes. Quando acordou, escreveu "é real"

Uma mulher norte-americana entrou em paragem cardíaca em fevereiro de 2018 quando se preparava para fazer uma caminhada com o seu marido Brian. Depois de desmaiar, Brian ressuscitando-a duas vezes antes de os paramédicos chegarem para …

"Homem-árvore" pede que as suas mãos sejam amputadas

Abul Bajandar, um homem de 28 anos do Bangladesh conhecido como "Homem-árvore" devido às incomuns verrugas que nascem nos seus membros, pediu que as suas mãos fossem amputadas para aliviar as dores insuportáveis.  Bajandar sofre de …

EUA. Senadores republicanos do Oregon fogem para não aprovar lei ambiental

Senadores estaduais do Oregon, nos Estados Unidos (EUA), encontram-se a monte desde quinta-feira para não votarem uma lei ambiental. Procurados pela polícia, voltaram este domingo a faltar a uma sessão legislativa, impedindo que haja quórum …

O planeta enfrenta um "apartheid climático"

O planeta está confrontado com um “'apartheid' climático”. De um lado, os ricos que se podem adaptar melhor às alterações climáticas, e do outro, os pobres que vão sofrer mais, disse esta segunda-feira um especialista …