Já sabemos como era o rosto de Hilda, uma das druidas mais antigas da Escócia

(dr) University of Dundee

Karen Fleming recriou o rosto de Hilda, um dos druidas mais antigos da Escócia

Uma estudante da Universidade de Dundee, na Escócia, revelou o rosto de um dos druidas mais antigos do país através de uma reconstrução 3D super detalhada.

Hilda foi uma mulher druida que viveu durante a Idade do Ferro na Escócia e que conseguiu a proeza impressionante de chegar aos 60 anos, quando a maioria das mulheres da época viviam apenas metade.

Tudo o que os investigadores tinham acerca desta mulher era o seu crânio sem dentes. Mas agora, conta o Live Science, têm algo mais: uma reconstituição em cera do seu rosto tão detalhado que tem até as suas rugas.

“Hilda era uma personagem fascinante para recriar. A expectativa de vida de uma mulher nessa época era de aproximadamente 31 anos, viver mais do que isso durante a Idade do Ferro é um indicador de um passado privilegiado”, explica Karen Fleming, estudante de mestrado em identificação forense e arte forense da Universidade de Dundee, na Escócia.

Além da recriação de cera, Fleming também criou uma imagem digital detalhada desta mulher a usar um xaile à volta da cabeça, lê-se no comunicado da Universidade escocesa.

Os investigadores não sabem muito sobre esta mulher. Acredita-se que os seus restos mortais tenha sido encontrados em Stornoway, na ilha de Lewis, na costa norte da Escócia. O seu crânio foi um dos seis “Druidas das Hébridas” apresentados à Sociedade Frenológica de Edimburgo, no ano de 1833. Desde então, o crânio permaneceu no Museu Anatómico da Universidade de Edimburgo.

“É impossível saber ao certo quando Hilda morreu, uma vez que não conseguimos fazer datação por radiocarbono do crânio. Mas, supondo que as informações de 1833 estão corretas, faleceu entre 55 A.C. e 400 D.C. e era de origem celta“, acrescenta Fleming.

Os druidas viviam no que hoje são os territórios do Reino Unido e da França, e serviram como “grandes pensadores”, principalmente filósofos, professores, juízes e até mediadores entre humanos e deuses. A menção mais antiga sobre este grupo remonta há 2.400 anos, que depois começou a desaparecer lentamente há cerca de 1.200 anos, quando o Cristianismo se espalhou.

Criar um rosto 3D desta druida teve desafios, sobretudo por causa da onda de calor que se abateu sobre a Europa nos últimos meses, que quase a fez derreter antes de estar pronta. Felizmente, a ideia de a colocar dentro de um frigorífico salvou o trabalho de Fleming que agora pode ser visto até 25 de agosto, juntamente com outras obras de arte de estudantes, no Masters Show da Universidade de Dundee.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. “…. viviam no território entre Reino Unido e França”

    Que território é esse? O Reino Unido sendo uma ilha, como já o era na idade do ferro, não existe território algum!
    Se assumem que esse território é a Bretanha, este está no continente e não entre o RU (uma ilha) e França.

    Queiram detalhar e confirmar, por favor.

Conceição queixou-se das condições, mas a realidade é bem diferente

No fim do jogo da final da Taça da Liga, Sérgio Conceição desabafou sobre as condições em que trabalha. No entanto, a realidade mostra algo bem diferente daquilo que o treinador dá a entender. Após a …

Estado Islâmico elege Israel como "alvo específico" da sua luta

O grupo 'jihadista' Estado Islâmico (EI) afirmou na segunda-feira, através de uma mensagem áudio, pretender desencadear uma "nova fase" da sua 'jihad', ao eleger Israel como alvo específico. O apelo foi emitido quando o Presidente norte-americano …

Francisco Rodrigues dos Santos: "No CDS não existem Joacines"

O líder do CDS-PP, Francisco Rodrigues dos Santos, afirmou hoje ter uma "confiança inabalável em todos os deputados" que representam o partido na Assembleia da República, e remeteu para mais tarde a questão da liderança …

Cada vez mais freiras sofrem de burnout no Vaticano

Há cada vez mais freiras a sofrerem de burnout no Vaticano. Várias irmãs denunciaram excesso de trabalho, stress, exploração laboral e abusos por parte dos superiores. Sem contrato de trabalho ou horários definidos, muitas freiras que …

"Foi uma cena de acidente devastadora". Helicóptero que matou Kobe Bryant não tinha caixa negra

As circunstâncias do acidente que provocou a morte de Kobe Bryant, da filha do ex-basquetebolista da NBA e de mais quatro pessoas, continuam a ser investigadas. Sabe-se, agora, que o helicóptero onde seguiam as vítimas …

EUA apresentam plano de paz para o Médio Oriente já condenado pela Palestina

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, apresenta esta terça-feira o seu plano de paz para o Médio Oriente, após reuniões com líderes israelitas, que poderá estar condenado ao fracasso, perante a rejeição dos …

Vacina chinesa para o coronavírus pode começar a ser testada em menos de 40 dias

A equipa chinesa que trabalha no desenvolvimento de uma vacina para combater o coronavírus de Wuhan disse que espera poder começar os testes em menos de 40 dias, informou a agência estatal Xinhua. Pelo menos 106 …

Netanyahu anuncia retirada da sua imunidade parlamentar

Benjamin Netanyahu retirou o pedido de imunidade ao Parlamento israelita contras as três acusações de que foi alvo em novembro, que envolvem casos de corrupção, fraude e abuso de confiança. O primeiro-ministro de Israel disse, em …

Vitória já tem proposta por Tapsoba (e pode fazer encaixe histórico)

O Vitória de Guimarães recebeu uma proposta por Edmond Tapsoba que pode levar os vimaranenses a abrir mão do jogador. Sabe-se que a proposta recebida ronda os 20 milhões de euros. A notícia avançada esta terça-feira …

Livre exige que património das ex-colónias em museus portugueses seja devolvido

O Livre quer que todo o património das ex-colónias, presente em território português, possa ser restituído pelos países de origem de forma a “descolonizar” museus e monumentos estatais. O partido da papoila quer que o património …