Quatro feridos com arma branca junto à antiga redação do Charlie Hebdo

Ian Langsdon / EPA

Quatro pessoas foram esta sexta-feira feridas, duas das quais com gravidade, com armas brancas em Paris, junto ao edifício da antiga redação do jornal satírico Charlie Hebdo, anunciou a polícia da capital de França.

Dois dos feridos estão em estado de “emergência absoluta”, adiantou a prefeitura.

Um responsável policial indicou que, num primeiro momento, as autoridades pensaram que dois suspeitos estariam envolvidos, mas que agora acreditam que foi apenas uma pessoa, detida junto à Praça da Bastilha, no leste de Paris, muito perto do local do ataque.

De acordo com o jornal francês Le Figaro, o suspeito, detido nas escadarias da Ópera da Bastille pelas 12h45 locais, teria sangue nas suas roupas.

Desconhecem-se para já as circunstâncias do ocorrido.

A SIC Notícias dá conta que no local do ataque está montada uma grande operação policial. Foi organizado um cordão de segurança e as autoridades estão a pedir à população que se afaste da zona do incidente.

Por precaução, as creches e escolas nas proximidades foram encerradas, assim como as estações de metro, escreve ainda o jornal Público. “Milhares de alunos foram confinados” por precaução, indicou a câmara municipal de Paris.

O primeiro-ministro francês, Jean Castex, suspendeu um discurso que se preparava para fazer e dirigiu-se ao centro de crise do Ministério do Interior.

A antiga redação do jornal foi alvo, a 7 de janeiro de 2015, de um ataque ‘jihadista’ que fez 12 mortos e cinco feridos graves. O processo do Charlie Hebdo começou no passado dia 1 de setembro, no Tribunal de Paris, a julgar 14 pessoas consideradas como cúmplices neste ataque, já que os irmãos Kouachi – que conseguiram entrar na redação, matando 12 pessoas – foram abatidos pela polícia alguns dias após o crime.

Estão também em causa os ataques perpetrados por Amedy Coulibaly, nos dias que se seguiram ao atentado ao “Charlie Hebdo” e que terão sido coordenados com os irmãos Kouachi: a morte de uma polícia em Montrouge, nos arredores da capital, e a morte de outras quatro pessoas num supermercado, também nos arredores de Paris.

O ataque contra o Charlie Hebdo provocou ondas de choque por toda a França, revelando divisões num país que se orgulha do seu multiculturalismo e gerando um intenso debate sobre a integração da comunidade muçulmana e a liberdade de imprensa.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. multiculturalismo é tão bom, recomenda-se que o levem até aos parlamentos por essa europa fora e especialmente aos bairros onde mora a fina elite de cada país.

    • A fina elite de cada país mora em bairros multiculturais, com a fina elite de empresários, celebridades, etc. de muitos outros países e culturas. Onde é que pensa que vivem os príncipes arabes, os empresários africanos, os empresários aisáticos e outros quando estão na Europa? No seu bairro? Em Almada? No bairro do Cerco no Porto? No bairro amarelo na Caparica?

RESPONDER

22-0: a soma de dois jogos, no mesmo dia

Com claro destaque para o que aconteceu nos Países Baixos: 13-0, vitória do Ajax. Recorde no campeonato holandês, cinco golos de um jogador, um guarda-redes a querer marcar uma grande penalidade... O que aconteceu no sábado, …

Aminoácido produzido no cérebro pode prevenir ataques epiléticos

Uma equipa de investigadores da Faculdade de Medicina da Universidade da Florida descobriu que um aminoácido produzido pelo cérebro pode desempenhar um papel crucial na prevenção de um tipo de ataque epilético. As crises epiléticas do …

Ir à escola, viajar e assistir a espetáculos. As exceções à proibição de circulação entre concelhos

No final do último Conselho de Ministros, na semana passada, o Governo anunciou a proibição de circulação entre concelhos entre as 0h de 30 de outubro e as 6h de 3 de novembro, englobando o …

País Basco em confinamento, Bélgica quer transferir doentes para os Países Baixos e França "perdeu o controlo"

Numa altura em que a Europa volta a ser epicentro da pandemia de covid-19, o País Basco decretou o confinamento da população e França considera impor a mesma medida. Com falta de camas, Bélgica pediu …

"Dia histórico". Senado confirma nomeação de Amy Coney Barrett para o Supremo Tribunal dos EUA

O Senado norte-americano confirmou segunda-feira à noite a juíza Amy Coney Barrett para o Supremo Tribunal dos Estados Unidos, o que representa uma vitória política para o Presidente Donald Trump a poucos dias das eleições …

Os olhos das corujas podem ter uma "lente" que melhora a visão noturna

As corujas capturam as suas presas durante a noite. Uma nova investigação sugere que há algo de especial na forma como as moléculas de ADN nos olhos das corujas estão acondicionadas, uma característica que lhes …

Os extraterrestres podem estar a observar-nos à distância (em mais de 1.000 estrelas diferentes)

Da mesma forma que nós, da Terra, já detetámos vários milhares de planetas ao redor de outras estrelas, uma hipotética civilização alienígena poderia ter detetado a nossa presença. Mas de que posições no Espaço isso seria …

Afinal, o buraco negro mais próximo da Terra pode não ser um buraco negro

Um objeto identificado no início deste ano como o buraco negro mais próximo da Terra pode, afinal, não o ser. Depois de reanalisar os dados, diferentes equipas de cientistas concluíram que o sistema HR 6819 …

Rara cobra de duas cabeças e dois cérebros independentes encontrada na Florida

Uma rara cobra com duas cabeças e dois cérebros independentes foi resgatada no estado norte-americano da Florida por uma equipa de especialistas do organização Florida Fish and Wildlife Conservation Commission. Na rede social Facebook, a organização, …

Benfica 2-0 Belenenses SAD | Darwinismo rende arranque histórico

O Benfica cumpriu e venceu o Belenenses SAD por 2-0, no Estádio da Luz, na partida que encerrou a quinta jornada da Liga NOS. Foi o quinto triunfo benfiquista no campeonato em cinco partidas, o …