Putin alerta: 3ª Guerra Mundial pode ser o fim da civilização

O presidente russo, Vladimir Putin, alertou sobre uma possível Terceira Guerra Mundial que pode levar ao fim da civilização, acusando os EUA de interromper o equilíbrio nuclear global.

Putin pediu que os EUA e a Rússia voltassem à paridade estratégica, que impediu que a Guerra Fria aquecesse, segundo noticia o The Week.

Num longo programa de televisão, com a duração de quatro horas e meia, o presidente russo abordou uma série de assuntos, desde o aumento dos preços da gasolina e a Copa do Mundo até à sua sucessão, acusando os EUA de romper o equilíbrio do poderio nuclear mundial.

Respondendo a um telespectador preocupado, Putin criticou a decisão dos EUA de se retirarem do tratado de mísseis anti-balísticos da era Soviética em 2002.

“O medo da destruição mutuamente assegurada sempre restringiu e forçou os poderes militares a respeitarem-se uns aos outros”, disse, acrescentado que “a saída dos Estados Unidos do tratado foi uma tentativa de arruinar esse equilíbrio, mas os nossos esforços no desenvolvimento de novas armas preservarão essa paridade”.

A ameaça levemente levantada tem como alvo o Ocidente e continua com a enorme demonstração de força militar iniciada no Dia da Vitória que ocorreu no início deste ano em Red Square, durante o qual o mais recente equipamento militar russo foi apresentado com grande alarido – nomeadamente, “a arma que garante o apocalipse“.

Relativamente às sanções impostas pelo Ocidente que se seguiram à anexação da Crimeia em 2014, Putin mostrou-se otimista, explicando que “está claro para nós que temos que defender os nossos interesses e temos de fazê-lo de forma consistente, e não grosseira ou rudemente, em ambos os casos da esfera da economia e da defesa”.

Questionado se as sanções “sem precedentes” poderiam levar à 3.ª Guerra Mundial, Putin citou Einstein: “Eu não sei com que armas a 3.ª Guerra será travada, mas a 4.ª Guerra Mundial será travada com paus e pedras“.

O presidente russo acrescentou ainda que os interesses de qualquer país não devem ser protegidos “através de confrontos”.

Apesar das advertências sobre um grande conflito à escala global, o Business Insider diz que “talvez mais do que qualquer outro país, a Rússia tenha a capacidade nuclear de acabar com o mundo”.

Com as cerca de 7.000 armas nucleares que constituem o arsenal nuclear mais diversificado e destrutivo do mundo, “Putin pode decidir de forma unilateral embarcar numa guerra que extermine a civilização”, avança o site de notícias.

Durante seu discurso anual sobre o estado do união que fez no início do ano, Putin vangloriou-se da capacidade nuclear do seu país e parecia confirmar a existência de um dispositivo apocalíptico russo, que poderia tornar grandes partes do mundo inabitáveis ​​por décadas.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. A União Soviética já não existe. Há algo de estranho no texto. Penso que deveria ser “Putin pediu que os EUA e a Rússia voltassem à paridade estratégica, , que impediu que a Guerra Fria aquecesse (nos tempos da União Soviética)…”

    • Caro Jose,
      Até nem usamos, mas sabemos que o serviço se chama Google Translate – e que “translater” não existe.
      Tem alguma sugestão concreta a fazer em relação a alguma imprecisão que tenhamos cometido?

      • A sugestão é simples… comecem a ler e a reler aquilo que publicam ou mudem de tradutor, investiguem melhor. Já começam a ser muitos erros e não são erros basicos como adicionar ou subtrair letras de palavras. Falo de erros de más traduções de frases e textos.
        Dou como exemplo esta noticia ou falsa noticia:”https://zap.aeiou.pt/maior-icebergue-antartica-morrer-205447″

RESPONDER

Isabel dos Santos usou equipa de espiões para provar "conspiração" e "vingança" de João Lourenço

A empresária Isabel dos Santos contratou uma firma de antigos agentes secretos israelitas para provar que foi vítima de um ataque orquestrado pelo governo de João Lourenço. Isabel dos Santos criou uma equipa de espiões para …

"Perdemos o avô da nação". Morte do príncipe Filipe deixou "um grande vazio" na vida de Isabel II

A morte do príncipe Filipe, duque de Edimburgo, na sexta-feira, aos 99 anos, deixou a Rainha Isabel II, sua esposa, com "um grande vazio na sua vida", disse este domingo aos jornalistas o seu filho …

Mapa online interativo ajudou indígenas do Panamá a fazer frente à pandemia

Quando a covid-19 chegou ao Panamá no ano passado, o cartógrafo Carlos Doviaza temeu pelas pessoas indígenas da sua comunidade. Por isso, para as ajudar, dedicou-se a fazer aquilo que faz melhor: mapas. "Pensei: 'Porque não …

"A política ama traição, mas despreza o traidor". Sócrates acusa PS de "ataque injusto" (e diz-se alvo de "vingança" da direita)

"A política ama a traição, mas despreza o traidor". No livro "Só Agora Começou", que será publicado nos próximos dias, José Sócrates acusa a atual direção do PS de traição. De acordo com o Diário de …

Portugal regista mais 566 casos e seis óbitos por covid-19

Portugal registou, este domingo, mais seis mortes e 566 novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da Direção-Geral da Saúde …

PS quer que Cavaco Silva diga "quando é que soube do buraco do BES"

O PS quer que o antigo Presidente da República Cavaco Silva esclareça "quando é que soube do buraco do BES" e porque é que "não agiu atempadamente" para evitar o aumento de capital, que gerou …

Perdoar o passado, celebrar o renascimento e cumprir tradições. A primavera traz o Nowruz, o ano novo persa

Assim que as flores começam a desabrochar e os dias ficam mais longos, fica claro que o Nowruz está prestes a chegar. A celebração do ano novo iraniano é secular, com raízes que remontam a …

“Mostrámos que sabemos governar”. Bloco apresenta candidata a Lisboa (e abre a porta a acordo com PS)

O Bloco de Esquerda apresentou a candidatura de Beatriz Gomes Dias à Câmara Municipal de Lisboa, pediu “mais força” para determinar a governação da cidade e abriu a porta a novos entendimentos com o PS …

Fé nos números. Foi o voto não religioso que Donald Trump perdeu em 2020 

Em novembro de 2020, Joe Biden foi eleito Presidente dos Estados Unidos da América. Uma análise revelou recentemente que a derrota de Donald Trump dependeu daqueles que não se identificam com nenhuma religião. Ryan Burge, professor …

Chega apresenta oito candidatos para o distrito do Porto. Ventura acredita que vai ter "grande resultado"

O líder do Chega anunciou este sábado oito candidatos às próximas eleições autárquicas no distrito do Porto, onde André Ventura acredita que o partido vai ter "um grande resultado". "Fizemos esta deslocação ao Porto para anunciar …