/

Putin admite aceitar pagamentos com criptomoedas num futuro próximo

premier.gov.ru

O presidente da Rússia, Vladimir Putin

Vladimir Putin admitiu que as criptomoedas têm valor, adiantando que esta forma de pagamento poderá tornar-se viável no país. Contudo, para já “ainda é muito cedo” para fazer previsões devido à sua natureza “incerta”.

A notícia começou a circular depois de na quarta-feira, dia 14 de outubro,  a CNBC ter entrevistado Vladimir Putin, e de o Kremlin ter começado a discussão no seu site.

O presidente da Rússia, admitiu que as criptomoedas poderão vir a ser aceites como forma legítima de pagamento, mas ainda é cedo para ter a certeza da sua viabilidade, advertiu o líder.

Questionado pela CNBC se as moedas digitais podem ser usadas, em vez de dólares, para estabelecer contratos de fornecimento de petróleo, Putin respondeu: “Contratos de criptomoedas? É muito cedo para falar sobre isso, porque a criptomoeda, é claro, pode ser uma unidade de conta, mas é muito instável”.

O líder russo referiu, citado pelo Interesting Engineering, que a moeda pode ser útil “para transferir fundos de um sítio para o outro, mas para negociar, ainda é prematuro. A criptomoeda ainda não tem o respaldo de nada”.

Ainda assim, Putin finalizou a sua intervenção com uma nota positiva: “Tudo se desenvolve, tudo tem o direito de existir. Vamos ver se vai mais longe, talvez um dia também seja um meio de acumulação. Para já, é cedo”.

Apesar de a Rússia se mostrar disposta a colocar as criptomoedas como meio de pagamento, ainda se terá de esperar para perceber quais as repercussões que este meio de pagamento terá no país.

Em contraste com esta postura otimista de Putin, está a China. No mês passado, o país proibiu todas as transições com moedas digitais.

Por sua vez, a Casa Branca também está a ponderar rever as políticas até agora adotadas, o que poderá traduzir-se em nova regulação.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.