PS indignado por petição contra Mário Soares subir a plenário

Steven Governo / Lusa

O deputado e antigo secretário de Estado socialista, Ascenso Simões, fala numa petição de caráter “insultuoso” e que não cumpre “minimamente” as condições para ser debatida em plenário.

Deputados socialistas manifestam-se indignados por ter sido admitida para debate em plenário, na Assembleia da República, na quinta-feira, uma petição contra a eventual atribuição do nome de Mário Soares ao aeroporto do Montijo.

Em declarações à agência Lusa, o deputado e antigo secretário de Estado socialista Ascenso Simões considerou que essa petição, que tem como primeiro subscritor Miguel Vieira Lopes, residente na Alemanha, “além de insultuosa, não cumpre minimamente as condições para ser admitida para debate em plenário”.

De acordo com vários deputados socialistas contactados pela agência Lusa, verifica-se uma “nulidade de objeto” nessa petição que sobe na quinta-feira a plenário.

A petição em causa entrou na Assembleia da República já na anterior sessão legislativa e passou primeiro pela Comissão Parlamentar de Economia, depois de ter sido admitida pelos serviços da Assembleia da República, já que, entre outras disposições, cumpria o requisito formal de reunir um mínimo de quatro mil assinaturas.

O deputado relator da petição na Comissão Parlamentar de Economia, o socialista Fernando Jesus, defendeu à agência Lusa que, para futuro, a Assembleia da República “proceda a um escrutínio mais exigente” sobre as condições de admissibilidade destas iniciativas provenientes de grupos de cidadãos, designadamente em termos de verificação do objeto.

“É óbvio que não há nenhuma decisão do Governo em matéria de novo aeroporto no Montijo. Também eu senti estupefação quando fui confrontado com o teor dessa petição”, justificou Fernando Jesus, deputado do PS eleito pelo círculo do Porto.

Fernando Jesus considerou depois que os principais autores da petição – o primeiro subscritor do documento foi ouvido em sede de comissão – “são saudosistas do anterior regime que nunca se conformaram com a instauração da democracia em Portugal e pretendem apenas insultar a memória de Mário Soares“.

“Mas, por muito que tentem, não têm categoria para insultar uma figura com a superioridade moral de Mário Soares”, acrescentou o relator da petição, adiantando que esta condenação política e moral, no âmbito da Comissão Parlamentar de Obras Públicas, “foi comum a todos os partidos“.

Na semana passada, o Grupo Parlamentar do PS emitiu um comunicado oficial em que se classificava como “um ato chocarreiro” e “provocatório” a petição que se insurge contra a eventual atribuição do nome de Mário Soares ao aeroporto do Montijo.

Nesse texto, assinado pelo vice-presidente da bancada do PS Filipe Neto Brandão, considera-se que “a petição em causa não passa de um ato chocarreiro e provocatório, que, paradoxalmente, atesta a superioridade moral da democracia que consente até dislates como esse”.

“Não creio, assim, que alguém lhe venha a dedicar no parlamento mais do que os parcos minutos que, formal e regimentalmente, lhe estarão atribuídos”, frisou o dirigente socialista.

Filipe Neto Brandão sustentou ainda que a figura do antigo chefe de Estado Mário Soares, “como um dos vultos maiores da República, é indubitavelmente consensual entre os portugueses que creem na democracia”.

“Pretender o contrário é, assim, na verdade, confessar-se militante de uma qualquer área saudosista do pré-25 de Abril. Curiosamente, deve ser sublinhado que exercer o direito de petição à Assembleia da República é algo que decorre também do resultado da ação cívica de Mário Soares e que pode ser exercido por todos, creiam, ou não, nas virtudes da liberdade e da democracia”, acrescentou o vice-presidente da bancada socialista.

  // Lusa

PARTILHAR

20 COMENTÁRIOS

  1. problema de solução simplex. lançar uma contra petição a exigir que seja colocado o nome de Mário Soares ao aeroporto, deve receber no mínimo 130.000 assinaturas.

  2. Não sei o porquê de tanta admiração, ainda estou para descobrir o que esse senhor fez por Portugal, o que ele não fez e n n deixou fazer já todos sabemos.

  3. Pouco importa o que o PS acha. Se a regra é que uma petição com assinaturas suficientes tem que ser discutida em parlamento então vão ter que seguir a regra. Essa regra existe por algum motivo em vários países, para que não exista demasiado poder na republica. Fica muito mal ao PS achar que pode falar pelo país inteiro. Isso significa que não estão a levar ao seu trabalho a sério e que têm tendencias autoritárias.

  4. Para ocupar um cargo político basta ser filiado num qq partido.
    .
    Depois de ter o almejado cartão é tudo uma questão de tempo, assiduidade às lavagens cerebrais, permissão para extrair o esqueleto, cultivar a passividade mental, omissão de dever público, elevada dose de avareza, cultura da lambebotice e cinismo q.b.
    .
    Dom Carlos sabia o que dizia: PAÍS DE BANANAS GOVERNADO POR SACANAS.
    .
    Por volta de 1910, Fialho de Almeida resumia assim o que ia na alma das classes cultas(?) política(?) portuguesas acerca do resto da população “A turba acéfala, alternadamente feroz e sentimental (tarada em todo o caso), que em Portugal faz as vezes de povo, é uma força de inércia sem a menor consciência de si própria, e que no estado de bestialidade africana em que jaz, tão cedo pode ter papel na marcha do país”.
    .
    Desde então, passaram 108 anos.

  5. Este indivíduo encheu-se às custas deste pobre país. Este indivíduo foi dos maiores flops da democracia portuguesa. Então aquele abandono de milhares e milhares de portugueses que tiverem de fugir à pressa de Angola, prova a miserabilidade deste político. E poderíamos falar em tantas outras negras façanhas desta personagem medíocre. E têm a lata de vir estes artolas parlamentares do PS, tomar a parte pelo todo. Saudosismo é defender de forma tão arrebatada um homem que conseguiu ter tantos e tantos milhares de portugueses contra si, um homem que se encheu à custa do Estado e que foi de uma pobreza governativa confrangedora.

  6. Se estão indignados com um direito que assiste aos cidadãos têm duas soluções: primeira não fazer o aeroporto e segunda alterar a lei e voltá-la a repor quando alguma petição seja do agrado do PS.

  7. Eu nem li os comentários, mas admito que o aeroporto deve ter o nome do Sócrates
    Sempre está em linha com a bandidagem que nos governa há demasiado tempo

    • desculpe eu ter emitido a mesma opiniao sobre o mnome a atribuir ao aeroporto sem fazer referencia ao seu comentario… mas so depois de escrever o meu fui reler os outos comentarios. entre eles o seu que quero agradecer em nome da preservaçao da memoria e da verdade nua e crua.

  8. Fácil. Construimos 10 mil aeroportos para os 10 mil pulhas políticos que conspurcam o nosso país. Todos ficam a ganhar e ninguém reclama

  9. Muito bonito Ascenso Simões. Democracia que é boa, só para casos do vosso interesse. Quando é para ouvir a opinião dos restantes, daqueles que vos elegem, aí, vocês que se atrevem a acusar, quem tem opinião diversa, de saudosistas do anterior regime, agem em concordância com o mesmo. Ironia da vida.

  10. para ser sincero achava que o futuro aeroporto se deveria chamar socrates, tal o entusiasmo desse estradista em levar para perto do freeport os turistas que entram no nosso pais. ja sabemos que desde tempos em que o ps e amigos eram donos e senhores de tudo e todos, as areas livres da zona foram devastadas pela fome imobiliaria dos politicos rosas e vermelhos, que de repente quiseram construir a sua casita nos arredores daquela cidade bem cheirosa e mitica. provavelmente para evitar custos maiores ao erario publico que deixaria de pagar taxis do aeroporto ate ao parçlamento. mario soares nao tem muito a ver com o montijo, talvez tenha mais a ver com paris, seria mais interessante pedir a macron para trocar o nome do aeroporto de orly por mario soares e ficava resolvido o assunto.
    espera se que se o aeroporto do montijo sefor inaugurado, nao tenha um nome votado pela geringonça, pois provavelmente recairia em fidel castro, saramago ou hugo maduro.
    quanto a indignaçao de alguns sucias ….ja se sabe que ainda pensam com as ideias do passado em que os portugueses era burros, ignorantes e analfabetos e eles uns iluminados.

  11. São poucos os “retornados” que ainda vivem. Saímos de Angola e Moçambique, não por livre vontade. Os que ainda vivem, alguns deles já regressaram à sua Terra para viver ou para simplesmente visitá-la. Nós, de Angola não conhecíamos os políticos “portugueses”. Neste momento já há políticos nascidos nas ex.colónias. O PS, nomeadamente, tem um que nasceu em Angola, Cujos pais dele já lá tinham nascido em ANGOLA. Não somos saudosistas. Choramos pela terra que nos viu nascer!.

  12. Mas por alma de quem o aeroporto tem que ter o nome de Mário Soares? E porque não o meu? Ou o do meu vizinho ao lado?
    Francamente… é nestas coisas que se vê o quanto reles são os políticos!
    Quanto a mim, quer os aeroportos, quer as ruas, quer as praças, etc. deviam ser numeradas. Aeroporto nr. 1. Aeroporto nr. 2. Rua nr. 1 Rua nr. 2 e por aí fora. Eram mais fáceis de memorizar e evitava troca de favores.

  13. Concordo ser insultuoso para Portugal e para os Portugueses atribuir esse nome a um aeroporto.
    Essa pessoa foi de facto importante para a democracia mas não por defender interesses nacionais, apenas pelos enormes dividendos que daí retirou. Além disso revelou sempre extrema arrogância, má educação e falta de respeito pelo povo e, ainda mais grave, pelo próprio país.

RESPONDER

Mais de mil ovelhas e cabras tomaram conta das ruas de Madrid (por um bom motivo)

Mais de mil ovelhas e cabras encheram as ruas de Madrid, este domingo, a propósito do tradicional Festival da Transumância, que foi cancelado no ano passado devido à pandemia da covid-19. De acordo com a agência …

Crise de abastecimento provoca escassez de camisolas de Natal

Na próxima época natalícia, os Estados Unidos podem enfrentar uma escassez de Ugly Sweaters, causada pela crise mundial dos transportes marítimos. As Ugly Sweaters são as típicas camisolas de Natal - por norma, coloridas e com …

Erupção de La Palma. Cães salvos por um grupo misterioso

Um grupo misterioso - que se auto-denomina A-Team - afirma ter resgatado vários animais "presos" devido à erupção do vulcão Cumbre Vieja em La Palma, nas Canárias. De acordo com o jornal britânico The Guardian, as …

Alec Baldwin

Assistente que entregou arma a Alec Baldwin já teria tido práticas inseguras

Uma fabricante de adereços disse que, no passado, já tinha mostrado preocupação com o facto de o assistente de realização ter protagonizado situações inseguras. No fim-de-semana, um documento judicial obtido pela CNN mostrou que a arma …

Metade dos chefes de equipa da Urgência do Hospital de Braga demitiu-se em bloco

Uma dezena de chefes de equipa da Urgência do Hospital de Braga demitiu-se esta segunda-feira, em protesto contra a falta de condições de trabalho e o "desinvestimento" no Serviço Nacional de Saúde. Contactada pela agência Lusa, …

Primeiro-ministro da Polónia acusa UE de ter "arma apontada à cabeça" do país

O primeiro-ministro polaco acusou a União Europeia (UE), esta segunda-feira, de "ter uma arma pontada à cabeça" da Polónia, ao exigir que Varsóvia reveja as reformas judiciais, ameaçando-a com sanções. Numa entrevista publicada pelo Financial Times, …

Carlos César acusa BE e PCP de terem preferido "jogos de poder"

O presidente do PS acusou, esta segunda-feira, os partidos de esquerda de terem preferido "os jogos de poder", no seguimento do anúncio de ambos do voto contra o Orçamento do Estado para 2022 (OE2022). "BE e …

O dirigente do PSD Paulo Mota Pinto

Mota Pinto aponta "irresponsabilidade" de marcar diretas. Rangel reforça importância de ter líder "fortemente legitimado"

O dirigente do PSD defendeu, esta segunda-feira, que o partido "está preparado" para legislativas antecipadas, defendendo que estas devem ocorrer "o mais rapidamente possível". Em declarações à agência Lusa, o presidente da Mesa do Congresso e …

EMA aprova terceira dose da vacina da Moderna a partir dos 18 anos

A Agência Europeia do Medicamento (EMA) deu luz verde, esta segunda-feira, à administração da terceira dose da vacina da Moderna a partir dos 18 anos. Em comunicado, a agência refere que os dados apontam que uma …

Câmara do Porto aprova sistema de videovigilância no centro histórico

Esta segunda-feira, na reunião do Executivo portuense, foi aprovado, com o voto contra da CDU e do BE, o protocolo a celebrar com a PSP para implementação da videovigilância na Baixa do Porto. O presidente da …