PS diz que herdou de Passos Coelho um SNS em “grande debilidade”

Rui Rio descreveu a gestão do Serviço Nacional de Saúde pelo PS como “catastrófica”. Os socialistas responderam, dizendo que o PS herdou de Pedro Passos Coelho um SNS em “grande debilidade”.

O PS considera que o Governo socialista, quando iniciou funções, encontrou o Serviço Nacional de Saúde (SNS) em estado de “grande debilidade” e, desde então, está em curso “um esforço de recuperação” de um setor agora “prioritário”.

Esta posição foi transmitida pela porta-voz da Comissão Permanente do PS, Maria Antónia Almeida Santos, esta sexta-feira, depois de Rui Rio ter afirmado que o primeiro-ministro, António Costa, compreendeu “todas as críticas que lhe foram feitas” sobre o SNS, cuja gestão socialista “foi catastrófica”.

Na resposta, Maria Antónia Almeida Santos interrogou-se sobre qual a palavra que Rui Rio “aplicaria à gestão do Governo PSD/CDS-PP, que, entre 2011 e 2015, cortou 1,2 mil milhões de euros na saúde e que depreciou em sete mil o número de profissionais do SNS”.

“O Governo do PS encontrou um SNS muito débil. Claro que continuam a existir problemas e são difíceis de resolver. Mas o esforço tem sido imenso e o investimento tem sempre vindo a crescer. A saúde, para o Governo do PS, é uma prioridade”, sustentou.

Nos quatro aos anteriores, com o Governo socialista, segundo Maria Antónia Almeida Santos, “foram repostos 1,4 mil milhões de euros, superando os cortes do executivo anterior PSD/CDS-PP”. “Entre 2015 e 2019, foram acrescentados 14.800 profissionais, dos quais 3.900 são médicos, 5.600 enfermeiros e sete mil técnicos de diagnóstico e terapêutica”, acrescentou.

Também de acordo com a porta-voz do PS, para 2020, “haverá um reforço orçamental para a saúde na ordem dos 800 milhões de euros”. “Nunca antes tinha assistido a um crescimento desta dimensão e já estou há uns anos a acompanhar as questões da saúde.”

Além dos 800 milhões de euros orçamentados para o próximo ano, Maria Antónia Almeida Santos referiu que o Governo já estabeleceu “um programa plurianual de investimentos de mais 190 milhões de euros em dois anos“.

“Ainda a somar a este esforço, até ao fim deste ano de 2019, estão previstos 550 milhões de euros para pagamentos em atraso. Saliento, ainda, o recrutamento de 8.400 profissionais de saúde em dois anos. Ora, se isto tudo é catastrófico, o que o dr. Rui Rio fala da gestão anterior do SNS?”, questionou novamente.

A porta-voz do PS defendeu que “os portugueses estão cada vez com mais acesso à saúde”, fazendo depois alusão aos números relativos a consultas e a cirurgias realizadas no SNS. “Acho que vamos no bom caminho da recuperação”, acrescentou.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. E o Passos Coelho governou o país de mãos atadas porque o PS “Sócrates” arruinou as finanças do país, como a memória é tão curta!

    • Coitadinho… tinha mãos atadas para a saúde, educação, etc, etc; porque para desbaratar o património público enquanto esmifrava os portugueses, as mãos estavam bem livres!!

  2. A culpa é do Coelho, que diz qu é do Sócrates que diz qu é do Santana que diz que é do Barroso que diz que é do Guterres que diz que foi du Cavaco que diz que foi du Soares, e assim de seguida !……na realidade até pode ser da culpa do Oliveira. E o próximo virá com a mesma lenga-lenga………….Certo é que quem se ………. é o mexilhão !….Ámen !

    • Sim, mas nenhum desses tirou 1,2 mil milhões de euros ao SNS (enquanto vendia o país ao desbarato a interesses estrangeiros)!!
      E, no tempo do Oliveira só havia saúde pública para ele e “amigos”!…

        • Sim, compreendi!
          Mas achei ser necessário relembrar que o governo do “salvador” Passos cortou 1,2 mil milhões de euros ao SNS – opção inédita e impensável para qualquer português como o mínimo de bom senso e sentido de Estado!!

RESPONDER

Bispo italiano sugeriu a padre que pagasse 20 mil euros a vítima de pedofilia

O bispo católico de Como, em Itália, afirmou ter sugerido a um jovem padre suspeito de pedofilia que pagasse 20 mil euros à suposta vítima para encerrar uma investigação interna ao caso ocorrido numa residência …

Governo reforça financiamento de projetos LGBTI com 50 mil euros

O Governo vai reforçar em 50 mil euros o financiamento de projetos de organizações que atuem na defesa dos direitos das pessoas lésbicas, gays, bissexuais, trans e intersexo (LGBTI), anunciou o gabinete da secretária de …

CDS pede ao Governo "um plano de desconfinamento controlado, à inglesa"

Francisco Rodrigues dos Santos quer que o Executivo apresente um plano de desconfinamento que permita a retoma da atividade de alguns setores. Esta sexta-feira, o presidente do CDS-PP insistiu na necessidade de o Governo apresentar um …

Para os idosos que estão em lares, visitar a família sem isolamento poderá acontecer em maio

A CNIS estima que, com todos os idosos residentes em lares vacinados, maio possa ser o mês da libertação depois de mais de um ano de pandemia, confinamentos e restrições apertadas. DGS diz que orientações …

UE retalia e declara chefe da missão venezuelana "persona non grata"

A União Europeia (UE) decidiu, esta quinta-feira, declarar a chefe da missão venezuelana em Bruxelas persona non grata, respondendo ao anúncio feito por Caracas de dar 72 horas à embaixadora comunitária para abandonar o país. "Por …

Novo problema num Boeing 777 leva a aterragem de emergência na Rússia

Um Boeing 777 da companhia aérea russa Rossiya fez uma aterragem de emergência em Moscovo, esta sexta-feira, devido a um problema de motor, uma semana depois de um incidente semelhante com um aparelho do mesmo …

Covid-19. Mais 1.027 casos e 58 mortes em Portugal

Portugal registou hoje 58 mortes e 1.027 novos casos de infeção nas últimas 24 horas, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). O boletim epidemiológico desta sexta-feira, divulgado pela Direção-Geral da Saúde, dá conta de 1.027 novos …

Costa anuncia "passaporte sanitário" para circulação na UE (e aposta em novos modelos económicos)

O primeiro-ministro António Costa anunciou esta sexta-feira que a Comissão Europeia vai preparar um documento para facilitar a circulação entre países da União Europeia (UE). Segundo avançou o Correio da Manhã, este "passaporte sanitário", que estará …

Vírus já circulava "de forma silenciosa" em Portugal em fevereiro (e veio principalmente do Reino Unido)

O Reino Unido, com mais casos, e a Itália, com mais peso na transmissão comunitária, foram os países com maior impacto no início da pandemia de covid-19 em Portugal, revela esta sexta-feira um estudo do …

Morreu Alfredo Quintana, guarda-redes de andebol do FC Porto

Alfredo Quintana, guarda-redes de andebol do FC Porto, faleceu esta sexta-feira, aos 32 anos. O internacional português sofreu uma paragem cardiorrespiratória no treino de segunda-feira. Alfredo Quintana, guarda-redes da equipa de andebol do FC Porto e …