O PS está adormecido e Pedro Marques é um candidato sozinho no terreno

Mário Cruz / Lusa

O Partido Socialista está adormecido na pré-campanha para as eleições europeias de 26 de maio. Pedro Marques, o cabeça-de-lista do partido, está sozinho no terreno.

Este domingo, Pedro Marques entregou as assinaturas para a lista do PS ao Parlamento Europeu, mas, ao que parece, é um candidato sozinho no terreno. Ao Público, uma fonte da campanha de Pedro Marques revela que se observa uma “total ausência de combate político” por parte do Partido Socialista.

Todas as “provocações” de Rui Rio, Paulo Rangel, Assunção Cristas ou Nuno Melo mantêm-se sem qualquer resposta do PS. Ao matutino, a fonte da campanha de Pedro Marques diz esperar que a sondagem da Aximage, que diminui as esperanças dos socialistas nas eleições, sirva para que os dirigentes do partido “acordem” e tenham um “sobressalto”.

No seu entender, é preciso que o partido inverta aquela que tem sido uma tendência de “ausência do PS” nestes primeiros dias de pré-campanha para as eleições para o Parlamento Europeu.

A questão vai mais além do que acompanhar o candidato. Todas as questões políticas diariamente colocadas pela oposição não têm merecido resposta por parte dos dirigentes do PS. “Ou o PS se mexe e começa a apontar as contradições da campanha do PSD e do CDS ou, se isso não acontecer, arriscamo-nos a ter uma votação baixa”, diz ao diário a mesma fonte.

A polémica das nomeações familiares no Governo parecem ter abalado o PS, mas a falta de apoio por parte dos dirigentes nacionais é também considerada um fator de perturbação da campanha.

António Costa faz frente a Rio, Rangel e Cristas, mas só aos fins-de-semana. Nos dias úteis, Pedro Marques é um homem sozinho no terreno.

A campanha do cabeça-de-lista do PS começou cedo, em meados de fevereiro, e tem sido muito ativa. No entanto, Pedro Marques não conta com uma participação frequente do partido e das figuras com mais peso dentro dele. Além disso, mesmo nos momentos em que consegue ganhar alguma notoriedade, Pedro Marques não é feliz.

Carnaval de Torres

Na passada terça-feira estive no Carnaval de Torres Vedras, o Carnaval "mais português de Portugal" que este ano decorreu sob o tema "Made in Portugal", com o Carlos Bernardes.#SomosEuropa #ee2019 #europa2019

Publicado por Pedro Marques em Sexta-feira, 8 de março de 2019

Como conta o Público, o principal exemplo aconteceu no período de Carnaval. Numa altura em que os políticos fogem das ruas, o cabeça-de-lista do PS arriscou e resolveu ir fazer campanha no meio da folia carnavalesca de Loulé e Torres Vedras.

Desta sua visita, destaca-se um vídeo partilhado na Internet em que Pedro Marques dançava ao lado de matrafonas em Torres Vedras, um momento pouco feliz que tornou o candidato num alvo fácil dos mais diversos programas de humor e que, ainda hoje, é a imagem mais marcante da pré-campanha de Marques.

Liliana Malainho LM, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Joe Biden promete retirar todas as tropas do Afeganistão até 11 de setembro de 2021

O Presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, vai propor a retirada de todas as tropas do Afeganistão até ao dia 11 de setembro de 2021, no vigésimo aniversário do ataque ao World Trade Center. Segundo o …

120 anos depois, IA ajuda a recriar pintura escondida sob obra-prima de Picasso

A Inteligência Artificial (IA) ajudou a recriar uma obra de arte que esteve escondida sob uma pintura de Pablo Picasso durante quase 120 anos. Uma misteriosa paisagem esconde-se debaixo da superfície visível de La Miséreuse Accroupie …

Assistente que não validou golo de Portugal na Sérvia afastado do Euro 2020

O holandês Mario Diks, o árbitro assistente que não validou o golo de Cristiano Ronaldo nos instantes finais do Sérvia-Portugal, na qualificação para o Mundial 2022 de futebol, confirmou nesta terça-feira que vai falhar o …

Rússia está a criar a primeira unidade militar com tanques robôs

A agência de notícias estatal TASS avança que o Exército russo está a montar a sua primeira unidade militar armada com tanques robôs. O Exército russo está a desenvolver a sua primeira unidade militar armada com …

PSD propõe solução ao Governo para reduzir injeção no Novo Banco

O PSD defende que o Governo tem um argumento jurídico que pode usar para limitar os pagamentos do Fundo de Resolução ao Novo Banco este ano. Em causa está um artigo do Código Civil que …

Quarentena de 21 dias, testes e fecho de casinos levam Macau a erradicar covid-19

Macau, um dos primeiros territórios a identificar o novo coronavírus, é agora um dos locais livres de covid-19, estando há cerca de 380 dias sem qualquer registo de infeção local, segundo os dados oficiais. O …

Costa preocupado com desconfinamento. Concelhos de risco dão dores de cabeça

Com a terceira fase de desconfinamento aí à porta, o Governo ainda tem dúvidas sobre o que fazer, mantendo algumas pontas soltas. A maior preocupação incide nos conselhos onde há mais casos. Durante a reunião do …

Para prevenir acidentes, China inaugura o primeiro semáforo para camelos do mundo

Autoridades do norte da China inauguraram este domingo o que dizem ser o primeiro sinal de trânsito para camelos do mundo perto da cidade de Dunhuang, província de Gansu. O semáforo para camelos entrou em operação …

PRR terá mecanismo de fiscalização no Parlamento. PSD quer bazuca durante a presidência portuguesa da UE

O ministro do Planeamento, Nelson Souza recebeu nesta terça-feira, os partidos com assento parlamentar e as deputadas não inscritas para conversas bilaterais sobre o Plano de Recuperação e Resiliência (PRR). Trata-se da chamada "bazuca" que virá …

Ministro da Saúde austríaco demite-se por falta de apoio na gestão da pandemia

O ministro da Saúde de Áustria, Rudolf Anschober, anunciou esta terça-feira a sua demissão, devido à falta de apoio na gestão da crise pandémica, cessando funções na próxima segunda-feira. "A situação é dramática nos serviços de …