Presidente filipino chama “filho de uma prostituta” a Barack Obama

Mast Irham / EPA

O presidente das Filipinas, Rodrigo Roa Duterte

O presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, chamou “filho de uma prostituta” a Barack Obama, salientando que não aceita quaisquer perguntas sobre as mortes extrajudiciais de traficantes de droga no país.

A declaração polémica veio na sequência de uma questão feita ao Presidente filipino sobre como iria justificar as mortes no país, quando os dois líderes se encontrassem no fórum promovido pela Associação das Nações do Sudeste Asiático, em Laos.

“Obama deve ser respeitador e não atirar questões e afirmações. Filho de uma prostituta! Vou amaldiçoá-lo no fórum”, afirmou Duterte.

“Quem é ele para me confrontar?”, disse o presidente filipino, acrescentando que os Estados Unidos também têm um “historial de mortes extrajudiciais“.

Segundo a imprensa internacional, a expressão exacta usada por Duterte foi “son of a whore”.

Rodrigo Duterte tem promovido uma guerra às drogas que passa por oferecer recompensas a quem entregar os traficantes às autoridades – 100 mil euros e imunidade perante a justiça se o traficante for morto e 95.500 euros se for entregue com vida.

Segundo o jornal The Independent, desde junho, mais de 2.400 pessoas foram mortas, 900 em operações policiais, e as restantes chamadas de “mortes sob investigação” – um termo usado para encobrir homicídios com recompensas.

Na mesma conferência, Rodrigo Duterte disse que os traficantes serão todos mortos até que o último fabricante de substâncias morra.

Casa Branca cancela encontro

A Casa Branca anunciou, entretanto, o cancelamento do encontro entre os presidentes Obama eDuterte.

O porta-voz do Conselho de Segurança Nacional, Ned Price, adiantou hoje que “o presidente Obama não terá um encontro bilateral com o presidente Duterte”, detalhando que o líder americano vai reunir-se, em vez disso, com a presidente da Coreia do Sul, Par Geun-Hye.

Questionado sobre o assunto, Obama considerou que o seu homólogo filipino “é um tipo extravagante”, e que se chegasse a reunir-se com ele, pensava expor-lhe a preocupação dos Estados Unidos em relação à sua campanha de execuções extrajudiciais.

Entretanto, o presidente Duterte já lamentou ter insultado Barack Obama.

“Apesar de a causa imediata da polémica ter sido a pressão das perguntas da imprensa, lamentamos que tenha sido interpretado como um ataque pessoal contra o presidente dos Estados Unidos“, assinalou um comunicado da presidência.

Rodrigo Duterte tem marcado os seus dois meses de presidência com ofensas dirigidas a vários líderes mundiais, como foi o caso do Papa Francisco e do ainda secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon.

BZR, ZAP

PARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

  1. Este presidente tem como louvável o aparente desejo de erradicar o tráfico de droga, independentemente dos meios que usa. Agora está claro que não se sabe comportar como chefe de estado.

  2. Se erradicassem todos os que já consumiram drogas (as legais também),
    este Mundo virava paraíso…
    Embora, eu também cá não ficasse…

  3. Este tipo de insulto na idade média o filipino tinha sido já decapitado, e no tempo de Jesus tinha sido crucificado, e no tempo das cavernas tinha sido mandado aos porcos para servir de pasto…nos nossos tempos é mais um maluco com poderes num pais onde o povo é pobre e submisso, eles os tais malucos como este vivem da droga!!!

  4. A falta de capacidade deste individuo para governar e para manter relações diplomáticas é o de menos. O pior é o que promove com esas recompensas pensando ter a vida fácil:
    * Qualquer um pode matar um adversário com a desculpa que era traficante (já se vé na estatística), depois de morto o tal já não se pode defender caso não seja traficante.
    ** Os traficantes a sério, ou matam o adversário para ganhar a IMUNIDADE ( e 100000$), ou são mortos pelos seus segundos de a bordo pela mesma razão.
    Em resumo, a ignorancia e falta de capacidade para controlar estes problemas está renovando personagens e criando redes mais fortes de barões da droga.

  5. Vamos lá ver é se ainda não se vem a descobrir que o gajo está é a “eliminar a concorrencia”, aproveitando o facto de ser presidente. 😉

Augusto Inácio abandona comando técnico do Desportivo das Aves

O treinador Augusto Inácio deixou hoje o comando técnico do Desportivo das Aves, informou em comunicado o 18.º e último classificado da I Liga de futebol. "Augusto Inácio já não é treinador do Clube Desportivo das …

"A Google sabe sempre onde são os primeiros surtos de gripe"

Hoje em dia, "há uma tendência para disponibilizar tudo na Internet", o que pode ser perigoso e ter consequências para toda a vida. O alerta é da presidente da Comissão Nacional de Protecção de Dados …

Queda de avião ligeiro causa três mortos no Brasil

Um avião ligeiro caiu hoje na cidade brasileira de Belo Horizonte, capital de Minas Gerais, deixando três mortos e três pessoas feridas, segundo informações do corpo de bombeiros divulgadas pela imprensa local. O acidente aconteceu em …

Austrália pressionada a restituir 5000 milhões de dólares a Timor-Leste

A Austrália deve devolver cinco mil milhões de dólares (4470 mil milhões de euros) a Timor-Leste, defenderam entidades que foram depor num inquérito no Parlamento australiano, responsável por examinar a conduta do país durante as …

Joacine deverá ter tolerância devido a gaguez

Uma fonte parlamentar disse ao Expresso que Joacina Katar Moreira, deputada eleita pelo Livre, deverá ter "flexibilidade" pela mesa da Assembleia da República durante o seu discurso. A entrada de novos partidos para no Parlamento traz …

"Gostaram da geringonça." Manuel Alegre diz que eleitores de esquerda estão "desiludidos"

Em entrevista à Rádio Renascença, Manuel Alegre disse que quem votou à esquerda pode sentir-se desiludido por não haver uma nova geringonça. Manuel Alegre considera que, para existir um novo acordo entre os partidos de esquerda, …

Em Portugal, há 153 idosos para cada 100 jovens

O retrato estatístico da Pordata revela que há em Portugal 153 idosos por cada 100 jovens, o que equivale ao terceiro maior rácio da União Europeia. São 10,2 milhões, mais velhos que novos, num país em …

Estamos a viver um "apartheid climático" (e quem tem menos dinheiro vai sofrer ainda mais)

O mundo está a viver um "apartheid climático" e no futuro, serão os mais pobres os que mais vão sofrer as consequências das alterações climáticas. O alerta é do cientista Alexandre Quintanilha. "Estamos a viver um …

Catalunha. Manifestações provocam 199 detidos e 289 polícias feridos numa semana

Quase 200 pessoas foram detidas e 289 agentes da polícia ficaram feridos desde a passada segunda-feira nos protestos na Catalunha contra a sentença que condenou 12 dirigentes políticos catalães, segundo fontes policiais. Desde a passada segunda-feira, …

Quase metade do rendimento das famílias na Grande Lisboa é para pagar renda

A prestação derivada da compra de uma casa na Área Metropolitana de Lisboa (AML) representa uma taxa de esforço de 28% para as famílias. Contudo, arrendar é ainda mais dispendioso, com as rendas a representarem …