Preços dos correios aumentam hoje 4,5%

portugal.gov.pt

Os preços do serviço postal universal dos CTT sobem em média 4,5% a partir desta segunda-feira. O aumento surge após a empresa ter distribuído em dividendos o dobro dos lucros e de ter anunciado a venda de parte do património que em 2015 adquiriu ao estado.

O novo tarifário dos CTT para o serviço postal universal entra hoje em vigor, representando um aumento médio anual dos preços de 4,5% para o cabaz de serviços constituído por envios de correspondências, encomendas, livros, jornais, publicações periódicas e correio editorial.

O aumento de preços foi autorizado pela Autoridade Nacional de Comunicações e aplica-se às tarifas do serviço universal, como o envio de correspondência e encomendas ou de publicações periódicas.

Por decisão de 23 de março, a Anacom considerou que a proposta dos serviços que integram o serviço universal, apresentada pelos CTT “cumpre os princípios e critérios de formação dos preços aplicáveis”, definidos pelo regulador em novembro de 2014.

O novo tarifário inclui também uma “redução média anual dos preços de 0,5% para os serviços reservados como os serviços de citações e notificações postais”, refere a Anacom.

A título de exemplo, uma carta até 20 gramas enviada em correio normal custava 0,50 euros e passará a custar 0,53 euros. Já nas notificações/citações, por exemplo, uma carta até 20 gramas tinha um custo de 2,31 euros e desce para 2,30 euros.

Este aumento dos preços decidido pela empresa liderada por Francisco Lacerda corresponde à subida máxima permitida pela Anacom para o atual período regulatório, e surge depois de no início do mês ter sido noticiado que os CTT vão pagar aos accionistas dividendos em valor superior ao dobro dos lucros, que caíram em 56% em 2017.

“Os CTT têm uma estrutura financeira sólida e não se endividam para pagar dividendos”, salientou o presidente-executivo da empresa durante a apresentação dos resultados.

Em janeiro, a empresa anunciou o encerramento de 22 lojas no âmbito do plano de reestruturação anunciado em dezembro de 2017.

Além da redução de 800 funcionários nos próximos três anos, os CTT pretendem “racionalizar activos não estratégicos” com a venda de cerca de 30 propriedades, e otimizar a cobertura da rede de lojas através da conversão ou encerramento de balcões com pouca procura.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Claro!..
    Continua a destruição dos CTT, para encher os bolsos dos acionistas…
    Obrigado Passos!…
    Quando se distribuí dividendos acima dos lucros, depois tem que se ir buscar a algum lado!…
    É ver os preços a aumentar e qualidade a diminuir…

    • O aumento dos preços não paga nem de longe os dividendos brutais que estão a distribuir.
      O que está a pagar isso é a venda em massa do património imobiliário.
      A questão que se coloca é porque motivo então não foi então o estado a vender o património e ficar com os “dividendos”.
      A venda dos CTT é um dos negócios do governo Passos que devia ser averiguada.

RESPONDER

Entrevista a Bruno Cunha, que quase morreu 7 vezes numa jogada

Postura descontraída, sorriso permanente, adora o voleibol e não procura maior reconhecimento. Bruno Cunha, 23 anos, internacional português. Reforçou a Fonte do Bastardo para a nova época e já foi uma das figuras no «jogo grande» …

Inventor português e Huawei chegam a acordo

O jornal Público avança esta sexta-feira que a produtora de telemóveis inteligentes Huawei chegou a acordo com Rui Pedro Oliveira, o empresário português que a acusava de lhe ter roubado uma ideia. Em causa estava …

OLX regista queda na procura de casas, mas oferta de imóveis subiu 228% em relação a 2019

A pandemia afetou várias áreas da economia e o setor imobiliário não fugiu à regra. De acordo com o Público, a procura de casas para alugar na plataforma OLX teve uma queda abrupta entre os …

Recurso de Sócrates distribuído a Rangel foi redigido por Fátima Galante

Um recurso de José Sócrates, no âmbito da Operação Marquês, distribuído em 2015 ao juiz Rui Rangel, foi, afinal, redigido pela desembargadora Fátima Galante, sua mulher, revela a acusação da Operação Lex. Segundo a acusação do processo …

Filme sobre Snu Abecassis e Francisco Sá Carneiro estreia na RTP1

Snu, a produção realizada por Patrícia Sequeira e lançada nos cinemas portugueses em março do ano passado, chega à RTP1, esta segunda-feira (21), às 22h30. O filme retrata a história romântica de Snu Abecassis e …

Há mais recuperados do que apontam os dados oficiais

A diretora-geral da Saúde admitiu esta segunda-feira que o número de doentes recuperados de covid-19 é superior ao apontado pelos dados oficiais, disponibilizados no boletim diário da DGS, por atrasos na notificação. “Sabemos que há mais …

E agora, o Famalicão-Benfica em versão musical

Senhoras e senhores, bem-vindos à CoronaLiga 2020/2021. Não é ao mambo número cinco. O Lou Bega não sabe o que está a dizer. Ou a cantar. David Lubega. Talvez muita gente não saiba que nasceu em …

StayAway Covid conta mais de um milhão de utilizadores

StayAway Covid, a aplicação móvel que permite rastrear as redes de contágio de covid-19, já foi descarregada por mais de um milhão de pessoas, 19 dias após o seu lançamento. O administrador do Instituto de Engenharia …

Bielorrússia. 440 pessoas detidas violentamente após se juntarem na "marcha da justiça"

Mais de 440 pessoas foram detidas no domingo em várias cidades da Bielorrússia por participarem em protestos contra o Presidente do país, Alexander Lukashenko, informou esta segunda-feira o Ministério do Interior bielorrusso. Em todo o país, …

"Sim" vence referendo para reduzir um terço dos deputados em Itália

O “sim” à redução em um terço dos deputados em Itália venceu o referendo realizado no domingo e hoje com 60% a 64% dos votos, segundo sondagens à boca das urnas citada pela agência Lusa. O …