Portugal esteve 4 dias seguidos a consumir apenas energia renovável

tresemes / Flickr

-

Portugal conseguiu funcionar quatro dias consecutivos apenas com energia elétrica gerada a partir de fontes de energia renováveis.

Entre 7 e 11 de maio, durante 107 horas seguidas, a eletricidade consumida no território português foi gerada 100% a partir de fontes eólicas, hídricas e solares.

A ZERO – Associação Sistema Terrestre Sustentável, em colaboração com a Associação Portuguesa de Energias Renováveis (APREN), analisou os dados das Redes Energéticas Nacionais (REN) e concluiu que entre as 6h45 do dia 7 (sábado) e as 17h45 horas de dia 11 (quarta-feira), não foi necessário recorrer a eletricidade produzida a partir de fontes de energia não renováveis, como centrais térmicas a carvão ou gás natural.

Segundo a ZERO, as “fontes de produção de eletricidade renovável e a capacidade de gestão da rede elétrica portuguesa ultrapassaram uma difícil prova num contexto de diminutas interligações, principalmente entre Espanha e França, conseguindo que as necessidades do consumo do país tivessem sido asseguradas a 100% a partir de fontes de produção de origem renovável”.

Além de garantir todo o consumo do território nacional, Portugal conseguiu ainda “exportar uma percentagem significativa de eletricidade, quer de origem exclusivamente renovável, quer complementada nalguns casos por fontes não renováveis”, lê-se no relatório da ZERO, que atribui estes recordes na primavera à chuva e vento.

James Watson, CEO da SolarPower Europe, afirmou ao Guardian que “esta é uma conquista significativa para um país europeu, mas o que parece hoje extraordinário será um lugar comum na Europa em apenas alguns anos. O processo de transição energética está a ganhar impulso e recordes como este continuarão a ser alcançados e quebrados em toda a Europa”.

ZAP

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Ora tirando os euros que entraram da UE para financiar a construção das eólicas e dos painéis solares foram então 4 dias com lucro de 100 % para a EDP e congéneres. Vão baixar o preço da electricidade…? Não se calhar irão mas é aumentar os 14 milhões ao Mexia.
    Antes do mercado livre da electricidade blá blá blá quem não mudar até ao fim do ano irá ver a factura aumentada afinal mudou de ano a aumentou para todos regulado, livre e…Mexia.
    Como diziam os outros “já estão mexendo no meu bolso” / “e o burro sou eu?” e eu digo: -continuam mexendo no meu bolso / e o burro continuo a ser eu, somos todos.
    E que tal uma petição para baixar drasticamente o preço da electricidade e acabar com a taxa de radiodifusão

  2. Em vez da EDP investir nos EUA com energia eolica,deveria investir em Portugal e baixar o custo da energia para os portugueses mas como os lucros nao ficam cá, nao o fazem,deveriam mudar o nome para EDX empresa distribuidora chineza.

  3. Sempre a mesma coisa veem falar destes assuntos sobre coisas bem sucedidas para ficar mos todos contentes mas na realidade o povo nao ganha nada com isto porque se trata de resultados de investimentos feitos muitos deles com algum dinheiro dos nossos impostos, equem lucra são os chineses e alguns previlegiados portugueses com a energia que resulta do aproveitamento de elementos naturais que deveriam estar ao dispor para beneficiar todos. Como se nao bastasse essas empresas sao coniventes com outras organizaçoes que nos administram, em operaçoes para sacar mais do pouco dinheiro que este povo ainda tem. Estamos a viver coisas do apocalipse que as pessoas acreditem na biblia quer não .Que Deus nos guarde e proteja destes males………Amen

RESPONDER

Hernâni marca no final do prolongamento e apura FC Porto para as 'meias' da Taça

O FC Porto, da I Liga, apurou-se hoje para as meias-finais da Taça de Portugal em futebol, após derrotar no prolongamento o Leixões, da II Liga, por 2-1, com Hernâni a fazer o golo do …

Eleito o destino turístico mais barato para 2019 (e Portugal fica à espreita)

O complexo Sunny Beach, na Bulgária, foi eleito o destino mais barato para turistas em 2019, de acordo com um estudo levado a cabo pela British Post Office, que analisou preços dos 42 pontos turísticos mais …

Netflix está a ser processada por causa de "Bandersnatch"

O episódio interativo de Black Mirror, que estreou no final do ano passado, não agradou à Chooseco, a editora responsável pela série de livros Escolhe a tua Aventura. A 28 de dezembro estreou o mais recente …

Piloto belga "admitiu" ter assassinado o secretário-geral da ONU em 1961

Dag Hammarskjöld, secretário-geral da ONU, morreu na queda de um avião quando tentava negociar a paz no Congo, e o desastre continua a ser investigado até hoje É um mistério com mais de cinco décadas cujo …

Acordo para o Brexit chumbado. Plano de May esmagado no Parlamento

O Parlamento britânico chumbou, por uma esmagadora maioria, o acordo de saída da União Europeia negociado pela primeira-ministra Theresa May. O líder da oposição, o trabalhista Jeremy Corbyn, aproveitou a derrota histórica de May para …

Senador italiano chamou “orangotango” a antiga ministra e foi condenado a pena suspensa

A justiça italiana condenou esta segunda-feira o senador da extrema direita Roberto Calderoli a 18 meses de prisão, com pena suspensa, por comparar, em 2013, a ministra da Integração, Cécile Kyenge, com um "orangotango". O tribunal …

Num restaurante do Dubai, deixar comida no prato dá multa (e é mais cara que a refeição)

Com o Dubai a tornar-se mais consciente do desperdício de alimentos, um restaurante lembrou-se de uma maneira de fazer com que os clientes não deixem comida no prato. O restaurante Gulou Hotpot, em Al Barsha, uma …

Roma e a Igreja em guerra milionária por causa das moedas da Fontana di Trevi

As moedas que os turistas lançam à Fontana di Trevi, um dos rituais mais populares entre quem visita Roma, está a causar problemas na relação entre a Igreja e a capital italiana. A câmara de Roma …

Frente Comum marca greve nacional da função pública

Os sindicatos da Frente Comum da Administração Pública decidiram marcar uma greve nacional para o dia 15 de fevereiro, anunciou Ana Avoila no final de um plenário realizado esta terça-feira em Lisboa. “Foi decidido marcar um …

A Coreia do Norte já não é "inimiga" da Coreia do Sul

A Coreia do Sul deixou de apelidar os militares norte-coreanos de "inimigos" no documento bienal da Defesa divulgado esta terça-feira, num aparente esforço para prosseguir a reconciliação com Pyongyang. O documento oficial do Ministério da Defesa …