Portugal já fabrica mais carros a gasolina do que a gasóleo (e a tendência vai acelerar)

Mário Cruz / Lusa

Pela primeira vez desde 1995, Portugal produz mais carros a gasolina do que a gasóleo. A tendência explica-se pelas mudanças de comportamento dos consumidores estrangeiros e pelo sucesso do T-Roc, o novo modelo da Autoeuropa.

Em 2018, dos 294.470 automóveis, ligeiros e pesados, fabricados em Portugal, mais de metade estavam equipados com motores a gasolina, segundo dados divulgados pela Associação Comércio Automóvel de Portugal (ACAP) ao Dinheiro Vivo.

Estamos a falar de 148.293 automóveis a gasolina que constituem 50,4% da produção total nacional. Os restantes são carros a gasóleo, com excepção de apenas 104 veículos eléctricos.

Mas se nos concentrarmos apenas na produção da Autoeuropa, esta diferença é ainda mais significativa, sendo que dos 234.151 carros produzidos pela fábrica de Palmela, 63,3% (148.095 veículos) estavam apetrechados com um motor a gasolina. Trata-se da percentagem mais elevada desde 1995, como nota a publicação económica.

“Como praticamente toda a produção automóvel vai parar ao estrangeiro, nota-se mais a mudança de preferência dos consumidores dos carros a gasóleo para os modelos a gasolina”, destaca o secretário-geral da ACAP, Hélder Pedro, ao Dinheiro Vivo.

Portugal exporta 97% dos carros que são fabricados dentro de portas, com Alemanha, França, Itália, Reino Unido e Espanha a concentrarem 69,4% das exportações.

A nível nacional, os carros a gasóleo continuam a ser os mais vendidos, mas já se verifica uma queda nas vendas.

“Os problemas de emissões geraram maior atenção para as questões ambientais”, nota no Dinheiro Vivo o líder do cluster automóvel Mobinov, José Couto.

“A mudança do modelo de produção na Autoeuropa, com a produção do utilitário desportivo T-Roc, justifica o crescimento dos motores a gasolina”, frisa, por seu lado, o secretário-geral da ACAP.

E para os próximos anos, “a tendência de produção de mais carros a gasolina do que a gasóleo vai acelerar, não só em Portugal, mas também na Europa”, destaca na referida publicação a direcção da AFIA – Associação de Fabricantes para a Indústria Automóvel.

Uma tendência que se explica pelo facto de haver cidades como Madrid, Paris e Roma que “têm projectos para banir a circulação de automóveis a gasóleo nos próximos anos”, nota José Couto.

Na Alemanha, em Estugarda, já é proibido circular com automóveis mais antigos a gasóleo no centro da cidade.

ZAP //

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Sabendo que o parque automóvel é mais de 60% a Diesel, o governo Costa/Centeno descobriram mais uma galinha de ovos de ouro – subir impostos e combustível a estes carros de uma forma”colossal”.
    Qual ambiente, qual carapuça… o que conta é o encaixe de impostos, principalmente quando há uma “desculpa bondosa”, para o fazer.
    A poluição entre Gasolina e Diesel é idêntica, e até os carros eléctricos, se forem analisados todas as fases da sua vida, deste a construção aos resíduos das baterias, não ficam muito atrás. Desculpas boas para aumentar a carga fiscal.
    E porque não começa o Estado a converter desde já a sua frota de carros “poluentes” para eléctricos ?
    E porque não começam os ministros e o Costa a aparecerem no Parlamento de bicicleta ?!

    • “A poluição entre Gasolina e Diesel é idêntica,”
      Idêntica?!
      Não brinques, todas a gente (minimamente informada) sabe que as emissões dos motores diesel são cancerígenas, portanto, nem há comparação!!
      A OMS (Organização Mundial de Saúde) já diz isso, há mais de 20 anos…
      Além disso, se são “idênticas”, porque é que os carros a gasolina (e própria gasolina) sempre foram mais taxados?
      Pois…

      • E por essa teoria então parem de produzir os carros elétricos. Isto é tudo muito lindo mas a produção das baterias é das indústrias atualmente mais poluentes. E já agora, também devias andar nu. Uma simples t-shirt consome quase 3 mil litros de água.

        • “a produção das baterias é das indústrias atualmente mais poluentes”
          Isto é mentira!…
          O sector mais poluente é o do petróleo e depois está industria têxtil!…
          Mas, entre consumir 3 mil litros de água (duvido muito deste valor!!) e fazer algo que é comprovadamente cancerígeno, acho ainda vai “alguma” diferença…

    • A Poluiçao entre carros a gazolina e diesel não é nada identica,está mais que documentada e se virmos na estrada as enormes nuvens de fumo negro que estes emitem( ficamos sem ver por vezes).Tambem a produçao de C. electricos e o seu abate sao poluentes, consideremos entao outros,Hidrog.,Hibridos,H2O,GPL.

    • Acho que aqui ninguém quer saber das tuas preferências intimas!!
      .
      Mas, esta noticia só vem desmentir a ACAP (e companhia) que virem logo atacar o ministro e afinal…

Responder a Eu! Cancelar resposta

Cabrita pede abertura de inquérito a fuga de 17 migrantes. Cinco já terão sido apanhados

O ministro da Administração Interna pediu a abertura de um inquérito à fuga de 17 migrantes do norte de África que desembarcaram em setembro no Algarve e fugiram, durante a madrugada, do quartel em Tavira …

Governo chega a acordo com Madrid para alargar restrições a toda a comunidade

O Governo espanhol anunciou, esta quarta-feira, um acordo que estende medidas para combater a covid-19, já em vigor em partes da Comunidade Autónoma de Madrid, a toda a capital e várias localidades da periferia onde …

Ciclista suspenso por defender Trump

Quinn Simmons respondeu no Twitter a uma jornalista e a sua equipa suspendeu o atleta. Um "adeus" e uma mão negra na origem da polémica. Quinn Simmons foi campeão do mundo de ciclismo no ano passado, …

Bolsonaro considera "lamentável" discurso de Biden que apela ao país que pare de destruir a Amazónia

Jair Bolsonaro classificou como “lamentável” o comentário de Joe Biden durante  o debate presidencial que ocorreu na madrugada de terça-feira. O candidato democrata mostrou-se preocupado com o facto das florestas tropicais no Brasil estarem a …

Ex-responsável militar acusado de fazer compras pessoais e cobrar ao Exército

Um antigo responsável militar mandou cobrar ao Exército compras pessoais no valor de 7.600 euros, feitas ao longo de seis meses. Um antigo responsável militar no Porto mandou cobrar ao Exército compras pessoais no valor de …

American Airlines e United Airlines preparam-se para despedir 32.000 funcionários

As companhias aéreas norte-americanas American Airlines e United Airlines preparam-se para despedir, no total, 32.000 funcionários, situação que admitem travar se os apoios do Governo forem prorrogados.  A American Airlines anunciou que começará a despedir 19.000 …

Lei da Nacionalidade. PS deixa cair artigos que motivaram veto de Marcelo

A vice-presidente da bancada socialista Constança Urbano de Sousa disse à agência Lusa que o PS vai "atender plenamente" às objeções que estiveram na origem do veto do Presidente da República à revisão da Lei …

Promulgada lei que prolonga proteção de arrendatários até 31 de dezembro

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, promulgou esta quinta-feira o diploma do Parlamento que prolonga a proteção de arrendatários até 31 de dezembro, por considerar que neste período "é necessária uma especial proteção …

Nuno Melo lança petição para retirar “o que é político” da disciplina de Cidadania

O eurodeputado centrista Nuno Melo lançou uma petição pública que pede a revisão dos conteúdos da disciplina de Cidadania e Desenvolvimento ou o seu caráter opcional, numa tentativa de “expurgar” da disciplina “o que é …

Governo "não se pode queixar de falta de empenho da direita"

O presidente do CDS-PP considerou, esta quarta-feira, que o Governo “não se pode queixar de falta de empenho da direita” na construção do Orçamento do Estado, e recusou “especular uma crise artificial” entre os partidos …