Portugal já fabrica mais carros a gasolina do que a gasóleo (e a tendência vai acelerar)

Mário Cruz / Lusa

Pela primeira vez desde 1995, Portugal produz mais carros a gasolina do que a gasóleo. A tendência explica-se pelas mudanças de comportamento dos consumidores estrangeiros e pelo sucesso do T-Roc, o novo modelo da Autoeuropa.

Em 2018, dos 294.470 automóveis, ligeiros e pesados, fabricados em Portugal, mais de metade estavam equipados com motores a gasolina, segundo dados divulgados pela Associação Comércio Automóvel de Portugal (ACAP) ao Dinheiro Vivo.

Estamos a falar de 148.293 automóveis a gasolina que constituem 50,4% da produção total nacional. Os restantes são carros a gasóleo, com excepção de apenas 104 veículos eléctricos.

Mas se nos concentrarmos apenas na produção da Autoeuropa, esta diferença é ainda mais significativa, sendo que dos 234.151 carros produzidos pela fábrica de Palmela, 63,3% (148.095 veículos) estavam apetrechados com um motor a gasolina. Trata-se da percentagem mais elevada desde 1995, como nota a publicação económica.

“Como praticamente toda a produção automóvel vai parar ao estrangeiro, nota-se mais a mudança de preferência dos consumidores dos carros a gasóleo para os modelos a gasolina”, destaca o secretário-geral da ACAP, Hélder Pedro, ao Dinheiro Vivo.

Portugal exporta 97% dos carros que são fabricados dentro de portas, com Alemanha, França, Itália, Reino Unido e Espanha a concentrarem 69,4% das exportações.

A nível nacional, os carros a gasóleo continuam a ser os mais vendidos, mas já se verifica uma queda nas vendas.

“Os problemas de emissões geraram maior atenção para as questões ambientais”, nota no Dinheiro Vivo o líder do cluster automóvel Mobinov, José Couto.

“A mudança do modelo de produção na Autoeuropa, com a produção do utilitário desportivo T-Roc, justifica o crescimento dos motores a gasolina”, frisa, por seu lado, o secretário-geral da ACAP.

E para os próximos anos, “a tendência de produção de mais carros a gasolina do que a gasóleo vai acelerar, não só em Portugal, mas também na Europa”, destaca na referida publicação a direcção da AFIA – Associação de Fabricantes para a Indústria Automóvel.

Uma tendência que se explica pelo facto de haver cidades como Madrid, Paris e Roma que “têm projectos para banir a circulação de automóveis a gasóleo nos próximos anos”, nota José Couto.

Na Alemanha, em Estugarda, já é proibido circular com automóveis mais antigos a gasóleo no centro da cidade.

ZAP //

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Sabendo que o parque automóvel é mais de 60% a Diesel, o governo Costa/Centeno descobriram mais uma galinha de ovos de ouro – subir impostos e combustível a estes carros de uma forma”colossal”.
    Qual ambiente, qual carapuça… o que conta é o encaixe de impostos, principalmente quando há uma “desculpa bondosa”, para o fazer.
    A poluição entre Gasolina e Diesel é idêntica, e até os carros eléctricos, se forem analisados todas as fases da sua vida, deste a construção aos resíduos das baterias, não ficam muito atrás. Desculpas boas para aumentar a carga fiscal.
    E porque não começa o Estado a converter desde já a sua frota de carros “poluentes” para eléctricos ?
    E porque não começam os ministros e o Costa a aparecerem no Parlamento de bicicleta ?!

    • “A poluição entre Gasolina e Diesel é idêntica,”
      Idêntica?!
      Não brinques, todas a gente (minimamente informada) sabe que as emissões dos motores diesel são cancerígenas, portanto, nem há comparação!!
      A OMS (Organização Mundial de Saúde) já diz isso, há mais de 20 anos…
      Além disso, se são “idênticas”, porque é que os carros a gasolina (e própria gasolina) sempre foram mais taxados?
      Pois…

      • E por essa teoria então parem de produzir os carros elétricos. Isto é tudo muito lindo mas a produção das baterias é das indústrias atualmente mais poluentes. E já agora, também devias andar nu. Uma simples t-shirt consome quase 3 mil litros de água.

        • “a produção das baterias é das indústrias atualmente mais poluentes”
          Isto é mentira!…
          O sector mais poluente é o do petróleo e depois está industria têxtil!…
          Mas, entre consumir 3 mil litros de água (duvido muito deste valor!!) e fazer algo que é comprovadamente cancerígeno, acho ainda vai “alguma” diferença…

    • A Poluiçao entre carros a gazolina e diesel não é nada identica,está mais que documentada e se virmos na estrada as enormes nuvens de fumo negro que estes emitem( ficamos sem ver por vezes).Tambem a produçao de C. electricos e o seu abate sao poluentes, consideremos entao outros,Hidrog.,Hibridos,H2O,GPL.

    • Acho que aqui ninguém quer saber das tuas preferências intimas!!
      .
      Mas, esta noticia só vem desmentir a ACAP (e companhia) que virem logo atacar o ministro e afinal…

Responder a Eu! Cancelar resposta

Siza Vieira admite aulas por canais "estilo youtube" ou TV por cabo

O Governo está a estudar soluções que garantam que todos os alunos têm acesso aos conteúdos educativos no terceiro período, adiantou o ministro da Economia. O Governo está a estudar soluções que garantam que todos os …

Retificação ao diploma do lay-off simplificado trava despedimentos

Uma retificação ao diploma inicial do ‘lay-off’ simplificado, hoje publicada, vem acautelar que nenhum trabalhador de empresas que recorra a este apoio pode ser alvo de despedimento coletivo ou extinção de posto de trabalho. O decreto-lei …

Rocha desafia teoria da escassez de oxigénio na Terra primitiva

Uma rocha sedimentar única rica em carbono, depositada há dois mil milhões de anos, deu aos cientistas novas pistas sobre as concentrações de oxigénio na superfície da Terra nessa época. De acordo com a agência Europa Press, …

As bactérias formam comunidades na nossa língua (e uma imagem revela como)

Cientistas norte-americanos descobriram que as bactérias que vivem na nossa língua têm uma organização complexa e altamente estruturada. Os micro-organismos estão em toda a parte - até no interior da nossa boca. Um novo estudo revela …

Como sobreviver ao isolamento? Astronautas explicam

Em todo o mundo, cidades e até países inteiros estão em quarentena como forma de travar a propagação do novo coronavírus, Covid-19. Alguns astronautas deixaram conselhos sobre como sobreviver ao isolamento. Para alguns, o auto isolamento …

"Indiana Jones do mundo da arte" recupera manuscrito do poeta persa Hafez

Uma das primeiras cópias do reverenciado Divan do autor do século XIV Hafez, iluminado com ouro, será leiloado no início de abril. O famoso poeta persa do século XIV, Hafez, escreveu uma coleção de versos místicos …

O palco onde os Beatles atuaram pela primeira vez está à venda

O palco de madeira onde os Beatles atuaram pela primeira vez está à venda. Agora, alguém poderá replicar o primeiro concerto da famosa banda. A 10 de abril, em comemoração dos 50 anos da separação da …

Células estaminais podem ajudar a proteger os astronautas da radiação espacial

Assim que os astronautas deixam a proteção do campo magnético da Terra, ficam automaticamente expostos a níveis elevados de radiação cósmica. A Agência Espacial Europeia (ESA) está cada vez mais focada em investigações para reduzir …

Pandemia pode trazer nova geração de robôs capazes de realizarem tarefas perigosas

A pandemia de Covid-19 pode trazer uma nova geração de robôs capazes de realizarem tarefas perigosas como limpeza de superfícies infetadas ou vigiar pessoas em quarentena, afirmam esta quarta-feira alguns dos principais investigadores internacionais em …

Multimilionários refugiam-se da Covid-19 a bordo de iates

Vários multimilionários têm procurado refugiar-se da pandemia de Covid-19, que nasceu em dezembro passado na China, em alto mar, a bordo de iates de luxo. Em declarações ao jornal The Telegraph, Jonathan Beckett, executivo da …