Portugal com mais 657 casos de covid-19. Há mais 21 óbitos

José Sena Goulão / Lusa

De acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS) desta segunda-feira, Portugal regista 20.863, mais 657 do que no domingo. O número de óbitos subiu para 735, um aumento de 21 em comparação ao dia anterior.

Portugal regista esta segunda-feira 20.863 casos confirmados de covid-19, segundo o Relatório da Direção-Geral da Saúde (DGS) sobre a situação epidemiológica no país. O aumento de 657 casos representa um acréscimo percentual de 3.3%.

O Norte voltou a ser a região com o maior aumento de casos em termos brutos confirmando a tendência das últimas duas semanas, mais do dobro das restantes regiões do país: 395, num acrescento de 3,3% para um total de 12.543.

Registaram-se também mais 209 casos em Lisboa e Vale do Tejo (subida de 4,6%, num total de 4.709) e mais 29 no Centro (aumento de 1%, num total de 2.952).

A grande subida concentra-se na Madeira, que teve uma subida de 19 casos nas últimas 24 horas (aumento de 31,1%). O Alentejo regista mais três casos de covid-19 (mais 1,9%), os Açores contabilizam mais um (mais 0,9%) e o Sul teve mais um (mais 0,3%).

Há 1.208 pessoas internadas em hospitais, sendo que 215 delas estão nos cuidados intensivos.

Em relação aos óbitos, o número de mortos subiu de 714 para 735, uma aumento de 21, com especial incidência na região Norte. Todas os mortos tinham mais de 70 anos. Esta é menor subida desde 6 de abril.

A taxa de letalidade global é de 3,5%. Acima de 70 anos é de 12,8%.

A incidência mantém-se nas pessoas acima dos 70 anos, que representam 87,3% das 735 mortes por covid-19 no país.

O Norte continua a ser a região que conta com mais óbitos, tendo nas últimas 24 horas um total de 15 mortes num total de 424. Registaram-se mais quatro vítimas em Lisboa e Vale do Tejo, num total de 130; mais uma no Algarve, num total de 11; e mais uma nos Açores, num total de seis. A região Centro não registou qualquer óbito nas últimas 24 horas.

O número de casos recuperados mantém-se nos 610 pelo segundo dia consecutivo.

Já se encontra disponível o Relatório de situação de hoje, 20 de abril, que pode ser consultado integralmente…

Publicado por Direção-Geral da Saúde em Segunda-feira, 20 de abril de 2020

Há 4.739 pessoas à espera do resultado laboratorial que irá aferir se estão infetados com a doença e há 30.805 portugueses sob vigilância pelas autoridades de saúde.

Em conferência de imprensa, António Lacerda Sales, secretário de Estado da Saúde, disse que “chegaram ontem [domingo] 66 ventiladores a Portugal, vindos da China, 63 dos quais adquiridos pela ASS e os outros três por autarquias”. “Esses ventiladores serão distribuídos de imediato pelo país: 40 ficam no Norte e Centro e os restantes 23 distribuídos por unidades hospitalares em Lisboa e Vale do Tejo, Alentejo e Algarve”, explicou.

Marta Temido, ministra da Saúde, informou este fim de semana que o pico da doença em Portugal terá acontecido entre 23 e 25 de março. No entanto, isto não significa que as medidas de contenção possam ser levantadas, uma vez que, está comprovado que, quando há uma descompressão, os casos aumentam.

Maio é o mês apontado pelo primeiro-ministro para se começar a aliviar o confinamento social.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

"Relativamente rápido". Centeno acredita que países europeus vão recuperar da crise até ao fim de 2022

O ministro das Finanças português e presidente do Eurogrupo, Mário Centeno, acredita que a União Europeia vai conseguir ultrapassar a crise económica provocada pela pandemia de covid-19 de forma "relativamente rápida". Em entrevista ao jornal alemão …

Florentino congelado e Jota (e mais dois) na porta de saída. Mercado já mexe na Luz

Apesar da pandemia, que paralisou quase todas as competições europeias e que deverá atrasar a janela de transferência no futebol, o mercado já mexe na Luz. A imprensa desportiva dá conta nesta segunda-feira que Florentino …

Cova da Piedade abandona direção da Liga e convida Proença a demitir-se

O Cova da Piedade juntou-se ao Benfica na decisão de abandonar a direção da Liga de clubes e convidou Pedro Proença a demitir-se da presidência do organismo. Em comunicado, o Cova da Piedade justifica a decisão …

Milhares foram a banhos este domingo. Só nas praias da Caparica estiveram mais de 180 mil pessoas

As elevadas temperaturas que se fizeram sentir neste domingo levaram milhares de portugueses à praias. Só na Costa da Caparica, no concelho de Almada, mais de 180 mil pessoas foram a banhos. Entre as 9 e …

"Há outras prioridades". Ana Gomes está a refletir sem "pressa" sobre eventual candidatura a Belém

No espaço de comentário da SIC Notícias, a ex-eurodeputada Ana Gomes disse que ainda está a "refletir" sobre uma eventual candidatura à Presidência da República. Ana Gomes ainda não tomou uma decisão sobre uma possível candidatura …

Há quatro distritos sem meios aéreos de combate a incêndios. PSD denuncia "grave violação do planeamento"

O PSD denuncia a falta de, pelo menos, oito helicópteros ligeiros e de todas as aeronaves de coordenação previstas no Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Rurais. Este domingo, o PSD questionou o Governo relativamente ao …

Desemprego sobe 52% entre jovens até aos 24 anos

O desemprego entre os jovens até aos 24 anos disparou à boleia da pandemia de covid-19, que já fez mais de 1.300 vítimas mortais em Portugal. De acordo com o Jornal de Notícias, que avança …

Orçamento Retificativo: entre um cocktail de propostas e os apoios que Costa prefere segurar

António Costa decidiu ouvir todos os partidos com assento parlamentar antes de desenhar o esboço final do Orçamento Retificativo. Os encontros decorrem entre segunda e terça-feira. O primeiro-ministro recebe, entre hoje a amanhã, todos os partidos …

Descobertos fósseis do maior canguru do mundo e lagarto com seis metros

Os fósseis do maior canguru do mundo e de um lagarto com 6 metros de comprimento foram alguns dos achados de uma equipa de paleontólogos na Austrália. Uma equipa de paleontólogos relatou a descoberta de uma …

"Resolvia metade dos problemas sociais". PCP critica verba para o Novo Banco

O secretário-geral do Partido Comunista Português (PCP) disse este domingo que os 850 milhões de euros transferidos recentemente para o Novo Banco davam para “resolver metade dos problemas sociais que neste momento existem”. “Tantas vezes nos …