Popa naufragada na II Guerra encontrada na costa do Alasca

(dr) Scripps Institution of Oceanography at UCSan Diego

Investigadores descobriam a popa do USS Abner Read, perdida há quase 75 anos

Investigadores identificaram a popa de um navio da Segunda Guerra Mundial, atingido por uma mina japonesa no Mar Bering há quase 75 anos. O destroço foi agora encontrado nas águas das Ilhas Aleutas, no Alasca.

Tecnologias de sonar e robôs aquáticos permitiram aos investigadores identificar a popa do USS Abner Read, arrancada do navio de guerra a 18 de agosto de 1943, a cerca 88 metros abaixo da superfície do Mar de Bering, perto da ilha de Kiska, no Alasca. Cerca de 71 marinheiros americanos perderam a vida no naufrágio.

Não havia dúvidas“, disse em comunicado o líder da expedição Eric Terrill, oceanógrafo do Scripps Institution of Oceanography e co-fundador do Project Recover, uma parceria público-privada que colaborou nas buscas.

“Nós conseguimos ver claramente a popa partida, a arma e o controle do leme, todos consistentes com os documentos históricos” da época, explicou.

No momento do naufrágio, o USS Abner Read estava a patrulhar as águas de Kiska, no Alasca – que, juntamente com a ilha de Attu, era um dos dois únicos territórios dos EUA ocupados pelos japoneses durante a guerra. Por volta da 1h50, no horário local, deu-se uma enorme explosão que destruiu o navio de guerra. Acredita-se que tenha sido uma mina japonesa a causar a explosão.

O Abner Read, batizado em homenagem a um herói da Marinha da Guerra Civil, foi quase totalmente dilacerado e os marinheiros atirados para o mar gélido. Apesar dos graves danos que a embarcação sofreu, a tripulação conseguiu impedir que a água chegasse à parte principal do navio, garantido assim a estabilidade do caso. Dois navios da Marinha ajudaram depois a rebocar os restos do navio até ao porto.

“Este foi um dano catastrófico que, por todas as razões, deveria ter afundado o navio inteiro”, disse Sam Cox, curador da Marinha e diretor do Comando de História e Património da Marinha, no mesmo comunicado.

(dr) Naval History & Heritage Command

Imagem do navio de guerra captada em 1943

Apesar da destruição, o navio foi reparado e continuou a travar outras guerras contra os japoneses no Pacífico, antes de ser totalmente afundado em novembro de 1944. No entanto, a popa da embarcação nunca foi encontrada (até então). Durante o seu serviço de guerra, o Abner Read ganhou quatro estrelas de batalha.

Para encontrar o destroço, uma equipa de investigadores do Scripps Institution of Oceanography da Universidade da Califórnia, nos EUA, e da Universidade de Delaware começou a vasculhar o leito do oceano através de um sonar multi-feixes. Quando era detetado um alvo provável, os cientistas enviavam um submarino operado remotamente para captar imagens do objeto. Um destes vídeos confirmou que a popa pertencia ao USS Abner Read.

Naufrágios como o Abner Read são protegidos de buscas realizadas diretamente por mergulhadores, que podem danificar ou perturbar o local.

Esta é apenas a mais recente descoberta de uma série de navios e aeronaves da Marinha recentemente identificados. No início deste ano, a Project Recover encontrou dois bombardeiros B-25, enquanto outras equipas de busca localizaram submarinos, navios de guerra e até um naufrágio da Guerra Civil dos EUA recorrendo a tecnologia semelhante.

“Entramos numa nova era de exploração“, disse Mark Moline, cofundador do projeto. “Novos sensores e robôs subaquáticos aperfeiçoados estão a ser utilizados e podem transmitir imagens em tempo real, impulsionando novas descobertas”, concluiu.

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Descoberto sistema de túneis da I Guerra onde estarão enterrados dezenas de soldados

A Agência do Património da Bélgica anunciou esta semana a descoberta de um sistema de túneis alemão da I Guerra Mundial, onde estarão, muito provavelmente, dezenas de soldados enterrados. Em comunicado, citado pela Russia Today, …

Cinco funcionários da Tesla dizem ter sido despedidos por terem ficado em casa durante a pandemia

Cinco funcionários da produtora automóvel Tesla dizem ter sido despedidos por terem ficado em casa durante a pandemia, avança o The Washington Post. De acordo com o jornal norte-americano, foram cinco os colaboradores dispensados da …

"Qual o lugar mais seguro?". Costa compara infetados no Reino Unido e Algarve

O primeiro-ministro apresentou hoje uma tabela que mostra o Reino Unido muito acima do Algarve em número de infetados com covid-19 por cem mil habitantes e pergunta qual o lugar mais seguro para umas férias …

Azul anuncia venda de 6% da TAP ao Estado por 10 milhões de euros

A companhia aérea brasileira Azul, de David Neeleman, anunciou hoje a venda de 6% da TAP, no âmbito do acordo anunciado esta quinta-feira entre o Estado e os acionistas privados, que “garante a continuação” da …

NASA cria dispositivo que o avisa para não tocar no rosto (e pode ser reproduzido em casa)

A pensar na pandemia, a NASA desenvolveu o PULSE, um colar vibratório que nos alerta se formos tocar no rosto com as nossas mãos. A pandemia de covid-19 alastrou pelo mundo e, enquanto não chega um …

Há mais 11 mortes e 374 novos casos de infecção (300 são na Grande Lisboa)

Portugal regista hoje mais 11 mortos devido à doença covid-19 do que na quinta-feira e mais 374 infectados, dos quais 300 na Região de Lisboa e Vale do Tejo, segundo o boletim da Direcção-Geral da …

Gestão da pandemia: PGR francesa vai abrir investigação judicial a PM e ministros

Em causa estão 90 queixas contra o anterior chefe do Governo Edouard Philippe, e os ministros Olivier Véran e Agnès Buzyn, tendo 53 delas sido examinadas e nove consideradas admissíveis para seguirem eventualmente para tribunal. O …

Benfica perto de garantir Taremi e Helton Leite para a próxima época

O SL Benfica está perto de assegurar as contratações do avançado do Rio Ave, Mehdi Taremi, e do guarda-redes do Boavista, Helton Leite, para a próxima temporada. Mehdi Taremi e Helton Leite deverão ser reforços do …

Operação Marquês. Ivo Rosa não marca data de início do julgamento

O juiz de instrução Ivo Rosa optou por não marcar data de início do julgamento dada a complexidade do processo da Operação Marquês. O anúncio foi feito no final do debate instrutório, esta sexta-feira. "É manifesta …

Bolsonaro veta obrigatoriedade do uso de máscaras em lojas e igrejas

O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, vetou hoje parte de uma lei que estipulava o uso obrigatório de máscaras em órgãos públicos, lojas, indústrias, templos religiosos e locais fechados em que haja concentrações de pessoas. O …