Polónia cede aos protestos e adia publicação da lei que limita o aborto

Leszek Szymanski / EPA

Os protestos contra o diploma que tornaria ilegal quase todos os tipos de aborto prolongam-se na Polónia. Esta terça-feira, o Governo polaco anunciou o adiamento da implementação da lei.

O porta-voz do Governo, Michal Dworczyk, explicou que o atraso na publicação do diploma se deve ao facto de os membros do Executivo estarem a analisar alternativas à controversa decisão, escreve o Expresso.

Segundo a versão original do diploma, a suspeita de malformação do feto deixará de ser um motivo legal para a interrupção da gravidez. Assim, o aborto apenas seria possível em casos de perigo para a vida da mãe e para os casos de gravidez resultado de violações ou incesto.

“Há uma discussão em curso e seria bom dispor de tempo para o diálogo e para encontrar uma nova posição nesta matéria, que é difícil e suscita grandes emoções”, disse Dworczyk.

Ainda na semana passada, o presidente da Polónia defendeu que as próprias mulheres deveriam ter o direito de abortar em caso de fetos com problemas congénitos, rompendo com a liderança conservadora, que apoiou uma proibição que levou a protestos de rua.

“A lei não pode exigir esse tipo de heroísmo de uma mulher”, disse Andrzej Duda, em entrevista à rádio RMF FM.

A lei deveria ter-se tornado oficial esta terça-feira, com alguns especialistas a defenderem que é ilegal adiar a decisão. O diploma resultou de uma iniciativa apresentada por parlamentares do ultraconservador e nacionalista partido Direito e Justiça (PiS), atualmente no poder.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. A Polónia continua na rota do atraso civilizacional… daqui a pouco está como os países do médio Oriente…
    É um dos países mais religiosos/católicos da Europa e o resultado está à vista!…

RESPONDER

Casal queria que o seu filho se chamasse Vladimir Putin. A Suécia não deixou

Na Suécia, os pais são obrigados a comunicar os nomes dos seus filhos recém-nascidos ao Skatteverket nos primeiros três meses a partir do nascimento. Um casal sueco, que vive na cidade de Laholm, foi proibido pela …

44 jogos seguidos sem ganhar. Mas o presidente não está preocupado

O Atlético Mogi não vence qualquer jogo oficial há mais de quatro anos. Perdeu em 42 desses 44 duelos. 17 de Junho de 2017 foi o último dia em que o Atlético Mogi venceu um jogo …

Autárquicas: António Costa promete que os municípios terão mais mil milhões de euros

O secretário-geral do PS, António Costa, indicou hoje, em Celorico de Basto, no distrito de Braga, que os municípios “vão passar a ter, a partir de abril, mais mil milhões de euros que acompanham a …

Mais de trinta anos após ter sido lançada ao mar no Japão, mensagem em garrafa é encontrada no Hawaii

Durante uma viagem ao Hawaii, uma jovem de apenas 9 anos encontrou uma garrafa que foi lançada ao mar há mais de trinta anos. Esta continha uma mensagem que, posteriormente, acabou por revelar uma experiência …

Mais 939 infeções, sete mortes e nova redução nos internamentos

Portugal registou nas últimas 24 horas mais 939 casos de infeção pelo coronavírus SARS-CoV-2, sete mortes atribuídas à covid-19 e nova redução nos internamentos em enfermaria e cuidados intensivos. De acordo com o boletim epidemiológico da …

Milionário norte-americano Robert Durst condenado por matar melhor amiga

O milionário norte-americano Robert Durst, tornado famoso por um documentário do canal HBO, foi condenado na sexta-feira num tribunal de Los Angeles, nos Estados Unidos, por matar a melhor amiga, um crime que remonta a …

Em Inglaterra, há crianças de 16 anos que vão passar a viver em alojamentos não regulamentados

A 9 de setembro, foi aprovada uma nova lei em Inglaterra, segundo a qual as crianças com 16 e 17 anos podem ser colocadas em alojamentos não regulamentados. O sistema de acolhimento de crianças inglês está …

Suspeitos numa mota sem matrícula dispararam na direcção de candidata do CDS

A candidata do CDS à Junta de Freguesia de Palmela, em Setúbal, foi surpreendida, na noite de sexta-feira, por disparos de caçadeira, protagonizados por "duas pessoas sem capacete", numa mota sem luzes, nem matrícula. O incidente …

Jerónimo diz que conquista de Guimarães só é possível "milho a milho"

O secretário-geral do PCP defendeu, esta sexta-feira, que a presença da CDU na autarquia de Guimarães só pode ser reconquistada “milho a milho”, na noite em que a dirigente do PEV Heloísa Apolónia integrou a …

Parlamento aprovou Constitucional em Coimbra (mas PS ainda pode chumbar a saída de Lisboa)

O Parlamento aprovou, na generalidade, a proposta do PSD para transferir o Tribunal Constitucional (TC) e o Supremo Tribunal Administrativo (STA) de Lisboa para Coimbra. Mas a mudança só poderá ser concretizada depois da votação …