Poços de petróleo em Los Angeles associados a asma e outros problemas de saúde

Uma equipa de investigadores descobriu que residentes de Los Angeles que morassem perto de poços de petróleo urbanos tinham uma maior probabilidade de ter asma e outros problemas de saúde.

Quando o governador da Califórnia, Gavin Newsom, anunciou a meta de descontinuar a perfuração de petróleo em todo o estado até 2045, ele concentrou-se no seu impacto nas alterações climáticas. Mas a perfuração de petróleo também é um problema de saúde, especialmente em Los Angeles, onde milhares de poços de petróleo ainda pontilham a cidade.

Estes poços podem emitir produtos químicos tóxicos como benzeno e outros irritantes para o ar, geralmente a poucos metros de casas, escolas e parques.

Uma equipa de investigadores estudou os impactos da perfuração de petróleo nas comunidades vizinhas. O estudo mostrou que as pessoas que vivem perto dessas operações urbanas de petróleo sofrem taxas mais altas de asma do que a média, bem como respiração ofegante, irritação nos olhos e dor de garganta.

Em alguns casos, o impacto nos pulmões dos residentes é pior do que viver ao lado de uma autoestrada ou ser exposto ao fumo passivo todos os dias.

Aproximadamente 75% dos poços de petróleo ou gás ativos em Los Angeles estão localizados a 500 metros de “usos de terra sensíveis”, como casas, escolas, creches, parques ou lares de idosos.

Apesar desta proximidade e de mais de um século de exploração de petróleo em Los Angeles, existem poucos estudos sobre como é que isso afeta a saúde dos residentes. Os investigadores têm trabalhado com agentes comunitários de saúde para avaliar o impacto que os poços de petróleo estão a ter sobre os residentes, especialmente nos bairros historicamente negros e hispânicos.

A primeira etapa foi uma sondagem porta a porta com 813 vizinhos de 203 famílias próximas aos poços no campo petrolífero de Las Cienegas, ao sul e oeste do centro da cidade.

Os autores descobriram que a asma era significativamente mais comum entre as pessoas que moravam perto de poços de petróleo no sul de Los Angeles do que entre os residentes de Los Angeles como um todo.

Quase metade das pessoas com quem os investigadores falaram, 45%, não sabiam que poços de petróleo estavam a operar nas proximidades e 63% não sabiam como entrar em contacto com as autoridades regulatórias locais para denunciar odores ou riscos ambientais.

De seguida, mediram a função pulmonar de 747 residentes de longa duração, com idades entre 10 e 85 anos, que vivem perto de dois locais de perfuração. Capacidade pulmonar insuficiente e força pulmonar são preditores de problemas de saúde, incluindo doenças respiratórias, morte por problemas cardiovasculares e morte precoce em geral.

Os investigadores descobriram que quanto mais perto alguém morava do local de um poço ativo ou recentemente inativo, pior era a função pulmonar dessa pessoa, mesmo após o ajuste para outros fatores de risco como tabagismo, asma e morar perto de uma autoestrada.

Este estudo demonstra uma relação significativa entre viver perto de poços de petróleo e pior saúde pulmonar.

Muitas das dezenas de poços de petróleo ativos no sul de Los Angeles estão em comunidades historicamente negras e hispânicas que foram marginalizadas durante décadas. Estes bairros já são considerados entre os mais poluídos, com os moradores mais vulneráveis do estado.

Mas embora o governador tenha declarado que “a Califórnia precisa de ir além do petróleo”, o seu cronograma atual permite que os poços de petróleo continuassem a operar nas próximas duas décadas. Uma variedade de políticas precisa de ser considerada para proteger a saúde pública e acelerar a transição para fontes de energia mais limpas.

PARTILHAR

RESPONDER

Pelo menos 24 países criaram novas leis para controlar o conteúdo na Internet, revela relatório

Autoridades de pelo menos 24 países, incluindo os Estados Unidos (EUA), estabeleceram novas regras que determinam o tratamento dos conteúdos por parte das plataformas 'online', concluiu um relatório da Freedom House. No seu relatório anual, intitulado …

Exames nacionais e provas de aferição deverão “retomar a normalidade” este ano

Depois de dois anos letivos condicionados pela pandemia da covid-19, o Governo está apostado em retomar, entre outras formas de avaliação, a obrigatoriedade de exames nacionais nas disciplinas de conclusão do ensino secundário. Os exames nacionais …

Advogados dizem que há questões "pontuais" por resolver no SEF do aeroporto de Lisboa

Responsável pela Comissão dos Direitos Humanos da Ordem dos Advogados reveleu que mantém uma "estreita relação e cooperação com o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) e que o centro de instalação temporária no aeroporto …

EUA "golearam" Europa mas a Europa "humilhou" o Mundo

Vitória clara dos americanos no golfe, mas vitória ainda mais "gorda" dos europeus no ténis. Quem é europeu e gosta de várias modalidades desportivas, teve muito para ver neste fim-de-semana. E terminou com emoções completamente distintas: …

Governo reforça apoios ao setor do turismo com nova linha de crédito

Nova linha de crédito terá 150 milhões de euros destinados às pequenas e médias empresas, tendo como objetivo incrementar a retoma económica. O ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital anunciou hoje, em Coimbra, …

Nova Iorque quer usar guarda nacional para substituir trabalhadores de saúde não vacinados

A governadora de Nova Iorque, Kathy Hochul, está a considerar usar a guarda nacional e funcionários médicos de fora do estado para suprir a falta de pessoal de saúde, já que dezenas de milhares provavelmente …

O PSD saiu vitorioso ou derrotado das autárquicas? Depende a quem se perguntar no partido

Resultado conquistado por Carlos Moedas em Lisboa está a ser visto como um autêntico balde de água fria para os possíveis adversários de Rui Rio na corrida à liderança do PSD. Uma semana antes das eleições …

Bruno Fernandes falhou grande penalidade - e Cristiano deve substituí-lo

Médio do Manchester United desperdiçou a oportunidade de dar um ponto à sua equipa, contra o Aston Villa. De repente, o ambiente em Old Trafford mudou. O Manchester United venceu três jogos e empatou um, nos …

A Islândia estava prestes a ter um parlamento de maioria feminina - até à recontagem dos votos

A recontagem dos votos das legislativas de sábado fez com que o número de mulheres passasse de 33 para 30. Mesmo assim, a Islândia mantém-se como um dos países do mundo com maior representação parlamentar …

É mesmo possível reconhecer um ditador pelas suas características faciais

Os líderes democraticamente eleitos tendem a ter rostos mais atraentes e simpáticos do que os líderes autoritários, conclui um polémico estudo. É comum as pessoas formarem juízos de valor baseados na aparência de um rosto. No …