//

PM da Malásia confirma que avião foi desviado de forma “deliberada”

Mirko Ries / World Economic Forum

Najib Razak, primeiro-ministro da Malásia

Najib Razak, primeiro-ministro da Malásia

O avião da Malaysia Airlines voou durante horas de uma forma “consistente com uma ação deliberada” após desaparecer dos radares, mas não foi possível confirmar a hipótese de sequestro, revelou este sábado o primeiro-ministro da Malásia.

A última comunicação via satélite com o avião da Malaysia Airlines, que transportava 239 pessoas a bordo, chegou mais de seis horas e meia depois de ter desaparecido do radar civil, explicou Najib Razak, durante uma conferência de imprensa transmitida em direto pela televisão.

O movimento da aeronave no período intermédio – durante o qual mudou de direção e seguiu rumo ao Oceano Índico – é “consistente com uma ação deliberada de alguém no interior do avião”, disse o primeiro-ministro, indicando que os sistemas de transmissão de dados do Boeing 777 “foram desativados”.

“Apesar de notícias sobre o avião ter sido sequestrado, quero ser muito claro: estamos a investigar todas as possibilidades sobre o que causou o desvio do voo 370”, sublinhou Najib Razak, citado pela agência Reuters.

/Lusa

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE