PJ faz buscas nas sedes das SAD do Benfica, Sporting e Santa Clara

A Polícia Judiciária está a fazer buscas, esta segunda-feira, nas sedes das SAD do Benfica, do Sporting e do Santa Clara.

Segundo a revista Sábado, a operação tem mais de 20 buscas em curso, nomeadamente nas instalações da SAD do Benfica e do Santa Clara, mas também em empresas e residências particulares, entre as quais a do advogado Rui Cordeiro, presidente do Santa Clara; a do administrador e diretor desportivo Diogo Boa Alma; e a do empresário brasileiro Khaled Ali Mesquita Saleh, que representa o principal acionista particular da sociedade do Santa Clara.

Um dos inquéritos centra-se em negócios relacionados com três jogadores líbios: o extremo esquerdo Hamdou Elhouni, o médio defensivo Mohamed Al-Gadi e o médio ofensivo Muaid Ellafi.

Uma fonte próxima da investigação adiantou à Sábado que um dos objetivos das buscas é cruzar as contabilidades dos dois clubes para apurar os contornos destes negócios e perceber se o Fisco foi defraudado no pagamento de impostos.

Mas, segundo a revista, as autoridades também estão a investigar se o clube açoriano está a ser usado para lavagem de dinheiro, sobretudo por quem tem investido na SAD nos últimos anos.

Os crimes que estão a ser investigados neste processo são fraude fiscal qualificada, branqueamento de capitais, falsificação de documento, participação económica em negócio e recebimento indevido de vantagem.

De acordo com a mesma publicação, na origem deste processo-crime está uma denúncia anónima enviada, em 2018, ao Ministério Público de Ponta Delgada e à PJ dos Açores.

Ainda segundo a Sábado, o segundo processo está relacionado com o caso Mala Ciao, que já levou os investigadores a realizarem buscas ao Benfica em junho de 2018. Em causa estarão negócios suspeitos realizados entre o Benfica e, por exemplo, o Desportivo das Aves.

Este processo também resultou de uma denúncia anónima e visa ainda suspeitas sobre apostas desportivas fraudulentas, tráfico de influência e ofertas de pagamentos a atletas de vários clubes para ganharem jogos ao FC Porto e ao Sporting.

A TVI acrescenta que o presidente das águias, Luís Filipe Vieira, é um dos principais visados nesta operação, liderada pelo juiz Carlos Alexandre, sob suspeita de crimes como corrupção desportiva.

Outro dos suspeitos é Paulo Gonçalves, antigo braço direito de Vieira na SAD, que saiu quando foi acusado no processo “E-toupeira”, mas que continua a fazer negócios com o clube encarnado, acrescenta o canal televisivo.

SAD do Sporting também alvo de buscas

Entretanto, fonte do Sporting confirmou ao jornal A Bola que a PJ também está a realizar buscas na SAD do clube, remetendo explicações para mais tarde.

De acordo com o que este jornal desportivo apurou, as autoridades investigam a possibilidade de ter havido branqueamento de capitais entre 2011 e 2014. O processo estará relacionado com a entrada de capital na SAD por parte da empresa Holdimo.

Contactadas pela agência Lusa, fontes oficiais do Benfica e do Santa Clara também confirmaram a realização de buscas, tendo ambos os emblemas da I Liga remetido esclarecimentos para mais tarde, através de comunicados.

O Ministério Público (MP) já confirmou a realização de buscas em várias instituições, entre as quais três Sociedades Anónimas Desportivas (SAD), numa investigação relacionada com negócios no futebol.

Em comunicado, a Procuradoria-Geral da República (PGR) confirmou a realização de 29 buscas: “oito domiciliárias; uma, a uma fundação; seis, a instalações de três sociedades desportivas; nove, a outros tipos de sociedade; três, a dois clubes desportivos; e duas, a dois escritórios de advogados”.

As buscas, de acordo com o mesmo documento, “decorrem em vários locais do país e contam com a participação de magistrados do Ministério Público e dos tribunais de Instrução Criminal, inclusive, o Central e elementos da Polícia Judiciária e da Autoridade Tributária”.

“Nos inquéritos investigam-se factos suscetíveis de integrarem crimes de participação económica em negócio ou recebimento indevido de vantagem, corrupção ativa e passiva no fenómeno desportivo, fraude fiscal qualificada e branqueamento”, refere o MP.

De acordo com o Ministério Público, “estão em causa negócios de diversa natureza, todos relacionados com o futebol profissional“.

“Investigam-se ainda a aquisição dos direitos desportivos e económicos dos jogadores por parte de clubes nacionais de futebol, empréstimos concedidos a um destes clubes e a uma sociedade desportiva por um cidadão de Singapura com interesses em sociedades sediadas nas Ilhas Virgens Britânicas e a utilização das contas do mesmo clube e de outro, para a circulação de dinheiro”, informa ainda.

Além das SAD, “as investigações incidem igualmente sobre o envolvimento de outros tipos de sociedades (algumas ligadas ao setor imobiliário)”, devido ao “pagamento em dinheiro de prémios de jogo, a satisfação de dívidas pessoais de dirigentes, a utilização por estes de valores dos clubes e a omissão declarativa de operações fiscalmente relevantes”.

  ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

covid, Lisboa

Plano da DGS avança os três cenários que podem levar a novo confinamento

A Direcção-Geral da Saúde publicou o plano de combate à pandemia para este Outono / Inverno com base em três cenários. O surgimento de uma nova variante com características que permitam a evasão do vírus …

A tábua babilónica que se descobriu ter a representação de um fantasma.

Tábua babilónica tem a mais antiga representação de um fantasma (e explica como livrar-se dele)

Foi oficialmente descoberta a representação mais antiga de um fantasma numa tábua de argila babilónica com 3.500 anos, que estava guardada no Museu Britânico, em Londres. A ilustração estava no museu desde o século XIX, mas …

Eleições ou continuar a governar se o OE chumbar? "Estou preparado para tudo".

O primeiro-ministro disse esta sexta-feira estar preparado para continuar a governar, mesmo que o Orçamento para 2022 chumbe, mas adiantou que respeitará se o Presidente da República tiver um entendimento diverso e convocar eleições antecipadas. Esta …

A humanidade sobreviveu a cinco apocalipses. E está preparada para mais

Nos últimos meses, a atenção mediática tem recaído sobre temas como pandemias, vulcões, sismos e outras catástrofes a que, não sendo novidades, a humanidade tem vindo a sobreviver de forma quase inexplicável. Pandemias, vulcões, sismos, cheias …

OE. Costa promete salário mínimo de 850 euros em 2025 e aumento de pensões em janeiro

O secretário-geral do PS, António Costa, afirmou esta sexta-feira que é intenção do Governo elevar o salário mínimo aos 850 euros em 2025 e aumentar o mínimo de existência no próximo ano, isentando de IRS …

Cientistas portugueses ajudam a descobrir novo mecanismo para regeneração muscular

O músculo é conhecido por se regenerar através de um processo complexo que envolve várias etapas e depende de células-tronco. Mas uma nova pesquisa apresenta um novo mecanismo. Um novo estudo liderado por investigadores do Instituto …

Investigadores de Harvard utilizam corantes para armazenar dados

Na era digital, quase tudo é possível. Uma equipa de químicos de Harvard desenvolveu um novo sistema que utiliza misturas de sete corantes fluorescentes disponíveis comercialmente para armazenar ficheiros de dados. É comum pensarmos no armazenamento …

Uma impressão artística de um impacto gigantesco no sistema estelar HD 17255

Dois planetas envolveram-se num choque tão violento que um deles perdeu a atmosfera

Uma equipa de astrónomos encontrou provas de uma gigantesca colisão entre dois planetas num sistema planetário jovem, localizado a 95 anos-luz da Terra. A poeira à volta da jovem estrela HD 172555, de 23 milhões de …

Rorhwerk, o maior instrumento musical do mundo

Rohrwerk, uma obra de arte efémera, é a maior "fábrica do som" do mundo

Uma espécie de "pavilhão do som". Alunos da Escola Politécnica de Lausanne (EPFL), na Suíça, criaram um novo instrumento musical, o maior alguma vez construído. Com 45 metros de altura, a obra de arte imponente …

Costa já pediu desculpas às confederações patronais. "Houve um lapso"

O primeiro-ministro afirmou, esta sexta-feira, que já apresentou um pedido de desculpas às confederações patronais por o Governo ter aprovado duas medidas na área do trabalho sem antes as ter apresentado em Concertação Social. À chegada …