O segredo da “pizza perfeita” foi desvendado

SXC

Se gostava de comer a pizza mais perfeita do mundo tem duas opções: ou viaja para Itália ou resolve uma longa equação termodinâmica para simular a saborosa pizza italiana no forno elétrico (e modesto) lá de casa.

No mais recente estudo, publicado no arXiv, dois físicos e um antropólogo alimentar recordam em conjunto as pizzas cientificamente inatacáveis que provaram enquanto trabalhavam em Roma, na Itália.

A famosa pizza Margherita, com as cores da bandeira italiana, preparada e assada no forte diante dos seus olhos por um pizzaiolo, apaixonava-os.

Em apenas dois minutos, Andrey Varlamov, do Instituto de Supercondutores Óxidos e Outros Materiais Inovadores, Andreas Glatz, da Northern Illinois University, e Sergio Grasso, um autor e cineasta baseado em Roma, observavam os artesãos da pizza a transformarem os discos pastosos em autênticas tortas douradas repletas de bolhas de ar.

Mas que segredo esconde esta maravilha da culinária? Segundo um pizzaiolo, o segredo está na física do forno de tijolos. Com a lenha a queimar num canto do forno, o calor irradia uniformemente através das paredes curvas e do chão de pedra do forno, garantindo assim que toda a pizza cozinha de igual forma por todos os lados.

Desta forma, os autores escreveram que, sob condições ideias, uma única pizza Margherita poderia ser cozinhada na perfeição em apenas dois minutos, num forno de tijolos aquecido a 330 graus Celsius.

Quando as coberturas adicionais requerem tempo adicional de cozedura, alguns pizzaiolos podem levantar a pizza com uma espátula de madeira ou alumínio durante cerca de 30 segundos ou mais “para expor a pizza apenas à irradiação”, evitando um fundo tostado.

Mas se não tem em casa um forno de tijolos, não desespere. Os autores do estudo explicaram como fazer a pizza perfeita num simples e modesto forno elétrico. Para isso, é necessário apenas um elemento extra: a física.

Se está a pensar cozinhar a sua pizza num forno elétrico, o mais provável é que esta espécie de torta salgada repouse numa bandeja de metal ou numa assadeira. Como a condutividade térmica do metal é significativamente mais poderosa do que a do tijolo, a parte inferior da pizza absorverá o calor muito mais rapidamente do que o resto da pizza.

Assim, se decidir cozinhar a sua pizza num forno elétrico, respeitando os dois minutos a 330 graus Celsius, o resultado final será uma pizza de carvão.

Através de uma equação termodinâmica, a equação #13 que surge explicada no artigo científico, os autores determinaram que uma pizza cozida num modesto forno elétrico poderia encontrar condições similares a um forno de tijolos romano se reduzíssemos a temperatura para 230 graus Celsius. O tempo, esse, seria de apenas 170 segundos.

Certamente que o resultado final da sua pizza caseira nunca alcançará a perfeição de uma pizza italiana, mas a física pode ser a sua aliada e ajudá-lo a dar um passo na direção certa.

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Que reportagem mais meia boca, não explica nada e não ajudou em nada, so informou que as pizzas italinas são excelentes, e isso é fácil de saber, são feitas com muito esmero;
    Continuo sem poder fazer pizza descente no forno convencional;

RESPONDER

Descoberto o segredo da sobrevivência dos antigos povos dos Andes

Uma nova investigação, baseada nos antigos assentamentos das populações que viveram na Cordilheira dos Andes, revelou que estes povos sofreram mutações genéticas que lhes permitiram sobreviver em condições tão adversas. De acordo com o novo …

Os bebés riem-se como os chimpanzés

Um estudo recente concluiu que as gargalhadas dos bebés não são semelhantes às dos humanos adultos, mas sim às dos chimpanzés. Há poucas coisas no mundo capazes de fascinar um adulto como o riso de um …

"Furacão" de matéria escura vai colidir com a Terra

Se os cálculos de uma equipa de astrónomos estiverem corretos, o Sistema Solar estará, em breve, no meio de um evento turbulento: um "furacão" de matéria escura, a soprar numa velocidade de 500 quilómetros por …

Irlanda investiga avistamento de OVNIs ao largo da costa

Após relatos de luzes e avistamento de OVNIs na costa sudoeste do país, a Autoridade da Aviação da Irlanda (IAA) deu início a uma investigação oficial. Eram quase 7 horas da manhã da passada sexta-feira quando …

Os "drones tubarão" que comem lixo das águas estão a chegar ao Dubai

Os WasteSharks, produzidos pela empresa tecnológica holandesa RanMarine, chegam este mês ao Dubai. Operam já em 2 países e estão aptos a recolher lixo, testar a qualidade da água e filtrá-la. Concebidos em 2016 e inspirados …

Açores desliga as luzes à noite para salvar espécie ameaçada

O arquipélago dos Açores tem uma medida em vigor para preservar uma espécie de aves ameaçada. Esta medida reflete-se também na redução da conta da eletricidade. As cagarras são uma uma espécie ameaçada, que vivem no …

Templo Satânico exige 133 milhões à Netflix por plágio de estátua

O Templo Satânico, localizado em Massachusetts, nos EUA, abriu um processo contra a Netflix por plagiar uma estátua na série "O Mundo Sombrio de Sabrina". A indemnização ultrapassa os 133 milhões de euros. O grupo denunciou …

Telemóveis ao volante dão 115 multas por dia

O número de multas nas estradas por usar o telemóvel durante a condução disparou este ano, quando comparado com o ano passado. Só até setembro, foram passadas 115 multas por dia, em média, pela PSP …

Bolsonaro pagou à Google (236 euros) para divulgar conteúdos

A Google informou esta segunda-feira o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que o Partido Social Liberal, do recém-eleito presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, pagou cerca de 236 euros pela disseminação de conteúdos na Internet. A Google foi …

Empresas portuguesas não estão preocupadas com possibilidade de corrupção

Mais de metade das empresas que participaram no primeiro inquérito nacional sobre a responsabilidade social empresarial não divulga nem adota planos de prevenção da corrupção. Segundo as conclusões do Inquérito Nacional sobre Conduta Empresarial Responsável e …