28 mil pessoas assinaram petição para mudar a palavra “no” para “yesn’t”

Na terça-feira, foi criada uma petição para mudar a palavra “no” (não) para “yesn’t” (qualquer coisa como des-sim), que já foi assinada por quase 28 mil pessoas. O objetivo são 35 mil assinaturas.

De acordo com o Mashable, a petição tem ganho assinantes a um ritmo alucinante: desde terça-feira, data em que foi criada, mais de 28 mil pessoas assinaram o documento que pede a mudança da palavra inglesa “no” (não) para “yesn’t” (algo que poderá ser traduzido como des-sim).

A petição está, efetivamente, a resultar, uma vez que o Google nota um pico nas tendências de pesquisa pela palavra.

Segundo a página Know Your Meme, a palavra inglesa yesn’t apareceu pela primeira vez em abril de 2008 no Dicionário Urbano. A definição daquele ano referia-se a “talvez sim, talvez não” (algo como um nim em português).

A palavra seria usada da seguinte forma: “Apetece-te fazer alguma coisa esta noite? Yesn’t”.

Na rede social Reddit começaram a aparecer explicações da ideia por trás da palavra. “Por exemplo, should not é o oposto de should e é contraído como shouldn’t. A piada é que, em vez de usar a palavra já existente no, deveríamos aplicar a mesma lógica ao yes, tornando-a num yesn’t, que é a contração de yes not.

Nas redes sociais, como o Twitter, alguns utilizadores brincaram com a ideia: “Sempre tive dificuldades em dizer que não, por isso apartir de agora vou usar o termo yesn’t”.

Se concorda com esta alteração, pode-se juntar aos mais de 28 mil assinantes, que almejam chegar aos 35 mil, e assinar a petição aqui.

  ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Bastonário dos Médicos considera direção executiva do SNS "um disparate"

O bastonário da Ordem dos Médicos considera que a criação da direção executiva do Serviço Nacional de Saúde, proposta no Estatuto do SNS aprovado esta quinta-feira, é "um disparate" e que há estruturas que podem …

João Leão no Parlamento: "A alternativa é um Orçamento apresentado pelo PSD"

O ministro das Finanças afirmou, esta sexta-feira, na Assembleia da República, que a alternativa à viabilização à esquerda da proposta de Orçamento do Estado para 2022 (OE2022) é um Orçamento feito pelo PSD. "A alternativa que …

Mais de 30 mil mulheres polacas recorreram a métodos de aborto ilegais ou no estrangeiro desde a alteração na lei

Proibição à interrupção voluntária da gravidez entrou em vigor no início deste ano e as  exceções só se aplicam a casos de violações, incestos ou quando a saúde da mãe está em risco. Pelo menos 34 …

Fenprof anuncia nova greve no dia 12 e concentração em frente ao Parlamento

A Federação Nacional dos Professores (Fenprof) anunciou, esta sexta-feira, a realização de uma concentração em frente à Assembleia da República no dia 5 de novembro e a adesão à greve nacional da Administração Pública marcada …

Luis Díaz será a prioridade do Newcastle

Valor de mercado será agora inacessível para os clubes italianos, escreve-se... em Itália. O novo Newcastle deverá atacar o mercado do futebol com estrondo, possivelmente já daqui a pouco mais de dois meses, e a prioridade …

Rui Rio, presidente do PSD

Rio apresenta recandidatura. "Seria muito prejudicial para o país se o PSD mudasse agora de líder"

O presidente do PSD apresentou, esta sexta-feira, na cidade do Porto, a sua recandidatura à liderança, tendo considerado que "seria muito prejudicial", não só para o país como para o partido, mudar agora de líder. Rui …

"Conquistem a vaga no relvado": aviso à UEFA sobre a nova Liga dos Campeões

Associação das Ligas Europeias contra vagas garantidas para clubes que não terminarem o campeonato nacional num dos primeiros lugares. A reunião da Associação das Ligas Europeias de futebol terminou com o reforço de posições públicas contra …

Bloco diz que as suas nove propostas foram rejeitadas. Governo aponta avanços em sete

O Bloco considerou, esta sexta-feira, que o Governo recusou as suas nove propostas para chegar a acordo no Orçamento do Estado para 2022 (OE2022). O Executivo, por sua vez, considera que há avanços negociais em …

Comissão de inquérito ao Novo Banco. PSD frisa "maioria popular", PS queixa-se de "partidarite"

Os partidos apreciaram, esta sexta-feira, o relatório final da comissão de inquérito ao Novo Banco, aprovado em julho, com o PSD a destacar a "maioria popular" nas conclusões e o PS a criticar a "partidarite" …

"Falta de respeito". Patrões abandonam Concertação Social e pedem audiência a Marcelo

As quatro confederações patronais suspenderam, esta sexta-feira, a sua participação nas reuniões da Concertação Social e decidiram solicitar uma audiência ao Presidente da República, perante a "desconsideração do Governo pelos parceiros sociais" na discussão sobre …