28 mil pessoas assinaram petição para mudar a palavra “no” para “yesn’t”

Na terça-feira, foi criada uma petição para mudar a palavra “no” (não) para “yesn’t” (qualquer coisa como des-sim), que já foi assinada por quase 28 mil pessoas. O objetivo são 35 mil assinaturas.

De acordo com o Mashable, a petição tem ganho assinantes a um ritmo alucinante: desde terça-feira, data em que foi criada, mais de 28 mil pessoas assinaram o documento que pede a mudança da palavra inglesa “no” (não) para “yesn’t” (algo que poderá ser traduzido como des-sim).

A petição está, efetivamente, a resultar, uma vez que o Google nota um pico nas tendências de pesquisa pela palavra.

Segundo a página Know Your Meme, a palavra inglesa yesn’t apareceu pela primeira vez em abril de 2008 no Dicionário Urbano. A definição daquele ano referia-se a “talvez sim, talvez não” (algo como um nim em português).

A palavra seria usada da seguinte forma: “Apetece-te fazer alguma coisa esta noite? Yesn’t”.

Na rede social Reddit começaram a aparecer explicações da ideia por trás da palavra. “Por exemplo, should not é o oposto de should e é contraído como shouldn’t. A piada é que, em vez de usar a palavra já existente no, deveríamos aplicar a mesma lógica ao yes, tornando-a num yesn’t, que é a contração de yes not.

Nas redes sociais, como o Twitter, alguns utilizadores brincaram com a ideia: “Sempre tive dificuldades em dizer que não, por isso apartir de agora vou usar o termo yesn’t”.

Se concorda com esta alteração, pode-se juntar aos mais de 28 mil assinantes, que almejam chegar aos 35 mil, e assinar a petição aqui.

ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Um terço das empresas de restauração não reabriu

Cerca de um terço das empresas de restauração não retomou a atividade e quase metade tem registado uma faturação média inferior a 10%, revelou a associação representativa do setor. A Associação de Hotelaria, Restauração e Similares …

Ministério Público alemão assume que Maddie McCann está morta

O procuradores do Ministério Público alemão acreditam que Madeleine McCann foi assassinada. O investigador Christian Hoppe, do Bundeskriminalamt, revelou que a criança pode ter sido alvejada quando o suspeito assaltava o apartamento da família. O procuradores do …

Nadadores-salvadores devem privilegiar salvamento "sem entrar na água"

A Federação Portuguesa de Nadadores-Salvadores divulgou hoje alguns dos procedimentos que os vigilantes devem adotar na época balnear face à pandemia, como privilegiar o salvamento “sem entrar na água” ou abordar o náufrago pelas costas. “Ainda …

Confederação do Turismo propõe Lay-off simplificado, banco de horas e horário concentrado

A Confederação do Turismo de Portugal (CTP) propôs ao Governo 99 medidas para mitigar as consequências "gigantescas" que a pandemia está a ter no sector, apontando um cenário de "eclipse total e asfixia". Segundo noticiou esta …

Coreia do Norte ameaça romper acordo militar com Seul

A Coreia do Norte ameaçou hoje romper o acordo militar com a Coreia do Sul e fechar o gabinete de ligação transfronteiriça, se Seul não impedir que ativistas continuem a enviar panfletos através da fronteira. A …

Moratórias no crédito prolongadas até 31 de março de 2021

O Governo decidiu estender a moratória nos empréstimos dos bancos às famílias e empresas afetadas pela crise. As prestações e juros só voltarão a ser pagos depois de 31 de março de 2021, apurou o …

Santana Lopes deixou funções executivas no Aliança. Mas não "deserta"

O fundador do partido Aliança deixou, recentemente, as suas funções executivas por "motivos profissionais", mas promete "não desertar", "muito menos em alturas difíceis". No passado dia 15 de maio, Pedro Santana Lopes pediu a suspensão das …

Pela primeira vez em 30 anos, Hong Kong proíbe vigília em memória de Tiannamen

Pela primeira vez em 30 anos, tanto Hong Kong como Macau não vão ter vigílias em homenagem às vítimas do massacre de Tiananmen. A Polícia de Hong Kong proibiu a vigília em memória do massacre de …

Portugal com mais 8 mortos e 331 casos positivos em 24 horas

Portugal registou mais oito mortes e 331 casos positivos de infeção pelo novo coronavírus nas últimas 24 horas, de acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral da Saúde. Esta quinta-feira, Portugal registou 1.455 mortes por …

IL rejeita Marcelo Rebelo de Sousa e aposta em Adolfo Mesquita Nunes

O Iniciativa Liberal (IL) não vai apoiar a eventual recandidatura de Marcelo Rebelo de Sousa. Para o partido, um dos nomes em cima da mesa para as Presidenciais é "fácil" e só depende da "vontade …