Milhares de pessoas picadas na Austrália por caravelas-portuguesas

A autoridade responsável pela salvamento no mar do estado australiano de Queensland anunciou que as caravelas-portuguesas tinham atingido um total de 3.595 banhistas, alvo de picadas extremamente dolorosas.

Cerca de 13 mil caravelas portuguesas (Physalia physalis), colónias de zooides que apesar do aspeto não são consideradas alforrecas, foram registadas junto à costa de Queensland, na Austrália, na última semana. Um número três vezes superior ao habitual e que está a gerar muitos incidentes com banhistas e até o encerramento de algumas zonas balneares.

Pelo menos quatro praias permanecem fechadas, com os órgãos de comunicação locais a noticiarem uma “invasão” dos animais transparentes, com reflexos azuis.

Apesar dos episódios serem habituais e frequentes nesta altura do ano, em que é verão naquele país, as autoridades ficaram surpresas com a extensão do fenómeno atual, causada por ventos de nordeste que empurraram os animais marinhos para a costa, potenciando o contacto com os nadadores.

De acordo com o Royal Australian College of General Practitioners, a maior organização profissional de médicos de clínica geral, cerca de dez mil casos são registados anualmente na costa oriental daquele continente.

As picadas das caravelas-portuguesas causam “dor aguda e imediata e reação de inflamação da pele. A dor severa pode durar alguns minutos, mas também horas. A picada também pode causar sintomas como náuseas, vómitos e uma sensação de mal-estar geral”, segundo aquela organização.

Apesar da má reputação, as picadas causadas pelos tentáculos da caravela portuguesa, cuja principal toxina é a physaliatoxina, não têm consequências graves, podendo ser tratadas com gelo. Ainda assim, algumas pessoas tiveram de ser assistidas no hospital.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Há males que vêm por bem e assim as caravelas portuguesas que percorreram os mares nos séculos XV e XVI vão relembrando ás novas gerações pelo mundo o feito dos nossos marinheiros.

RESPONDER

Novo estudo diz que Remdesivir não tem "impacto significativo" nos doentes com covid-19

Ao contrário do que se pensava, o medicamento antiviral remdesivir não reduz as mortes entre os pacientes com covid-19, sobretudo quando comparado com o tratamento padrão, de acordo com os resultados de um estudo internacional. Em …

Bebés alimentados por biberões ingerem milhões de micro plásticos por dia, sugere estudo

Um novo estudo vem agora alertar para os perigos da puericultura moderna. De acordo com a pesquisa, os bebés que são alimentados com biberões engolem milhões de partículas de micro plástico por dia. Normalmente os biberões …

Cortaram a água nas instalações da Tesla na Alemanha. Havia contas por pagar

A empresa pública alemã WSE cortou (e já restabeleceu) o fornecimento de água nas instalações da Tesla em Grünheide, onde nascerá a primeira gigafactory europeia da empresa, devido à falta de pagamento das contas. Na semana …

Trabalhadores remotos estão a encher pequenas cidades (que agora têm os problemas das grandes)

A pandemia de covid-19 está a levar a um novo fenómeno: a migração para "comunidades de passagem" - pequenas cidades próximas a grandes terras e estações de esqui - à medida que mais pessoas começam …

EUA vão retirar Sudão da "lista negra" de países apoiantes do terrorismo

O Sudão vai ser retirado da lista de países apoiantes do terrorismo, anunciou na segunda-feira o Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, numa medida que permitirá ao país africano voltar a ter acesso a …

Trump testou positivo à covid-19 e Fauci não ficou nada surpreendido

Anthony Fauci, o principal especialista norte-americano em doenças infeciosas, revelou esta semana que não ficou nada surpreendido com o facto de o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ter testado positivo à covid-19.  Em entrevista ao …

Benfica castigado com um jogo de interdição da Luz

O Benfica foi punido com um jogo de interdição do Estádio da Luz e uma multa de 10.200 euros pelo Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), por apoio a claques não …

Homem muda a matrícula do carro para ficar "invisível", mas acaba com multas pendentes de 12 mil dólares

Um especialista em segurança cibernética norte-americano, conhecido como Droogie, trocou a matrícula do seu carro e pôs em prática um plano para tentar tornar o veículo indetetável nos leitores de matrículas e sistemas de bilhetes. …

Fenprof diz que já são mais de 330 as escolas com casos positivos

A Federação Nacional dos Professores (Fenprof) anunciou que já são mais de 330 as escolas em que confirmou existirem casos de covid-19 e acusou o Ministério da Educação de “esconder informação” solicitada a este propósito. Os …

Boeing 737 Max novamente seguro para voar, diz regulador europeu

O 737 Max da Boeing, avião suspenso desde março de 2019 devido a dois acidentes que resultaram na morte de 346 pessoas, é novamente seguro para voar, afirmou o diretor executivo da Agência Europeia para …