A pessoa mais velha do mundo vai carregar a chama olímpica no Japão

@tanakakane0102 / Twitter

Kane Tanaka, a pessoa mais velha do mundo

Aos 118 anos de idade, a pessoa mais velha do mundo prepara-se para carregar, já no mês de maio, a chama olímpica no Japão.

Estamos a falar de Kane Tanaka, japonesa, de 118 anos, que vai levar a chama olímpica ao passar por Shime, cidade japonesa localizada no distrito de Fukuoka.

Segundo a cadeia televisiva CNN, embora esteja previsto que os familiares a empurrem numa cadeira de rodas durante a maior parte do percurso de cerca de 100 metros, a “supercentenária” (pessoa com mais de 110 anos de idade) está determinada em dar os últimos passos, à medida que passa a tocha ao corredor seguinte.

A japonesa, que já sobreviveu a dois cancros e viveu durante duas pandemias globais, até já tem um novo par de sapatilhas para o evento – um presente da família no seu último aniversário, em janeiro.

“É ótimo que tenha atingido esta idade e ainda consiga manter um estilo de vida ativo. Queremos que outras pessoas vejam isto e se sintam inspiradas, e que não pensem que a idade é uma barreira”, disse o neto, Eiji Tanaka, que tem cerca de 60 anos, à estação televisiva norte-americana.

Tal como recorda a CNN, entre os que detêm o recorde de pessoas mais velhas a carregar a chama olímpica está a brasileira Aida Gemanque, que a acendeu nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016, e o jogador de ténis de mesa russo Alexander Kaptarenko, que correu com ela nos Jogos Olímpicos de Inverno de Sochi, em 2014, aos 101 anos.

Eiji Tanaka contou que a avó está entusiasmada com a participação no evento, que está a ser patrocinada por uma companhia de seguros de vida japonesa, mas lembrou também que esta situação dependerá da sua saúde e das condições meteorológicas na altura.

O percurso da chama olímpica foi atrasado devido à pandemia e vai começar em Fukushima, a 25 de março, com várias medidas covid-19 em vigor. A chama vai passar primeiro por regiões afetadas pelos devastadores terramoto e tsunami de 2011, marcando o 10.º aniversário deste desastre.

Tanaka nasceu em 1903, casou aos 19, teve quatro filhos e trabalhou no negócio da família até aos 103 anos. Atualmente, tem cinco netos e oito bisnetos.

Apesar de uma vida cheia de história, afinal viveu durante as duas Grandes Guerras e a gripe espanhola, o neto diz que não se recorda de a ouvir “falar muito sobre o passado” porque a avó “é muito progressista” e “gosta mesmo é de viver no presente”.

A CNN lembra que a japonesa é quase tão velha como os Jogos Olímpicos da era moderna, que começaram em 1896, e destaca ainda que, em 2019, o Guinness World Records a certificou como a pessoa viva mais velha do mundo.

Agora, Tanaka quer quebrar outro recorde, conta o neto – o recorde da pessoa mais velha a viver é de uma mulher francesa, que morreu com 122 anos.

O Japão registou no ano passado, pela primeira vez na sua história, mais de 80 mil centenários, de acordo com os dados do Ministério da Saúde, do Trabalho e do Bem-Estar Social (o 50.º aumento anual consecutivo).

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

O Hawaii quer remover a sua "escadaria para o paraíso" - e a culpa é dos turistas

Em causa estão preocupações com a segurança e vandalismo, que têm aumentado com a explosão de popularidade da escadaria Ha‘ikū nas redes sociais. É caso para dizer que a Stairway to Heaven vai para o inferno …

Inventou o ZX Spectrum e mudou o mundo. Morreu Clive Sinclair

O empresário britânico e inventor do computador doméstico ZX Spectrum, Clive Sinclair, morreu hoje aos 81 anos na sua casa, em Londres (Reino Unido), devido a doença prolongada, informou a filha ao jornal “The Guardian”. Morreu …

Esta torre construída na Suécia não é gigante em altura, mas em sustentabilidade

Para além de ser feito de um material sustentável — fornecido por florestas locais com gestão consciente e transformado por uma serração nas proximidades, o Centro Cultural dispõe de múltiplas tecnologias que fazem dele mais …

Empresa canadiana debaixo de fogo por publicar anúncios de emprego destinados a não vacinados

Uma empresa de canoagem, sediada no Canadá, está debaixo de fogo depois de ter colocado anúncios de emprego destinados, exclusivamente, a pessoas não vacinadas contra a covid-19. "Por favor, NÃO se candidate se tiver tomado quaisquer …

Disparam ataques a jornalistas. Bruxelas insta países da UE a aumentar proteção

Os países da União Europeia (UE) foram instados por Bruxelas a tomar medidas para proteger os jornalistas, após um aumento no número de ataques a membros da imprensa. A Comissão Europeia exortou os governos a criarem …

Facebook e Google criticados por anúncios de "reversão do aborto"

O Facebook já veiculou anúncios de "reversão do aborto" 18,4 milhões de vezes desde janeiro de 2020, de acordo com um relatório do Center for Countering Digital Hate (CCDH), promovendo um procedimento "não comprovado, antiético" …

Líder militar dos EUA temeu que Trump iniciasse guerra nuclear com a China - e chegou a ligar aos chineses

As revelações aparecem em Peril, o novo livro de Bob Woodward e Robert Costa sobre os bastidores da Casa Branca. Trump já respondeu. O General Mark Milley, o chefe do Estado-Maior das Forças Armadas dos EUA, …

França suspende 3.000 profissionais de saúde que recusaram vacina contra covid-19

A França suspendeu 3.000 profissionais de saúde sem remuneração por se recusarem a tomar a vacina contra a covid-19, revelou o ministro responsável pela pasta, Olivier Véran. Segundo Véran, citado esta quinta-feira pelo Guardian, "várias dezenas" …

Austrália, Reino Unido e EUA assinam pacto de defesa para conter China

A Austrália, os Estados Unidos (EUA) e o Reino Unido anunciaram o "Pacto de Aukus", que visa frente às pretensões territoriais da China no Indo-Pacífico e envolverá a construção de uma frota de submarinos com …

Governo tem margem de 1600 milhões de euros nas negociações do Orçamento

Os dados são de um relatório do Conselho das Finanças Públicas, que deixa alertas para que o executivo não se estique muito no aumento da despesa e no corte à receita. Segundo escreve o Público, o …