Peixe com dentes descoberto nos vulcões extintos da Austrália

d.r. CSIRO

Blackfish, o peixe negro sem escamas e com dentes

Blackfish, o peixe negro sem escamas e com dentes

Se ainda não estava convencido de que a vida pode prosperar em qualquer lugar, aqui está mais uma prova: uma equipa de investigadores australianos descobriu uma nova espécie de peixe, a viver nos vulcões submarinos extintos descobertos ao largo da costa de Sydney.

O navio explorador RV Investigator, da CSIRO, Commonwealth Scientific and Industrial Research Organisation, a agência de ciência nacional da Austrália, encontrou quatro vulcões extintos a 200 quilômetros ao largo da costa de Sydney, escondidos debaixo de quase cinco quilómetros de oceano.

Estima-se que estas caldeiras tenham mais de 50 milhões de anos. A equipa de investigadores do navio criou um mapa 3D dos vulcões:

Mas a viver dentro dos vulcões, os cientistas encontraram uma surpresa: vários tipos de criaturas estranhas, incluindo um pequeno peixe bizarro, sem escamas e com dentes, que os investigadores baptizaram de “blackfish”, ou “peixe preto”.

Larvas de viveiros

A equipa ainda está a tentar identificar esta espécie de peixe com presas e sem escamas – e nem sequer está claro se é um adulto ou uma larva.

No entanto, os cientistas reconheceram outros dos peixes que viviam vulcões, principalmente porque eram versões larvais de peixes e lagostas criadas na Austrália.

Quando as larvas destes animais são “varridas” para fora dos seus viveiros para o mar aberto, os seus criadores assumem que eles se perdem para sempre.

De acordo com a CSIRO, o que está a acontecer é que estes animais estão a prosperar e crescer em águas ácidas quentes, perto de vulcões submarinos.

De acordo com o cientista-chefe da equipa, o biólogo marinho Iain Suthers, investigador da Universidade de Nova Gales do Sul, a equipa ficou surpreendida ao descobrir um redemoinho ao largo de Sydney, que se revelou um habitat para larvas de lagosta e outros pequenos bichos, numa altura do ano em que tais animais não eram esperados na região.

“Pensávamos que estes peixes só se desenvolviam em estuários costeiros, e que uma vez que as larvas eram varridas para o mar, esse era o seu fim. Mas, na verdade, estes vórtices são viveiros para a pesca comercial ao longo da costa leste da Austrália”, explica Suthers.

ZAP / Hypescience

PARTILHAR

RESPONDER

Não há qualquer hipótese de resgatar os corpos dos 44 tripulantes do ARA San Juan

O ministro de Defesa da Argentina, Oscar Aguad, afirmou este domingo que não há tecnologia capaz de resgatar do mundo do mar o submarino ARA San Juan, localizado este sábado a 900 metros de profundidade …

Talvez os neandertais não fossem tão brutos como se pensava

Apesar de vários esqueletos de neandertais terem sido encontrados com ferimentos graves na cabeça e no pescoço, um novo estudo sugerem que não fossem tão violentos como se pensava. Na verdade, os níveis de lesões cranianas …

A galáxia mais brilhante do Universo é "canibal"

A galáxia mais brilhante já descoberta no Sistema Solar, a W2246-0526, localizada na constelação Aquarius, devorou não duas mas três das suas galáxias-satélite, o que pode explicar a sua forte luminosidade. De acordo com um novo …

Picasso roubado há 6 anos na Holanda terá sido encontrado sob uma árvore na Roménia

Procuradores romenos estão a investigar se um quadro que apareceu este sábado na Roménia é o mesmo que há seis anos foi roubado de um museu da Holanda, noticiou a agência de notícias Associated Press. A …

O colossal drone solar da Boeing vai voar em 2019

A Aurora Flight Sciences, subsidiária da Boeing, vai lançar em 2019 o seu drone solar Odysseus, que terá a capacidade voar durante meses de forma autónoma e o objectivo de dar acesso Internet a todo …

Justiça brasileira proíbe TV de divulgar inquérito sobre morte de Marielle Franco

A decisão judicial de proibir a emissão de reportagens sobre a investigação do assassinato da vereadora carioca responde a um pedido da polícia do Rio de Janeiro e do Ministério Público. A emissora afirma que …

Relatório revela 71 locais com elevado risco de inundações em Portugal

Portugal tem 71 zonas com elevado risco de inundação, de acordo com um relatório da Agência Portuguesa do Ambiente (APA) que analisou fenómenos extremos ocorridos, fazendo previsões para o futuro. O relatório "Avaliação Preliminar do Risco …

Cinco pessoas mortas por intoxicação de CO em Vila Real

Cinco pessoas da mesma família morreram este domingo, devido a uma intoxicação, no concelho de Sabrosa, distrito de Vila Real, adiantou à agência Lusa fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro de Vila Real. A …

O discurso de ódio já está em Portugal

O diretor da Amnistia Internacional Portugal, Pedro Neto, alertou, em entrevista à agência Lusa, para a presença do discurso de ódio em Portugal, apontando o combate à discriminação como o maior desafio atual dos direitos …

Menino francês suicida-se após castigo por usar telemóvel na escola

Um menino de 11 anos suicidou-se na cidade de Beausoleil, perto do Mónaco, no sul da França, depois de ter recebido um castigo no colégio por ter usado o telemóvel na sala de aula. A criança, …