/

Patrões querem testes obrigatórios nas empresas (com trabalhador a cobrir os custos)

6

António Saraiva, líder da Confederação Empresarial de Portugal (CIP), defende a criação de legislação que obrigue os trabalhadores a serem testados à covid-19.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Em declarações à Renascença, o líder do CIP conta que há empresas com problemas porque alguns trabalhadores recusam-se a trabalhar com colegas que não se vacinaram.

“Terá que ser, obviamente, uma diretiva emanada do Governo, porque sendo dada às pessoas a liberdade de não serem vacinadas, não se lhes pode dar a liberdade de, com esse seu ato, aumentarem a probabilidade de infetarem uma comunidade empresarial, seja ela qual for”, defende António Saraiva.

O presidente do CIP sugere ainda que sejam os próprios trabalhadores a pagarem pelos testes à covid-19.

“Enquanto não vier a ser obrigatório a vacinação em termos legais então, pelo menos, que os trabalhadores sejam obrigados à testagem periódica e a seu cargo”, disse Saraiva, em dia de reunião de Concertação Social, onde espera ver este assunto discutido.

Em Itália, a ministra dos Assuntos Regionais, Mariastella Gelmini anunciou que vai passar a exigir o certificado de vacinação a todos os trabalhadores, tornando-se um documento obrigatório.

“O objetivo é aumentar a segurança no local de trabalho”, disse Gelmini, citada pela agência Efe.

Quem não apresentar o certificado ou levar uma falsificação enfrenta multas ou até mesmo suspensão. No entanto, o trabalhador não pode ser despedido do emprego.

  ZAP //

6 Comments

  1. Este Sr. António Saraiva e talvez à avançada idade, não parece saber ou conhecer a constituição da Republica Portuguesa, ou então, está a receber ilicitamente dinheiro dos laboratórios que produzem a vacina para afirmar uma BARBARIDADE destas. Se calhar, para o António Saraiva, seria melhor adoptar a maneira Nazi de identificar os Judeus, isto é, com uma estrela amarela ao peito para aqueles que não pretendem ser vacinados

  2. Concordo, mas não concordo que sejam os trabalhadores a pagar, Até porque a vacinação é grátis. Mas que deveriam estar todos vacinados, isso, concordo em pleno. Na minha empresa está tudo vacinado já com as duas doses. E andamos de máscara ao pé uns dos outros. Mais vale prevenir que remediar.

  3. É pá, já não dá para ouvir mais este fulano (estou a ser educado). Antes da pandemia berrava pela baixe de impostos, havia uma elevada carga fiscal etc etc. Com a pandemia, berrava por apoios a fundo perdido não satisfeito com o apoio que era dado às empresas e a layoff etc. Agora, quer o dinheiro da Bazuca e os testes os trabalhadores que paguem. QUE MISERÁVEL EX-SINDICALISTA.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.