Passos desafia Costa a rever Constituição para antecipar eleições

António Cotrim / Lusa

O primeiro-ministro e presidente do PSD, Pedro Passos Coelho, desafiou o PS a aceitar fazer uma revisão constitucional extraordinária para que rapidamente possa haver novas eleições legislativas.

“Estou inteiramente disponível para dar o meu apoio a uma revisão constitucional extraordinária que garanta a possibilidade de o parlamento ser dissolvido para que seja o povo português a escolher o seu Governo”, afirmou Passos Coelho, numa sessão pública promovida pelo PSD e pelo CDS-PP, num hotel de Lisboa.

“Se aqueles que querem governar na nossa vez não querem governar como golpistas ou como fraudulentos, deveriam aceitar essa revisão constitucional e permitir a realização de eleições“, acrescentou o chefe do executivo PSD/CDS-PP, que foi demitido na terça-feira através de uma moção de rejeição aprovada pelos partidos da oposição.

A última revisão constitucional aconteceu há mais de cinco anos, conforme nota um constitucionalista não identificado no Diário de Notícias, frisando que, por isso, uma revisão constitucional seria então “ordinária” e exigiria apenas “dois terços do Parlamento” para ser aprovada.

Mesmo assim, o PSD e o seu aliado CDS precisariam do apoio do PS no Parlamento, algo que parece improvável de acontecer.

Costa diz que “não há crise política se não a criarem”

Em jeito de resposta a Passos Coelho e de confirmação de uma rejeição do PS à revisão constitucional, António Costa defendeu o regresso a uma “trajectória de normalidade constitucional”, considerando que só existirá crise política em Portugal se alguém a criar.

Na sessão de abertura de um encontro com militantes no Porto, António Costa fez um discurso muito crítico sobre a “irresponsabilidade” e “imprudência” do primeiro-ministro e demais políticos com funções de alta responsabilidade “andarem a assustar os portugueses sobre as condições de estabilidade”.

“Estão criadas todas as condições para que, tão rapidamente quanto o queiram, podermos ter um novo Governo que possa ser viabilizado na Assembleia da República, que ponha termo a este período de incerteza, de intranquilidade e que devolva estabilidade ao país”, sustentou.

Costa pediu para não serem criadas crises artificiais, de modo a caminhar para o que chamou um “reencontro com a Constituição”.

“É por isso tempo de não se criar uma crise política artificial. Em Portugal, não há crise política se não a criarem. Em Portugal, o que se verificou esta semana foi o normal funcionamento do regime democrático, no estrito cumprimento da Constituição e, eu até diria mais, do reencontro com a Constituição”, afirmou, apelando à necessidade de se retomar “a trajectória de normalidade constitucional”.

Passos fala em “golpe político” e “fraude eleitoral”

Ainda na sessão pública promovida pelo PSD e pelo CDS-PP, Passos Coelho também salientou, a propósito de António Costa, que “ele disse que nunca inviabilizaria um Governo se não tivesse em alternativa um Governo estável, duradouro, coeso, consistente”. Ouviram-se risos na sala.

“E esse Governo não existe”, acrescentou.

Segundo Passos Coelho, os partidos da oposição apresentam-se como “uma espécie de frente de esquerdas desunidas”, e “nunca se entenderão”.

O primeiro-ministro nomeou todos os partidos que derrubaram o Governo PSD/CDS-PP na Assembleia da República – “refiro-me evidentemente ao PAN, ao PEV, ao Bloco de Esquerda, ao PCP, ao Partido Socialista” – e acusou-os de terem com esse gesto cometido “o seu pecado original”.

“E esse pecado original hoje está-lhes tatuado na pele, será impossível a qualquer destes partidos prosseguirem a sua actividade no parlamento ou no Governo sem terem de admitir esse pecado original que é o de virem a ter um Governo que representa uma fraude eleitoral e um golpe político no país“, concluiu.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

14 COMENTÁRIOS

  1. ANTES DE MAIS DIGO JÁ NÃO SOU DO PS NEM DE ESQUERDA, MAS PORQUE SÓ AGORA ? QUER ME PARECER QUE ESTE GOVERNO ESTÁ MESMO COM PROBLEMAS EM DEIXAR O SEU POSTO, SERÁ QUE AFINAL EXISTEM MILHENTAS COISAS ESCONDIDAS QUE NÃO ERAM VERDADEIRAS EM RELAÇÃO AO QUE IAM DIZENDO SOBRE O PAIS E A ECONOMIA E ESTÃO COM MEDO DE SEREM DESCOBERTOS.
    PENSO SÓ VER DESTA MANEIRA UMA VEZ QUE ESTÃO COM TANTO MEDO EM SAIR DA GOVERNAÇÃO, AI AI O QUE AI VEM ATÉ ME ASSUSTA COMO PESSOA DO POVO.

  2. A minha opinião saloia:

    O governo sabe que isto não está tão bom como o pintaram nas eleições. Aliás, depois do sitio em que estivemos não creio que governo nenhum nos tirasse do buraco em 4 anos.

    Depois estão tão agarrados ao poder como o Costa o quer. Porquê? Porque todos querem assaltar o pote!

    Porque quer o PS o pote tão desesperadamente? Mais uma vez, na minha saloia opinião, porque sem o pote o partido corre o risco de sufocar em dívida e o seu secretário geral corre o risco de virar mais um Vítor Constâncio da politica. Se não for isso então o Costa tem alguma coisa no seu passado que só pode apagar com poder(???).

    Porque quer o PSD continuar no pote? Se fosse um sujeito crente na politica diria que eles querem manter o pote longe das abelhas (leia-se sindicatos, funcionários públicos e afins) mas como já não acredito no velho gordo de barbas criado pela Coica-Coila acho que também têm que manter a sua clientela politica. Ir para a oposição é meio caminho andado para o Passos ser substituído pelo Rui Rio.

    Moral da história?

    Sou um fulano que tem claras inclinações para o PSD mas estou longe de algum dia me tornar militante. Subir o Costa ao poder será um mal necessário para que algo maior aconteça dentro de 6 meses ou um ano. Que iremos novamente arrastar-nos na lama enquanto nação não duvido mas que isso servirá para um PSD mais limpo, com o Rui Rio à frente, governar sem o CDS a ditar agendas pode ser um agradável epilogo.

  3. E pá é espantoso este senhor a constituição existe a muito tempo agora não dá jeito vamos mudar tudo. É como começar um jogo com regras definidas a meio do jogo estou a perder vamos mudar tudo que criancinha mimada este PC.

  4. Deixem-se de lerias. Para resolver este situação de uma vez por todas é fazer um REFERENDO ao Povo qual das 2 “coligações” pretendem que sejam governados. Se pela dita “direita” se pela dita “esquerda”. É o mais sensato e correcto p/ c/ todas as partes.

  5. Ai ao povo, esse não conta para os gulosos de todos os partidos,deveria ser mas a constituição que tanto apregoam não deve deixar ou se deixa rapidamente será mudada.
    Por acaso até deveria ser o povo não a dizer que partido mas uma vez na vida obrigar Passos, Costa, e restantes representantes de partidos a juntos governarem o pais e sem qualquer representatividade de partidos, ou seja governar a sério para bem do Pais e do Povo e não para encher bolsos, obriga-los a todos os meses apresentarem as despesas reais do Pais assim como qualquer dinheiro ganho, tipo empresa privada em que é obrigada a apresentar as suas contas perante as finanças só que neste caso seria perante o povo e em directo na tv.
    E então já não existiria estes povo um contra o outro e vice versa nos políticos.
    Isso sim seria correcto e sensato perante o povo todo.

  6. Alias actualmente se calhar até seria preferível tipo na mesa da governação a frente de todos os políticos actuais sentados nas suas cadeiras no parlamento meter um governo formado por pessoas do povo a ganhar o ordenado mínimo, tipo um merceeiro, um canalizador, um varredor de ruas, um lavador de vidros, e mais alguns de preferência com a 4 classe mas com muita experiência de vida pois tiveram de fazer vários sacrifícios perante a vida e conseguindo manter uma casa sem dividas iriam dar uma lição valiosa a toda estas gerações de políticos da treta que actualmente temos.

  7. Pura demagogia populista e mau feitio de quem se agarrou ao poder…nem maioria para governar teem quanto mais para alterar a constituição que requer 2/3 mais 1.
    Raia o ridiculo e ainda para mais vindo de alguém com reponsabilidades.

  8. Para mim tanto faz que Governe a esquerda como a direita, porque são todos farinha do mesmo saco. Insultam-se o mais possível e no fim quase acabam em casamento. Mas o mais importante é que haja transparência, para que possa haver confiança, como tanto apregoaram. Também não vejo qual é o problema da esquerda em aceitar novas eleições antecipadas! Será que têm medo de perder para uma maioria de direita? Porque se o povo votou na maioria dos deputados dos partidos de esquerda como se verificou, qual será o problema? Será que não confiam neles mesmos e no que estão a fazer? Em minha opinião deveria haver novas eleições e que ganhe quem tiver maioria na AR.

  9. este palhaco agora deu nesta não se conforma de ter levado um pontapé no cu e quer a viva forca por a constituição a trabalhar para ele daqui algum tempo quer outra coisa toca a fazer outra constituição para este perdedor tenha a coragem de sair ja que o correram mas la em casa não manda e por isso faz esta guerra toda Não sabe esperar para ver os resultados e depois falar se tiver motivos.A INVEJA E A ARMA DOS INCOMPETENTES

  10. agora e para as eleições manhã sera para arranjar um testa de ferro tipo 44 e sera assim sempre que qualquer coisa não lhe agrade

  11. Os senhores Passos e Portas agora só terão que se preocupar em saber fazer uma oposição firme e irem-se preparando para umas próximas eleições porque a nova “coligação” de esquerda ou terão de dar o dito por não dito e neste caso saem-se mal perante o seu eleitorado ou levarão de novo o país à banca rota como já é hábito, só poderá ser uma destas duas hipóteses porque de milagre das rosas o senhor Costa nada deve perceber.

RESPONDER

Foi descoberta a evidência mais antiga de um cão domesticado na Arábia

Os ossos de um cão, descobertos em 2018 na Arábia Saudita, podem representar o exemplo mais antigo da domesticação deste animal naquela região. De acordo com o site Live Science, os ossos do cão, com seis …

PS com pior resultado num ano. PSD também cai, Bloco e Chega sobem

PS e PSD, o chamado bloco central, continuam em queda nas intenções de voto. Já o Bloco de Esquerda e o Chega ganham peso. Com 36,2% das intenções de voto, o Partido Socialista (PS) continua a …

Sindicato dos médicos alerta para possível "catástrofe" na Saúde

O Sindicato Independente dos Médicos (SIM) alerta que os atrasos causados pela pandemia de covid-19 no Serviço Nacional de Saúde (SNS) podem provocar uma “catástrofe” na Saúde. O Sindicato Independente dos Médicos (SIM) alertou, este domingo, …

Anunciada criação da Superliga Europeia. UEFA entra em guerra aberta e ameaça banir clubes

Doze clubes anunciaram, este domingo, a criação da Superliga Europeia. O FC Porto pode ser uma das equipas convidadas. A UEFA ameaça banir clubes das competições nacionais e internacionais. Depois de muita especulação, doze clubes anunciaram …

Luz solar pode neutralizar o SARS-CoV-2 oito vezes mais rápido do que se pensava

Uma nova investigação sugere que a luz solar pode inativar o SARS-CoV-2 oito vezes mais rápido do que se pensava anteriormente. Uma equipa de cientistas internacional - composta por investigadores da UC Santa Barbara, da Oregon …

Restaurantes, centros comerciais e cinemas perdem acesso ao lay-off

Esta segunda-feira, Portugal dá mais um passo no desconfinamento. Restaurantes, cafés, centros comerciais e cinemas perdem acesso ao lay-off simplificado. Restaurantes, centros comerciais, cafés, lojas, cinemas e teatros deixam de estar submetidos ao dever de encerramento …

CDS quer forçar reestruturação do SEF a passar pelo Parlamento

O CDS-PP defende que a reestruturação dos Serviços de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) tem de passar pela Assembleia da República e não pode ser concretizada através de legislação aprovada pelo Governo. Em causa está a extinção …

Portugal avança para 3.ª fase do desconfinamento. Todos os alunos regressam ao regime presencial

Esta segunda-feira, a generalidade do país avança para a terceira fase do processo de desconfinamento. A última fase acontece daqui a duas semanas, a 3 de maio. Na generalidade do território nacional vai ser possível, a …

Tal como os humanos, leões também são contagiados pelos bocejos

Uma equipa de cientistas descobriu que tal como nós, humanos, os leões também são sensíveis ao contágio dos bocejos. Tal como explica a revista Newsweek, a ciência tem várias explicações para o porquê de bocejarmos, podendo …

Joana Mortágua volta a ser candidata do Bloco de Esquerda à Câmara de Almada

A deputada Joana Mortágua é a candidata do Bloco de Esquerda (BE) à presidência da Câmara Municipal de Almada nas próximas eleições autárquicas, onde é vereadora desde 2017, adiantou este domingo à Lusa fonte do …