Passos entrou à defesa e Costa goleou

José Sena Goulão / Lusa

-

A generalidade das personalidades da área do PS que se pronunciaram sobre o debate da noite desta quarta-feira estão eufóricas com a prestação do líder socialista, António Costa, que dizem ter vencido confortavelmente o confronto com o primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho.

O confronto entre o primeiro-ministro Pedro Passos Coelho e o líder socialista António Costa, pela primeira vez emitido em simultâneo pela RTP1, SIC e TVI, em directo do Museu da Electricidade, em Lisboa, foi visto por 3 milhões e 300 mil pessoas.

Foi o debate mais visto de sempre da televisão portuguesa, tendo superado o recorde do confronto de 2011 entre o então primeiro-ministro José Sócrates e Pedro Passos Coelho, na altura visto por um milhão e meio de pessoas.

Socialistas eufóricos

Desta vez, o resultado do “duelo” parece ter sido uma vitória clara do líder socialista – pelo menos a avaliar pela generalidade das opiniões da sua área política, que está “eufórica” com a prestação de António Costa.

“É evidente que foi António Costa que venceu o debate”, diz o ex-presidente Mário Soares. “Foi ele que conseguiu tudo, ali”.

“Grande vitória de António Costa no debate desta noite! Um bom prenúncio para a vitória a 4 de Outubro”, escreveu o presidente do PS, Carlos César, citado pelo jornal Sol.

O deputado José Magalhães deu largas à sua satisfação no Twitter. “Acontece, Pedro. Há banhadas assim. Cristalinas. Só o Relvas dirá que foste bestial”, escreve Magalhães.

E Relvas disse mesmo. “Passos foi mais primeiro-ministro, Costa foi o político”, comenta o ex-ministro adjunto de Passos Coelho.

O deputado portuense José Lello foi taxativo: “Hoje o jantar foi Coelho à caçador”, ironizou.

As alegorias futebolísticas foram usadas por diversas personalidades da área socialista para quantificar a magnitude da vitória de Costa.

“António Costa dá dez a zero a Passos”, diz a deputada Ana Paula Vitorino. “Quinze a zero”, acha João Galamba, do Secretariado Nacional do PS.

O ex-secretário-geral da Juventude Socialista Pedro Nuno Santos, declara que “a campanha começou agora”, mas um outro ex-secretário-geral da JS, Sérgio Sousa Pinto, citado pela Visão, não tem dúvidas: “o PS terá vencido mesmo, esta noite, as eleições!”

Contenção à direita

Do lado da coligação, quase ninguém arrisca dizer que Passos venceu. Há quem tenha visto empate.

Marcelo Rebelo de Sousa diz que “Passos Coelho só equilibrou no final”. Para o comentador da TVI, a vitória de Costa no debate “podia acontecer, mas não esperava que acontecesse tanto como aconteceu”.

O ex-ministro Nuno Morais Sarmento pensa que Passos teve “algumas dificuldades em controlar o debate porque procurou explicar mais e passar menos mensagens políticas”.

O militante centrista Filipe Anacoreta Correia, citado pelo Observador, diz que o debate “foi bastante dividido e equilibrado”.

O deputado social-democrata Duarte Marques foi dos poucos a ver uma vitória de Passos Coelho. “Acho que é ele quem acaba por tirar mais vantagem deste debate”.

A avaliar pela opinião generalizada, o debate parece ter sido ganho por António Costa. “Foi checkmate”, diz mesmo a socialista Edite Estrela.

Resta saber, dizem os apoiantes da coligação, quem ganha as eleições de 4 de Outubro.

AJB, ZAP

PARTILHAR

30 COMENTÁRIOS

  1. Deixa ver se compreendo a noticia…

    “A generalidade das personalidades da área do PS que se pronunciaram sobre o debate da noite desta quarta-feira estão eufóricas com a prestação do líder socialista”

    Fazendo a mesma pergunta ás personalidades do PSD qual seria a resposta?

    Estamos assim com tão poucas noticias que tenha que se enviar uma noticia tão brainless como esta?

  2. Por favor guardem estes comentários de socialistas para podermos reler no próximo dia 5 de outubro.
    E já que a coisa anda por aí em linguagem futebolística – quem esteve ao ataque / quem esteve à defesa? quem ganhou, por quantos? (António Costa por 10 a zero!, por 15 a zero!) -, aqui vai um alerta nesses termos. Vejam lá se a perceção de vitória não resulta de um situação bem conhecida. O Lusitano de Vila Seca foi ao “dragão” disputar o acesso à final da Taça. As expetativas de “massacre” (em sentido futebolístico, claro) não se concretizaram e a escassa derrota por 3-1, com uma ou duas “bolas ao poste” na parte final do “desafio”, deixaram nos bravos do LVS uma sensação de vitória.
    Até 5 de outubro. Não vale é depois dizer que o povo enfim… (aquela conversa à Bloco e PCP: nós estamos certos, mas só 4-5% é que nos compreendem!..)

  3. Houve um momento particularmente interessante na prestação de António Costa. Foi quando mostrou aqueles gráfico com a evolução do PIB (para dizer que com Passos Coelho tinha diminuído, ao contrário do que havia acontecido com os governos anteriores…). Não sei se os socialistas notaram, particularmente os “socratistas”, e em especial José Lello, Edite Estrela e João Galamba: “Aqui no gráfico mais à esquerda, o aumento do PIB no governo de António Guterres; depois o aumento do PIB no governo de Durão Barroso / Pedro Santana Lopes; depois o aumento do PIB no governo de… hum, hum, na última governação socialista”. Bravo!
    Até 5 de outubro.

    • Eu reparei nesse detalhe em que ao apresentar o gráfico ANTÓNIO COSTA RECUSOU-SE A FALAR NO NOME SÓCRATES OU GOVERNO SÓCRATES mas sim “a última governação socialista”. Só vejo cobardes e estou com muita curiosidade quanto às futuras reacções de Sócrates.

  4. Quando se está de fora é sempre mais fácil encontrar soluções para tudo o que certamente o povo esperará é não ser mais uma vez goleado com promessas irrealizáveis para que mais tarde o país não fique de novo em coma e não venha a ter de novo a debandada de um governo PS sacudindo a água do capote com a chegada de uma nova troika.

  5. Já agora o que gostava mesmo era perceber como é que esta gente se deixa impressionar por alguém que saca de um calhamaço de folhas presas por argolas e diz: “Isto é o meu programa. Veja só o tamanho da coisa! Está aqui tudo escrito, com contas feitas por quem percebe, uns senhores que até são economistas ou, melhor, professores de economia! Ainda não tive tempo de ler tudo, e de perceber muitas coisa, mas até lá… E tenho aqui uns gráficos muito simples, para as pessoas lá em casa perceberem (fizeram-nos para me explicarem e eu consegui perceber perfeitamente…”.
    A sério? Para quem vem de novo com a cassete da “qualificação” e “inovação”, podia poupar tanto papel e trazer aquilo em formato digital. Até para procurar é mais prático (nos ficheiros PDF basta fazer «ctrl F» e pronto).
    Até 5 de outubro.

  6. Para quem invoca constantemente a “bancarrota” de 2011:
    Qual foi a parte da crise financeira que ainda não perceberam ? O petróleo a 180 por barril, ou as taxas interbancárias com “spreads” de 10 % ?
    Parem de culpar os Portugueses pelos factores externos, ou então emigrem já !
    PS – Cuidado, porque criticar a Constituição, nos moldes como alguns o fazem e fizeram cá, nalguns países como os EUA ainda pode dar pena de morte …

  7. Gostaria mais que tivesse ( goleado ) no tempo do Eng. Guterres para evitar o famoso ( Pântano ) e ( goleado ) no governo do Eng. Sócrates, para evitar a bancarrota, agora é tarde demais.. Eu não quero outra BANCARROTA, !!!!

  8. De vitória em vitória até à derrota final. Como podem estes imbecis quantificar a goleada, de tão deprimidos e comprometidos que andam, com o descalabro a que levaram o país, que qualquer baboseira dita por um mentiroso compulsivo lhes seve de consolação. Volta Costa para o 4º resgate,

    • QUESTÃO DA DESCOLAGEM
      Já ninguém refere o verdadeiro político que o PS tinha no activo e que inspirava credibilidade e até ganhou todas as eleições contra a coligação –
      A N T Ó N I O J O S É S E G U R O

  9. Porque não explicam detalhadamente essa história da bancarrota aos “lesados” do BES ?
    O PInóquio, ontem, teve oportunidade de o fazer …

  10. Ainda há quem pense que estamos perante um jogo de futebol e que as eleições se decidem em debates televisivos.
    Acham que o povo ainda está disponível para ser enganado pela melhor performance televisiva. Vão ficar mais 4 anitos na oposição para ver se conseguimos acabar de reparar os estragos.

  11. Ridículo… Costa nem sequer ganhou o debate. Ele esteve melhor do que é costume, isso sim. Para socialista já é bom porque ele costuma fazer asneira. Como pode o Costa ganhar se não respondeu às perguntas e dizendo coisas falsas? Ele só dizia “contas feitas”, “provas dadas”… a única coisa que os socialista provaram até agora foi que são bons a levar o país à bancarrota.

  12. Correntes em economia
    Sem dúvida. Uma ‘bateria’ de economistas são base de conhecimento estrutural, científico nas áreas do patrimonio individual, das empresas ou instituições governamentais, porque habilitados em planeamento, dimensionamento, preservação de patrimonio, e, entre outros, PLANEAMENTO ESTRATÉGICO NO SECTOR PÚBLICO…
    Um dos seus potenciais na realidade do mercado do trabalho é auditoria e consultoria. Sem colagem possível, sabemos que várias empresas altamente “prestigiadas” auditaram os vários ‘BES’; Sabemos que as conclusões de uma ‘independente’ contratada pelo regulador é que foram remetidas à Procuradoria Geral da República; Sabe-se que matematicamente, dependendo das variáveis, e então na política, uma “verdade absoluta” pode, num ápice, passar ao seu contrário com idêntico absolutismo…
    Compararia, permitam, os críticos literários que se ficaram por rascunhadas sebentas ou nem isso, e os críticos de cinema que nunca participaram em nenhuma das suas vertentes!
    Apenas porque em economia e política económica existem correntes e nada é aboluto…

  13. estar no poleiro é bom, mas será que o dr. antónio costa é mais competente que o engº josé sócrates?
    é incrível como algumas pessoas comparam portugal com um campo de futebol… agora, é preciso ter muito cuidado, porque a próxima derrota, pode atirar portugal para os distritais…

    • Em qualquer do casos será sempre mais competente que o dr. passos coelho.
      E peço-lhe um favor: escreva Portugal com a primeira letra maiúscula.
      O nosso país já foi suficientemente desrespeitado pelos estrangeiros.
      Não queremos mais Portugueses a fazê-lo, pois não ?

      • Opiniões livres, é certo, ditadas aos 4 ventos em bicos de pés o que lhes terá sido soprado aos ouvidos, será por isso que até hoje não se conheça a verdadeira receita do célebre cozido à portuguesa?

        • Tenho por mim que a receita é relativamente simples (mas não simplória):
          1 colher de soberania nacional
          1 colher de afastamento da extrema esquerda.
          1 colher de afastamento do “neo-liberalismo Teapartyano”
          1 colher de europeísmo social-democrata (não confundir com o actual PSD, isso estraga a receita)” à la” Adenauer, Willy Brandt, Olof Palme, Delors, etc.
          1 pitada de desconfiança por tudo e todos que vêm “de fora”
          (pode passar rápidamente a 2 ou 3 colheres, se necessário para corrigir o sabor)
          Levar ao lume brando dos costumes e saborear no “centrão” da mesa. Não tem nada que enganar …

  14. Sabe-se que houve uma ‘máquina’ de contagem de “votos” e deu Passos.
    A propósito: Onde, como, foi com a aplicação “Rising Star” tecnologia disponível no universo TVI? Alguém tem notícias?

  15. Portugal foi escrito com p porque tinha a vêr com a comparação ao futebol, já que se está a brincar com o futuro de Portugal!!!
    Não sei como poderá o Dr. António Costa, ser mais competente, tendo em conta que a equipa de trabalho base será a mesma do Engº José Sócrates e é bom que não se compare Portugal com Lisboa, a menos que se tenha a ideia que Portugal é só Lisboa.
    Penso que os Portugueses (Governo PS) foram os primeiros a desrespeitar Portugal, levando o País a beira da bancarrota.
    Portanto P.S. no Governo, por mim nunca…

  16. fecham tribunais e escolas por todo o país, hospitais com falta de pessoal, cortes nos salários da função pública, cortes nas pensões,
    no rendimento mínimo e outros rendimentos sociais, congelamento da progressão de carreiras, paragem por completo da construção de obras
    públicas, cortes na investigação científica e educação, aumento do iva na restauração, sobretaxa de irs, aumento do preço cobrado nos
    transportes públicos, redução de feriados, corte nas férias, aumento das taxas moderadoras, criação de novas portagens, aumento do horário
    de trabalho para 40 horas semanais, redução de 30 mil funcionários públicos com rescisões ou mobilidade especial, diminuição do pagamento
    de horas extraordinárias, corte nas pensões de viuvez, aumento da idade da reforma para 66 anos

RESPONDER

Associados podem ser chamados a resolver "buraco" do Montepio

Os cerca de 630 mil associados e pensionistas da Associação Mutualista Montepio Geral correm o risco de virem a ser chamados para resolver as perdas da instituição financeira, escreve o jornal Público. De acordo com o …

Bolívia divulga vídeo que sugere que Morales incitou bloqueios à entrada de alimentos

Arturo Murillo, ministro do Governo da Bolívia, divulgou na manhã de quarta-feira um vídeo que sugere que o antigo presidente do país, Evo Morales, incitou os bloqueios à entrada de alimentos que fragiliza o país. Os …

Christine Lagarde foi conselheira de duas empresas sediadas em paraísos fiscais

Christine Lagarde, presidente do Banco Central Europeu (BCE) desde outubro, foi conselheira de duas filiais da empresa de advocacia Baker & McKenzie (BM) entre 2003 e 2005, ambas sediadas em países considerados à data paraísos …

Provas contra Trump "são claras". "Ele usou o cargo para fins pessoais", diz Nancy Pelosi

A presidente da Câmara dos Representantes e líder da maioria democrata na câmara norte-americana, Nancy Pelosi, declarou na quinta-feira que considera já haver provas suficientes para afirmar que o Presidente deve ser destituído. Contudo, segundo avançou …

Benfica tem seis jogadores de malas feitas. Um deles chegou em julho

Há seis jogadores que poderão estar de saída do emblema da Luz, sendo que um deles, Caio Lucas, chegou em julho ao clube. O agente de Samaris já veio negar a saída do seu cliente. Bruno …

"Poderia juntar-se a Mourinho". Bale criticado por comportamento "infantil"

A atitude do internacional galês Gareth Bale continua a render críticas. Desta vez foi o antigo presidente do Real Madrdi Rámon Calderón, que considerou o comportamento do futebolista infantil. Em causa esta a atitude do …

Norte quer fundos de Bruxelas para ligação ao TGV espanhol

Pela primeira vez, a região norte do país antecipou a lista de prioridades para os fundos europeus, escreve o Jornal de Notícias, que dá conta uma das propostas passa por usar os fundos de Bruxelas …

Falta de médicos leva IPO de Lisboa a adiar consulta de paciente com 90 anos para 2021

O Instituto Português de Oncologia (IPO) de Lisboa adiou a consulta de um paciente nonagenário que estava marcada para janeiro de 2020 para o ano seguinte, isto é, para janeiro de 2021 devido à falta …

Eis a Cybertruck, a "pickup" elétrica da Tesla que já tem bilhete para Marte

A Tesla lançou o seu modelo de carrinha "pickup" elétrica, Cybertruck, com uma autonomia máxima de 800 quilómetros. Musk diz que vai haver uma versão especial que será a carrinha oficial de Marte. Após uma longa …

Rio não responde a críticas de adversário. "Estou na Croácia, não estou no Montenegro"

O presidente do PSD seguiu a regra de não falar de política interna fora do país e só abriu uma exceção para falar da manifestação dos polícias. Depois do discurso que tinha feito no Congresso do …