Partido nacionalista dinamarquês distribuiu latas de “spray anti-refugiados”

O partido nacionalista dinamarquês Danskernes, distribuiu mais de 100 latas de spray, com o rótulo “Asyl-spray”, numa referência aos refugiados que pedem asilo no país.

Nas latas oferecidas à população, aparece o logótipo do partido e as palavras “legal” e “eficiente” à frente de quadrados com um visto.

As 137 embalagens de spray foram distribuídas na cidade de Haderslev porque, segundo o líder do partido, Daniel Carlsen, várias mulheres foram atacadas por refugiados nessa localidade.

“Estamos a enfrentar um problema real na nossa sociedade, onde muitos dinamarqueses se sentem inseguros. Em parte porque há tantos migrantes no país, e porque as pessoas não se podem defender a si próprias”, afirmou Carlsen à TV Syd.

Segundo a RT, o partido Danskernes – que defende a repatriação de todos os refugiados – colocou apenas spray para o cabelo dentro das embalagens do “Asyl-spray”, já que o uso de spray de pimenta é proibido na Dinamarca.

Esta iniciativa tem gerado uma grande polémica entre a população, sendo que alguns concordam e outros repudiam completamente a medida elaborada pelo partido.

Daniel Carlsen é líder do partido da extrema-direita desde 2013 e já admitiu que teve um passado neo-nazista.

O Danskernes ainda não tem representação no Parlamento dinamarquês e está a realizar uma campanha de recolha de assinaturas para que possam concorrer nas próximas eleições.

No ano passado, a Dinamarca recebeu cerca de 20 mil refugiados, um número que sofreu uma queda significativa em 2016 – apenas 5.300 refugiados – devido às mudanças na política de imigração do país.

BZR, ZAP

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. A Dinamarca tem sido um dos vários países-alvo da imigração oriunda do Médio Oriente e África. Tal como nos outros países, os efeitos negativos têm sido em quantidade e em gravidade tais que não é possível escamoteá-los.

    Portugal, por enquanto, tem estado a salvo desta vaga de imigração por ser um país sem subsídios atrativos. Isso explica a quase unânime boa imprensa que os refugiados têm no nosso país. Houvesse mais refugiados a quererem vir para Portugal, e instalassem-se eles perto dos cronistas e jornalistas da nossa imprensa, as coisas seriam muito diferentes…

RESPONDER

Ministério Público alemão assume que Maddie McCann está morta

O procuradores do Ministério Público alemão acreditam que Madeleine McCann foi assassinada. O investigador Christian Hoppe, do Bundeskriminalamt, revelou que a criança pode ter sido alvejada quando o suspeito assaltava o apartamento da família. O procuradores do …

Nadadores-salvadores devem privilegiar salvamento "sem entrar na água"

A Federação Portuguesa de Nadadores-Salvadores divulgou hoje alguns dos procedimentos que os vigilantes devem adotar na época balnear face à pandemia, como privilegiar o salvamento “sem entrar na água” ou abordar o náufrago pelas costas. “Ainda …

Confederação do Turismo propõe Lay-off simplificado, banco de horas e horário concentrado

A Confederação do Turismo de Portugal (CTP) propôs ao Governo 99 medidas para mitigar as consequências "gigantescas" que a pandemia está a ter no sector, apontando um cenário de "eclipse total e asfixia". Segundo noticiou esta …

Coreia do Norte ameaça romper acordo militar com Seul

A Coreia do Norte ameaçou hoje romper o acordo militar com a Coreia do Sul e fechar o gabinete de ligação transfronteiriça, se Seul não impedir que ativistas continuem a enviar panfletos através da fronteira. A …

Moratórias no crédito prolongadas até 31 de março de 2021

O Governo decidiu estender a moratória nos empréstimos dos bancos às famílias e empresas afetadas pela crise. As prestações e juros só voltarão a ser pagos depois de 31 de março de 2021, apurou o …

Santana Lopes deixou funções executivas no Aliança. Mas não "deserta"

O fundador do partido Aliança deixou, recentemente, as suas funções executivas por "motivos profissionais", mas promete "não desertar", "muito menos em alturas difíceis". No passado dia 15 de maio, Pedro Santana Lopes pediu a suspensão das …

Pela primeira vez em 30 anos, Hong Kong proíbe vigília em memória de Tiannamen

Pela primeira vez em 30 anos, tanto Hong Kong como Macau não vão ter vigílias em homenagem às vítimas do massacre de Tiananmen. A Polícia de Hong Kong proibiu a vigília em memória do massacre de …

Portugal com mais 8 mortos e 331 casos positivos em 24 horas

Portugal registou mais oito mortes e 331 casos positivos de infeção pelo novo coronavírus nas últimas 24 horas, de acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral da Saúde. Esta quinta-feira, Portugal registou 1.455 mortes por …

IL rejeita Marcelo Rebelo de Sousa e aposta em Adolfo Mesquita Nunes

O Iniciativa Liberal (IL) não vai apoiar a eventual recandidatura de Marcelo Rebelo de Sousa. Para o partido, um dos nomes em cima da mesa para as Presidenciais é "fácil" e só depende da "vontade …

Comissão Europeia "otimista" na rápida retoma económica em Portugal

A Comissão Europeia diz estar "razoavelmente otimista" sobre uma "rápida recuperação" económica de Portugal após a crise gerada pela covid-19 e considera que a forma como o país "controlou" a pandemia beneficiará a retoma do …